Notas dos Filmes
Meu AdoroCinema
    5 motivos para assistir a Normal People
    Por Barbara Demerov — 15 de jul. de 2020 às 12:29
    facebook Tweet

    A nova série do STARZPLAY tem tudo para ganhar seu coração.

    Nesta quinta-feira (16), o STARZPLAY estreia sua nova série: Normal People. Adaptada do livro homônimo de Sally Rooney, a produção de 12 episódios transita pelos altos e baixos das vidas de Marianne (Daisy Edgar Jones) e Connell (Paul Mescal), dois jovens apaixonados um pelo outro.

    As diferenças sociais e pessoais entre os dois personagens fazem com que eles mergulhem em um relacionamento complicado, mas ainda assim de forma sincera e com bastante intensidadeAbaixo, citamos 5 motivos para você maratonar a elogiada série:

    Atuação da dupla principal

    Daisy Edgar Jones e Paul Mescal entregam performances emocionantes, repletas de nuances e, sobretudo, reais. Além do romance, Normal People dá bastante atenção a temas sensíveis, como ansiedade, depressão e abusos dentro do próprio lar. Por isso, a dupla realmente mergulha nas questões internas de Marianne e Connell, ao mesmo tempo em que tentam se ajudar a superar traumas passados para encontrar um futuro mais leve.

    Normal People: "A série é muito sincera com o que é ser humano", diz Daisy Edgar Jones (Entrevista)

    História composta por diferentes fases da vida

    Assim como no livro, a série é dividida em diversas fases das vidas dos protagonistas. Passando pelo colegial até chegar à vida acadêmica e adulta, Normal People destaca em cada episódio qual é a época na qual os personagens estão vivendo. Da mesma forma, o emocional de Marianne e Connell sempre ganha total atenção do roteiro, sendo utilizado como o principal agente dos eventos que serão apresentados ao público. O fato deles estarem felizes ou tristes, juntos ou separados, é sempre relevante.

    Trilha-sonora cheia de clássicos

    Uma das maiores qualidades de Normal People é sua trilha-sonora, que não só acompanha Marianne e Connell enquanto casal como, também, enquanto indivíduos, com todas as emoções vividas na juventude. Dentre as músicas que mais marcam essa história de amor, estão: Sometimes, de Goldmund, 99 Luftballoons, Dandelion, de Jealous of the Birds, e Hide and Seek, de Imogen Heap. Essa trilha-sonora é digna de ser salva em sua playlist para ouvir repetidamente quando terminar a maratona.

    Um romance realista

    Se você gosta de filmes românticos como Um Dia, Normal People é uma série com características bem similares. Por vezes, o roteiro vai além do romance entre Marianne e Connell (que é muito bem construído, por sinal) para trabalhar as relações dos personagens com suas famílias e amigos. Apesar de o casal ser o principal chamativo da série, o que acontece no período em que eles não estão fisicamente juntos é tão interessante quanto - além de funcionar bem para entregar mais camadas aos protagonistas. Ah, e ainda falando em Um Dia, provavelmente você vai achar Daisy Edgar Jones um tanto parecida com Anne Hathaway!

    Episódios de 30 minutos

    Em tempos de streaming e inúmeras séries para assistir no tempo livre, o fato de Normal People ter episódios de meia hora cada já é um atrativo enorme. E o mais curioso é que a duração é perfeita para o que a série propõe, pois em um episódio temos a atenção mais focada em Connell e, no outro, em Marianne. Assim, a dinâmica se mantém balanceada e estritamente focada nas principais características que a história busca trazer desde o início: mostrar a evolução pessoal e comunicativa dos dois jovens, sobretudo enquanto casal.

    facebook Tweet
    Links relacionados
    Pela web
    Comentários
    Mostrar comentários
    Back to Top