Meu AdoroCinema
Tonia Carrero

Estado civil

Nacionalidade Brasileira
Nascimento 23 de agosto de 1922 (Rio de Janeiro, Rio de Janeiro, Brasil)
Morte 3 de março de 2018 aos 95 anos de idade

Biografia


- Seu pai era oficial do Exército Brasileiro, que morreu general. Também seus irmãos seguiram carreira militar.

- Só a menina, contrariando a vontade materna, “nadou contra a maré”, e bem cedo se interessou por artes, balé, teatro, etc.

- Formou-se em Educação Física.

- Esteve na França, estudando francês e balé. Já estava casada com um artista requintado, de nome Carlos Arthur Thiré. Com ele teve seu único filho Cecil Thiré, também ator.

- Tônia, bem jovem, deixou o filho com a mesma babá que a criou e com a mãe, e foi para Paris.

- Ingressou num curso de teatro, mas não trabalhou em Paris. Só estudou.

- De volta ao Brasil, trabalhou no filme "Querida Suzana" e logo apareceu no jornal uma crônica sobre ela, com o título “Nasce uma estrela”.

- Não quis fazer chanchada, não quis fazer Atlântica.

- Fernando de Barros a ajudou, colocando-a na Compahia de Maria Della Costa. Aí foi para o Rio Grande do Sul e participou de filmes, como "Caminhos do Sul", onde foi protagonista.

- Em teatro estreou na peça: “Um Deus Dormiu Lá em Casa”, com Paulo Autran. Ela, seu marido e Autran organizaram uma Companhia de teatro e fizeram inúmeros espetáculos.

- Tonia já era estrela nacional. Foi então contratada pela Companhia Cinematográfica Vera Cruz, onde fez "Tico-tico no Fubá" e "É Proibido Beijar".

- Trabalhou também com o filho Cecil Thiré, com quem teve uma companhia.

- É mãe do ator Cecil Thiré, avó do ator Miguel Thiré e bisavó dos filhos da atriz Isabela Garcia.

Primeiras aparições nas telas

Caminho do Sul
Caminho do Sul
1949
Apassionata
Apassionata
1952
Tico-Tico no Fubá
Tico-Tico no Fubá
1952
Mãos Sangrentas
Mãos Sangrentas
1954

Carreira em destaque

60
Tempo de carreira
0
Premiação
16
Filmes
8
Séries
0
Indicação
0
Filme

Gêneros favoritos

Drama : 44 %
Biografia : 25 %
Documentário : 19 %
Musical : 13 %

No AdoroCinema:

0
Vídeo
3
Imagens
1
Notícias
3
Fãs

Trabalhou bastante com

Marcos Paulo
Marcos Paulo
4 séries
Uma Rosa com Amor (1972), O Primeiro Amor (1972), A Próxima Atração (1970), Pigmalião 70 (1970)
Betty Faria
1 filme e 3 séries
Chega de Saudade (2007), Água Viva (1980), A Próxima Atração (1970), Pigmalião 70 (1970)
Sadi Cabral
2 filmes e 1 séries
Leonardo Villar
1 filme e 2 séries
Chega de Saudade (2007), O Primeiro Amor (1972), Uma Rosa com Amor (1972)
Renata Sorrah
3 séries
O Primeiro Amor (1972), O Cafona (1971), A Próxima Atração (1970)
Renato Consorte
3 filmes
É Proibido Beijar (1954), Apassionata (1952), Tico-Tico no Fubá (1952)
Sérgio Cardoso
3 séries
O Primeiro Amor (1972), A Próxima Atração (1970), Pigmalião 70 (1970)
Eloísa Mafalda
3 séries
Água Viva (1980), Pigmalião 70 (1970), A Próxima Atração (1970)
Tico-Tico no Fubá (1952), Apassionata (1952), Caminho do Sul (1949)
Paulo Goulart
1 filme e 2 séries
Uma Rosa com Amor (1972), A Próxima Atração (1970), Sócio de Alcova (1961)
Paulo Autran
2 filmes e 1 séries
Sassaricando (1987), É Proibido Beijar (1954), Apassionata (1952)
Comentários
  • Jacqueline
    O Adoro Cinema precisa lembrar do aniversário de noventa anos dela.
Mostrar comentários
Back to Top