Meu AdoroCinema
    John Wayne

    Estado civil

    Atividades Ator, Produtor, Diretor
    Nome de nascimento

    Marion Michael Morrisson

    Nacionalidade Americano
    Nascimento 25 de maio de 1907 (Winterset, Iowa - Estados Unidos)
    Morte 11 de junho de 1979 aos 72 anos de idade

    Biografia

    - É do signo de Gêmeos;

    - Possui o recorde 142 filmes como um dos personagens principais;

    - Considerado o 16º ator mais importante da história do cinema, de acordo com a revista Empire;

    - Jogou futebol americano pela Glendale High School e USC;

    - Possui uma estrela na Calçada da Fama, localizada em 1541 Vine Street;

    - Chegou a receber convite para estrelar Os Doze Condenados (1967), mas o compromisso assumido com Os Boinas Verdes (1968) o deixou de fora e o papel acabou ficando com Lee Marvin;

    Primeiras aparições nas telas

    Letra e Música
    Letra e Música
    1929
    A Grande Jornada
    A Grande Jornada
    1930
    Estância em Guerra
    Estância em Guerra
    1931
    Maker of Men
    Maker of Men
    1931

    Seus melhores filmes e séries

    Carreira em destaque

    47
    Tempo de carreira
    0
    Premiação
    141
    Filmes
    1
    Séries
    0
    Indicação
    0
    Filme

    Gêneros favoritos

    Faroeste : 49 %
    Drama : 23 %
    Romance : 15 %
    Aventura : 13 %

    No AdoroCinema:

