Notas dos Filmes
Meu AdoroCinema
    3% e outras 5 boas séries distópicas
    Por Ygor Palopoli — 14 de ago. de 2020 às 15:30
    facebook Tweet

    Aproveitando o lançamento da 4ª temporada de 3%, separamos algumas séries com a mesma linha temática.

    Consolidada como a primeira grande série original brasileira da Netflix3% está chegando agora à sua quarta e última temporada na plataforma de streaming, conquistando, com isso, inclusive um patamar importante de conseguir ser concluída em meio a tantas originais nacionais que acabaram sendo canceladas ao longo do caminho. 

    Baseada em um futuro distópico no qual apenas 3% da população tem o direito de ir até o Maralto — considerado a "elite" da sociedade, contando com tudo que há do bom e do melhor — através de diversas provas e testes de aptidão, enquanto os outros 97% vivem na miséria, a série traz à tona questões de desigualdade social através da distopia.

    Pensando nisso, o AdoroCinema trouxe algumas outras séries que mostram um futuro distópico e incerto para aqueles que ficarão com saudades de 3% e precisarão lidar com a perda da melhor maneira. Vamos lá!

    BLACK MIRROR

    Criador de “Black Mirror” afirma que o mundo não está preparado para novos  episódios da série – Comunidade Cultura e Arte

    Uma das obras mais famosas da Netflix, Black Mirror já ficou conhecida por trazer histórias antológicas revelando o que há de pior no ser humano através da evolução da tecnologia. Ambientada em diversos futuros diferentes nos quais passamos por diversas mudanças na área tecnológica, a série acaba traçando paralelos sobre nossos vícios, desde os mais modernistas até os mais antigos, como a decadência moral.

    Na descrição da trama, ela é uma espécie de híbrido entre "The Twilight Zone" e "Tales of the Unexpected", e explora sensações do mal-estar contemporâneo. Cada episódio conta uma história diferente, traçando uma antologia que mostra o lado negro da vida atrelada à tecnologia.

    THE HANDMAID'S TALE

    The Handmaid's Tale": mulheres lideram revolução em nova temporada da série  | GaúchaZH

    Baseada no livro O Conto da Aia, The Handmaid's Tale traz uma visão mais totalitarista do futuro, reacendendo questões sobre machismo e dominância patriarcal na sociedade. Depois que um atentado terrorista ceifa a vida do Presidente dos Estados Unidos e de grande parte dos outros políticos eleitos, uma facção catolica toma o poder com o intuito declarado de restaurar a paz.

    O grupo transforma o país na República de Gilead, instaurando um regime totalitário baseado nas leis do antigo testamento, retirando os direitos das minorias e das mulheres em especial. Em meio a isso tudo, Offred é uma "handmaid", ou seja, uma mulher cujo único fim é procriar para manter os níveis demográficos da população. Na sua terceira atribuição, ela é entregue ao Comandante, um oficial de alto escalão do regime, e a relação sai dos rumos planejados pelo sistema.

    EXPRESSO DO AMANHÃ

    Expresso do Amanhã viu "mudanças extremas" antes de estrear na Netflix |  Observatório de Séries

    Baseada no filme do vencedor do Oscar Bong Joon-HoExpresso do Amanhã mostra um grupo de pesquisadores que cria um experimento capaz de pôr fim à ameça do aquecimento global, mas seus planos não saem como o planejado e eles acabam eliminando quase toda a vida da Terra, que, por sua vez, transforma-se em um deserto de gelo.

    Os únicos sobreviventes vagam pelo planeta a bordo de um trem chamado Snowpiercer, mas nem todos estão conformados com a situação. Com isso, uma revolução está prestes a eclodir. A série, a partir disso, traça paralelos sobre como as pessoas mais pobres trabalham constantemente para melhorar a vida dos mais ricos: e nada mais do que isso.

    YEARS AND YEARS

    Years and years' é uma grande série - Patrícia Kogut, O Globo

    A rotina de uma família ao longo dos anos: nada mais do que isso. Em Years and Years, nós acompanhamos o dia-a-dia da família Lyon, mas tudo parece piorar quando, em uma noite crucial de 2019, a história do clã avança quinze anos no futuro. Eles então encontram um mundo bem pior do que esperavam: mais quente, barulhento e louco.

    A família disfuncional precisa se mostrar capaz de superar seus traumas e até ajudar no salvamento do Planeta Terra de colapsar, mostrando que além da beleza da rotina cotidiana, é possível mostrar muito sobre o estado do planeta nos próximos anos apenas falando de uma família específica.

    PICO DA NEBLINA

    Pico da Neblina é a mais nova série nacional da HBO - TecMundo

    E uma série brasileira finalizando a lista com uma distopia um tanto diferente da que é esperada, porém igualmente interessante: a legalização da maconha. Dirigida por Fernando Meirelles e seu filho Quico MeirellesPico da Neblina brinca com o fato da legalização render um mercado totalmente inédito que muda até mesmo a configuração do tráfico.

    No enrado, com a maconha recentemente legalizada no Brasil, Biriba deixa de lado o mundo do crime para se manter no ramo. No entanto, enquanto tenta se reinventar e conseguir vender suas mercadorias dentro da lei, o ex-traficante precisa lidar com alguns fantasmas do passado, assim como com seus sócios pouco experientes. 

    facebook Tweet
    Links relacionados
    Pela web
    Comentários
    Mostrar comentários
    Back to Top