Notas dos Filmes
Meu AdoroCinema
    Vincent Price

    Estado civil

    Atividade Ator
    Nacionalidade Americano
    Nascimento 27 de maio de 1911 (Saint Louis, Missouri, EUA)
    Morte 25 de outubro de 1993 aos 82 anos de idade (Los Angeles, Califórnia, EUA)

    Biografia

    Escritor, poeta, admirador de Shakespeare e gourmet, o ator americano participou de vários filmes de terror com pitadas de humor negro. Uma de suas marcas registradas era a capacidade de narrar textos, motivo pelo qual, inclusive, teve sua voz incluída no antológico video clip "Thriller" de Michael Jackson. Deixou o cinema na década de 70, apresentou programas de culinária e narrou muitos contos de horror gótico para o selo Caedmon Records.




    - Nasceu no mesmo dia que Chistopher Lee (27) e um dia antes de Peter Cushing (26), dois atores, que como ele, trabalharam boa parte de suas carreiras em filmes de horror;

    - Cozinhar era um de seus hobies e por conta disto acabou escrevendo vários livros de culinária;

    - Era membro da família que criou o fermento em pó Magic Baking Powder;

    - Era conhecido por ser supersticioso com direito a ferradura e crucifixo em sua porta;

    - Se formou em História da Arte, em Yale;

    - Em 1951, fundou a Galeria Vincent Price no campus da East Los Angeles College para incentivar os outros a desenvolver paixão pela arte;

    - Antes de sua morte, afirmou que seu papel favorito foi Professor Ratigan em O Ratinho Detetive (Disney), especialmente por ter escrito duas canções para o filme;

    - Frequentemente interpretava vilões que morriam chorando;

    - Costumava ir para as exibições de seus filmes trajando a roupa do personagem para atender o pedido dos fãs;

    - Possui duas estrelas na Calçada da Fama, uma referente ao seu trabalho na TV, no número 6501 da Hollywood Boulevard, e outra no número 6201, relacionada ao cinema;

    - Trabalhou em vários filmes cujos títulos originais continham a palavra "house" como The House of the Seven Gables (1940), House of Wax (1953) e House on Haunted Hill (1959);

    - Interpretou o diabo em The Story of Mankind (1957);

    - Fez uma pequena narração na música The Black Widow do álbum "Welcome to My Nightmare" (1975), primeiro disco de Alice Cooper, notório admirador e "usuário" do gênero terror em sua obra e performances ao vivo;

    - Interpretou o "espírito do pesadelo" no especial para televisão "Alice Cooper: The Nightmare" (1975);

    - Reza a lenda que quando Price e Peter Lorre foram ao funeral de Bela Lugosi em 1956, e viram o morto vestido com a capa de Drácula, Lorre perguntou se não deveriam enfiar um estaca no coração por via das dúvidas;

    - Era grande admirador de Shakespeare, razão pela qual gostava de lembrar de seu papel em Theater of Blood (1973);

    - A Última Esperança da Terra (1971) com Charlton Heston e  Eu Sou a Lenda com Will Smith são refilmagens de Mortos que Matam (1964);

    - Participou da noite de abertura da primeira produção de Richard O'Brien, o clássico The Rocky Horror Picture Show (1975);

    - É de Vincent Price a voz gutural no clássico video clip "Thriller" de Michael Jackson;

    - Seu  papel em Edward Mãos de Tesoura (1990), de Tim Burton, era para ser maior, mas problemas de saúde como enfisema e o Mal de Parkinson reduziram sua participação em apenas duas cenas;

    - É lembrado pelos canadenses por sua narração no seriado de TV "The Hilarious House of Frightenstein" (1971), também exibido nos Estados Unidos;

    - A imagem de Price apareceu em jogos de Milton Bradley como "Hangman" e "Shrunken Head Apple Sculpture", ambos da década 70.

