Notas dos Filmes
Meu AdoroCinema
    Lupin: Série francesa da Netflix realmente filmou aquela cena no Museu do Louvre?
    Por Amanda Brandão — 12 de jan. de 2021 às 10:39
    facebook Tweet

    Poucas filmagens já aconteceram no importante museu de Paris, como o videoclipe de Beyoncé.

    A série francesa Lupin está em 1º lugar no Top 10 da Netflix Brasil hoje. A produção estreou há menos de uma semana e já está batendo recordes na plataforma.

    Se você é fã de La Casa de Papel, pode se interessar pela trama da série. Na história, Assane Diop (Omar Sy) elabora um grandioso assalto no Museu do Louvre, em Paris. Para isso, ele usa como inspiração o famoso ladrão dos livros e mestre do disfarce, Arsène Lupin, "o Ladrão de Casaca".

    Lupin: Conheça a carreira de Omar Sy, o protagonista da série

    Tudo isso porque Diop tem sede de vingança, pois seu pai morreu ainda quando ele era criança após ser preso injustamente por um crime que não cometeu. E então tudo começa na série.

    Cuidado, se você ainda não assistiu à Lupin, daqui para frente contém SPOILERS da produção.

    No primeiro episódio, Assane Diop planeja uma estratégia para roubar o famoso colar da Rainha. A cena incrível termina com o deslizar de um carro de luxo na famosa pirâmide invertida do Louvre.


    A cena de Lupin foi realmente gravada no Museu do Louvre?

    O que acontece é que poucas produções conseguiram autorização para filmarem cenas no Louvre. Jean-Luc Godard, Alexandre Sokourov, Ron Howard, Jay-Z e Beyoncé e agora Louis Leterrier, o diretor de Lupin.

    Em entrevista ao AlloCiné, Leterrier revelou os detalhes dos bastidores de gravação e afirmou que teve carta branca da produção para fazer tudo que fosse necessário.

    "Bem, eu também pedi algumas coisinhas que me foram recusadas. Depois, há corredores que eu tive que inventar, mas realmente parece o porão do Louvre Tínhamos acesso a ele nos dias de fechamento e à noite. Ficamos sozinhos no meio dessas incríveis obras de arte. O Louvre é um formigueiro. Quando o museu fecha, as pessoas vêm de todos os lugares para limpar as pinturas", revelou.

    O diretor ainda comentou que a série e a influência internacional da Netflix podem renovar a imagem do Louvre. "Fomos capazes de filmar o Louvre de uma maneira diferente. Ao enviar a proposta para o museu, o o objetivo não era jogar milhões para eles e dizer 'vamos lá, vou comprar a pirâmide invertida para você'. Mas sim de renovar a imagem do museu para o mundo", concluiu.

    Lupin está disponível na Netflix e o escritor da série, George Kay já revelou que a segunda parte já foi filmada. Segundo ele, outros lugares prestigiosos da capital francesa aparecerão na sequência.

    facebook Tweet
    Links relacionados
    Pela web
    Comentários
    Mostrar comentários
    Back to Top