    0
    Vídeo
    127
    Imagens
    2
    Notícias
    38
    Fãs

    Trabalhou bastante com

    John Ford
    14 filmes
    O Aventureiro do Pacífico (1963), A Conquista do Oeste (1962), O Homem que Matou o Facínora (1962), Marcha de Heróis (1959), Asas de Águia (1957), Rastros de Ódio (1956), Depois do Vendaval (1952), Rio Grande (1950), Legião Invencível (1949), O Céu Mandou Alguém (1948), Sangue de Heróis (1948), Fomos os Sacrificados (1945), A Longa Viagem de Volta (1940), No Tempo das Diligências (1939)
    Harry Carey Jr.
    10 filmes
    Cahill, Xerife do Oeste (1973), Jake Grandão (1971), Jamais Foram Vencidos (1969), Onde Começa o Inferno (1959), Rastros de Ódio (1956), Geleiras do Inferno (1953), Rio Grande (1950), Legião Invencível (1949), O Céu Mandou Alguém (1948), Rio Vermelho (1948)
    John Qualen
    8 filmes
    Os Filhos de Katie Elder (1965), O Homem que Matou o Facínora (1962), Fúria no Alasca (1960), Rastros de Ódio (1956), Mares Violentos (1955), Um Fio de Esperança (1954), O Morro dos Maus Espíritos (1941), A Longa Viagem de Volta (1940)
    Henry Hathaway
    7 filmes
    Bravura Indômita (1969), Os Filhos de Katie Elder (1965), O Mundo do Circo (1964), A Conquista do Oeste (1962), Fúria no Alasca (1960), A Lenda dos Desaparecidos (1957), O Morro dos Maus Espíritos (1941)
    Max Terhune
    6 filmes
    Os Três Camaradas (1939), Três Cavaleiros do Texas (1939), Bandidos Encobertos (1938), Ronda de Sangue (1938), Forcas e Facas (1938), Traição no Deserto (1938)
    Ben Johnson
    6 filmes
    Os Chacais do Oeste (1973), Chisum (1970), Jamais Foram Vencidos (1969), Rio Grande (1950), Legião Invencível (1949), O Céu Mandou Alguém (1948)
    Walter Brennan
    6 filmes
    A Conquista do Oeste (1962), Onde Começa o Inferno (1959), Rio Vermelho (1948), Dakota (1945), A Lei da Coragem (1932), Cavaleiro do Texas (1932)
    Strother Martin
    6 filmes
    Justiceiro Implacável (1975), Bravura Indômita (1969), Os Filhos de Katie Elder (1965), Quando Um Homem é Homem (1963), O Homem que Matou o Facínora (1962), Marcha de Heróis (1959)
    John Agar
    6 filmes
    Jake Grandão (1971), Chisum (1970), Jamais Foram Vencidos (1969), Legião Invencível (1949), Iwo Jima, o Portal da Glória (1949), Sangue de Heróis (1948)
    Cahill, Xerife do Oeste (1973), Chisum (1970), Jamais Foram Vencidos (1969), Heróis do Inferno (1968), Quando Um Homem é Homem (1963)
    Comentários
    • Pablo Moraes da Silva
      Perfeito ator grande figura do cinema. John é nada mais nada menos que um grande astro. Trata se de um cara que nos deixa saudades, assim como outras grandes figura que também ja se foram. Sou um fã dele. Eu vi uma pá de faroestes dele. eldorado rastros de ódio alamo os comancheros jamais foram vencidos o último pistoleiro são só alguns exemplos de filmes maravilhoso que vi.
    • tiberio
      john e a maior lenda do cinema mundial o machão perfeito simples assim
    • GEOVANE B SILVA
      JONH WAYNE AMAVA O OESTE!FICAVA MAIS NOS SETES DE FILMAGEN Q EM CASA!ADORAVA OS FILMES DE WESTEN!ELE MERECE MUITO RESPEITO.PENA Q ESSES FILMES DE WESTERN TANHAM FICADO ESQUECIDOS!
    • jose carlos da silva
      John Wayne criou seu proprio estilo, verifique sua postura nos filmes, o trejeito é igual em todos. O machão é um ser em extinção, acho que morreu com ele. Infelizmente.
    • Cilânia
      O cinema, durante seus quase 112 anos de existência, angariou alguns ícones que ficarão registrados em seus anais até que a arte se extinga por completo. Figuras como Charles Chaplin, Marilyn Monroe e James Dean são grandes exemplos disso, pela representatividade que possuem no tocante aos seus estilos de ser, pensar e agir – dentro e fora da grande tela, vale dizer. Porém, mesmo que estes sejam praticamente imortais dentro do mundo cinematográfico, jamais existiu nenhum outro astro (talvez Brando, não sei) que tenha conseguido superar o feito de Marion Michael Morrison, ator estadunidense eternizado com o estereótipo intranscendente do “genuíno cowboy norte-americano”, que acabou permeando por anos e anos o inconsciente popular como o maior exemplo de macheza, atitude, classe e estilo que se podia encontrar. Homens viam nele o modelo a ser seguido, ao passo que mulheres não desejavam nada mais além de se entregar aos braços de alguém com seu perfil.
    • Cilânia
      Fumante inveterado desde a juventude, Wayne foi diagnosticado em 1964 com câncer de pulmão, passando por uma cirurgia para remoção de todo o pulmão esquerdo e quatro costelas. Apesar dos esforços de seus agentes em evitar que ele tornasse a doença pública, o ator anunciou à imprensa que estava com câncer e fez um apelo para que a população fizesse mais exames preventivos. Cinco anos depois determinou-se que ele estava livre da doença, e apesar da diminuição da capacidade pulmonar, pouco depois Wayne voltou a mascar tabaco e a fumar.[2] No final da década de 1970, Wayne envolveu-se como voluntário nos estudos de uma vacina para a cura do câncer, vindo a morrer em 11 de junho de 1979 em decorrência de um câncer de estômago.
    • Cilânia
      Fumante inveterado desde a juventude, Wayne foi diagnosticado em 1964 com câncer de pulmão, passando por uma cirurgia para remoção de todo o pulmão esquerdo e quatro costelas. Apesar dos esforços de seus agentes em evitar que ele tornasse a doença pública, o ator anunciou à imprensa que estava com câncer e fez um apelo para que a população fizesse mais exames preventivos. Cinco anos depois determinou-se que ele estava livre da doença, e apesar da diminuição da capacidade pulmonar, pouco depois Wayne voltou a mascar tabaco e a fumar.[2] No final da década de 1970, Wayne envolveu-se como voluntário nos estudos de uma vacina para a cura do câncer, vindo a morrer em 11 de junho de 1979 em decorrência de um câncer de estômago.
    • Cilânia
      Fumante inveterado desde a juventude, Wayne foi diagnosticado em 1964 com câncer de pulmão, passando por uma cirurgia para remoção de todo o pulmão esquerdo e quatro costelas. Apesar dos esforços de seus agentes em evitar que ele tornasse a doença pública, o ator anunciou à imprensa que estava com câncer e fez um apelo para que a população fizesse mais exames preventivos. Cinco anos depois determinou-se que ele estava livre da doença, e apesar da diminuição da capacidade pulmonar, pouco depois Wayne voltou a mascar tabaco e a fumar.[2] No final da década de 1970, Wayne envolveu-se como voluntário nos estudos de uma vacina para a cura do câncer, vindo a morrer em 11 de junho de 1979 em decorrência de um câncer de estômago.[2]
    • Cilânia
      Fumante inveterado desde a juventude, Wayne foi diagnosticado em 1964 com câncer de pulmão, passando por uma cirurgia para remoção de todo o pulmão esquerdo e quatro costelas. Apesar dos esforços de seus agentes em evitar que ele tornasse a doença pública, o ator anunciou à imprensa que estava com câncer e fez um apelo para que a população fizesse mais exames preventivos. Cinco anos depois determinou-se que ele estava livre da doença, e apesar da diminuição da capacidade pulmonar, pouco depois Wayne voltou a mascar tabaco e a fumar.[2] No final da década de 1970, Wayne envolveu-se como voluntário nos estudos de uma vacina para a cura do câncer, vindo a morrer em 11 de junho de 1979 em decorrência de um câncer de estômago.
    • Carlos
      Acho que foi o ator que tem o maior número de filmes feitos. Eu lembro dele na obra " O mais longo dos dias".... filme sobre o dia 'D'. No qual se inspiraram p/ fazer o resgate do soldado ryan.
    Mostrar comentários
    Back to Top