    Primeiras aparições nas telas

    Meu Reino Por um Amor
    Meu Reino Por um Amor
    1939
    A Torre de Londres
    A Torre de Londres
    1939
    O Filho dos Deuses
    O Filho dos Deuses
    1940
    Inferno Verde
    Inferno Verde
    1940

    Seus melhores filmes e séries

    Edward Mãos de Tesoura
    Edward Mãos de Tesoura
    1990

    Carreira em destaque

    52
    Tempo de carreira
    0
    Premiação
    51
    Filmes
    6
    Séries
    0
    Indicação
    0
    Filme

    Gêneros favoritos

    Terror : 44 %
    Drama : 24 %
    Suspense : 18 %
    Fantasia : 13 %

    No AdoroCinema:

    0
    Vídeo
    16
    Imagens
    3
    Notícias
    22
    Fãs

    Trabalhou bastante com

    Debra Paget
    3 filmes
    O Castelo Assombrado (1963), Muralhas do Pavor (1962), Os Dez Mandamentos (1956)
    Peter Lorre
    3 filmes
    O Corvo (1963), Farsa Trágica (1963), Muralhas do Pavor (1962)
    Boris Karloff
    3 filmes
    O Corvo (1963), Farsa Trágica (1963), A Torre de Londres (1939)
    Comentários
    • Marcolinospitefire
      Vincent Price, assim como Lon Chaney (pai) e Lon Chaney (filho), além do ator Bella Lugosy são atores que se identificaram com filmes de terror e personificaram criaturas bizarras: Frankstein, Drácula,etc. Price, ator inglês, de inúmeras facetas foi um mito do cinema na sua fase de ouro.
    • Glauco
      Gostaria de deixar meu comentário para uma interpretação soberba de Vincent Price, no filme "As Sete Máscaras da Morte":"Ser ou não ser, eis a questão", talvez seja a fala mais conhecida das personagens de William Shakespeare, de Hamlet. Introduzi esta minha nova resenha para falar a respeito de um filme pouco conhecido, mas estrelado por um ator notório em seus papéis no gênero terror: Vincent Price. "As Sete Máscaras da Morte" nos proporciona uma aula de atuação, sarcasmo e até mesmo das obras do bardo inglês, em uma cronologia inteligente de crimes, sempre tendo como alvo os ofensores do ator Edward Lionheart (interpretado por Price), críticos que, com sua rispidez ferrenha, destituíram o posto quase certo do Prêmio dos Críticos, destinando-o a um novato, William Woodstock, personagem que apenas é citada na trama, mas não faz parte de cena alguma. Com o pretexto da humilhação e da mácula, rodeia-se de personagens também estranhas para conseguir construir seu plano de vingança. Com isso, reproduz passagens de obras-primas como "Tróilo e Cressilda", onde, na interpretação da tragédia grega, Aquiles perpassa uma lança na garganta de Heitor, que suplica para que seu corpo seja velado de forma honrosa, o que é negado: sendo assim, a morte é consumada e o corpo é amarrado a uma biga, arrastado, para que toda Tróia pudesse presenciar este momento. Analogamente, no roteiro de crueldades deste ator frustrado, um dos críticos é, posteriormente ao golpe mortal, amarrado à crina de um cavalo e arrastado em direção ao féretro de outro colega, assassinado anteriormente. "Um ator excelente ilumina o presente e o passado": esta é uma passagem dita durante o filme e que atesta fielmente o desejo de Lionheart (Coração de Leão): reparar um erro cometido e deixar um legado presente onde a interpretação das obras sheakespeareanas deve transcender o palco e expandir-se às vicissitudes da vida real. Embora esporádicas e coadjuvantes, as aparições de sua filha, Edwina (interpretada por Diana Rigg, atriz de teatro condecorada à época e que participou de "007 – A Serviço Secreto de Sua Majestade"), também são marcantes e enigmáticas, pois não deixam explícitas quanto ao seu lado de julgar a sucessão de assassinatos cometidos. Também há de se ressaltar os trejeitos engraçados dos inspetores policiais líderes da investigação, bem como do fã canino, Meredith (interpretado pelo ator Robert Morley), para temperar ainda mais o tom de ironia que permeia o filme, apesar do típico "banho de sangue" em determinadas passagens. 
    • Cilânia
      Vincent Price - Uma grande lista de trabalhos, pelo visto foi um excelente ator e fez um grande papel na história de Holywood.Ainda bem que temos ADORO CINEMA para termos conhecimento da existência desses ídolos.
    Mostrar comentários
    Back to Top