Notas dos Filmes
Meu AdoroCinema
    Netflix perde domínio sobre os direitos de Demolidor e fãs pedem por volta do personagem
    Por Bruno Botelho — 30 de nov. de 2020 às 15:53
    facebook Tweet

    Hashtag #SaveDaredevil ficou entre os assuntos assuntos mais comentados do Twitter

    Os direitos que a Netflix tinha sobre o personagem Demolidor acabaram e agora ele está livre para ser utilizado pela Marvel. Com isso, fãs se mobilizaram na internet pedindo a volta da série e dos personagens, com #SaveDaredevil ficando nos trending topics mundiais no domingo (29).

    O acordo entre Marvel e Netflix não permitia o estúdio utilizar o personagem em nenhum de seus filmes ou programas de TV por um período de dois anos após o cancelamento da série, que aconteceu em 20 de novembro de 2018, e agora expirou.

    Fãs pedem resgate do personagem pelo Disney+

    Com Marvel e Disney com total controle criativo, os fãs pedem que tragam de volta o ator Charlie Cox (que interpretou o protagonista) e demais personagens coadjuvantes para participar de filmes e séries.

    A campanha com a hashtag #SaveDaredevil pediu para que os fãs listassem as razões pelas quais o Demolidor deveria ser resgatada pela Marvel Studios. Confira a publicação original:



    Há a possibilidade de que séries da Marvel na Netflix possam ter continuidade em algum momento, especialmente no Disney+ Star que será voltado para um público mais adulto. No momento, o Disney+ está focado em produzir novas séries da Marvel, como WandaVision, LokiFalcão e Soldado Invernal e Miss Marvel.

    Tudo ainda é muito incerto, mas os fãs continuam mostrando como a série é querida. Mesmo sendo um dos maiores sucessos da Netflix – já que era a quarta série mais assistida –, Demolidor foi cancelada em 2018 após sua 3ª temporada.

    Além dela, as outras séries da Marvel no streaming foram Jessica Jones, Luke Cage, Punho de FerroO Justiceiro e Os Defensores.

    facebook Tweet
    Links relacionados
    Pela web
    Comentários
    Mostrar comentários
    Back to Top