Meu AdoroCinema
Relembre os motivos por trás de cada série cancelada pela Netflix
Por Katiúscia Vianna — 15/07/2017 às 11:13
facebook Tweet

Entenda as tretas e complicações financeiras dos finais de Sense8, The Get Down, Girlboss, Marco Polo e outros shows!

Longmire

Já para os fãs de Longmire, a Netflix é uma espécie de fada madrinha. Originalmente produzido pelo canal A&E, o drama foi bruscamente cancelado após três anos, mesmo tendo uma grande audiência nos Estados Unidos. Mas foi resgatado pela plataforma - que estava tentando conquistar outro tipo de audiência. Resultado? Três novas temporadas, com sua conclusão marcada para 2017.

"Estamos muito agradecidos à Netflix pela opotunidade de compor um capítulo de encerramento para esses amados personagens. Estamos comprometidos a entregar uma conclusão dinâmica e satisfatória para os nossos fãs a fim de recompensar a sua lealdade", afirmaram os produtores executivos Greer Shephard, Hunt Baldwin e John Coveny.

Bloodline

Protagonizada por Kyle Chandler, Ben Mendelsohn e Linda Cardellini, essa série foi elogiada pela crítica, vencendo até um Emmy de melhor ator coadjuvante. Mas nos bastidores, foram só trancos e barrancos. A produção de uma terceira temporada foi incerta pelo alto custo de produção, após o fim do programa de incentivos fiscais de entretenimento da Flórida.

Por fim, a Netflix renovou a série, mas diminiu o número de episódios finais de 13 para 10. Segundo informações da imprensa norte-americana, há uma espécie de tensão entre a Netflix e a Sony Pictures Television, que é co-produtora de Bloodline e tentou vender a história para outros meios, sem sucesso. Afinal, os criadores Todd A. Kessler, Daniel Zelman e Glenn Kessler tinham planos de fazer cinco ou seis temporadas. Alerta de treta!

The Get Down

Por falar em treta, as filmagens da ambiciosa série musical de Baz Luhrmann também não foram tranquilas. Oficialmente, The Get Down é a segunda série mais cara do serviço de streaming, ficando atrás somente de The Crown. Porém, o caótico processo de gravação fez a Netflix gastar cerca de US$ 16 milhões por episódio, totalizando um valor de cerca de US$ 190 milhões - orçamento típico de blockbusters de Hollywood.

Com uma temporada dividida em duas partes, a temida decisão foi tomada e a série sobre as origens do hip-hop chegou ao fim. Luhrmann publicou uma longa carta aos fãs, agradecendo o apoio, mas afirmando: "A verdade pura e simples é: eu faço filmes."

Sense8

Se você não percebeu toda a polêmica ao redor do cancelamento de Sense8, é possível que você more embaixo de uma pedra. Desde a primeira temporada, rumores apontavam para as grandes depesas de produção - afinal, tem um grande elenco regular, que precisa viajar para 13 países. No segundo ano, cada episódio custou cerca de US$ 9 milhões por episódio e a audiência não foi o suficiente para a Netflix. 

Após o anúncio oficial do cancelamento, a internet nunca mais foi a mesma: teve várias campanhas nas redes sociais e até protesto com 'pegação geral'. Diante de tamanha mobilização, a plataforma aceitou fazer um episódio final com duas de duração, previsto para 2018 - com direito a comemoração da criadora Lana Wachowski: "Contra as probabilidades, seu amor trouxe Sense8 de volta a vida!" Final feliz. <3

Girlboss

Britt Robertson não tem muita sorte, coitada... A história criada por Kay Cannon (A Escolha Perfeita) trata-se de uma biografia livremente inspirada sobre Sophia Amoruso, dona da milionária loja virtual Nasty Gal. A comédia sofreu críticas da imprensa especializada e acabou sendo cancelada. Quem fez o anúncio foi a própria empresária, que também não pareceu muito satisfeita com o show.

"Então, aquela série da Netflix sobre a minha história foi cancelada. Por mais que esteja orgulhosa do trabalho que fiz, estou ansiosa para controlar minha narrativa daqui pra frente. Foi uma boa série e foi um privilégio trabalhar com tantos talentos incríveis, mas viver minha vida como uma caricatura foi dífícil. [...] Não, não sou uma babaca. Vai ser legal, um dia, contar a história do que aconteceu nestes últimos anos. As pessoas leem a chamada, não a errata, eu aprendi", destacou Sophia em uma série de posts no Instagram Stories.

facebook Tweet
Links relacionados
  • Netflix justifica cancelamentos de The Get Down e Sense8: "As pessoas estão assistindo?"
  • Apesar dos apelos de fãs, Netflix solta comunicado oficial sobre cancelamento de Sense8
  • CEO da Netflix explica por que o canal deve cancelar mais séries
Pela web
Comentários
Mostrar comentários
Siga o AdoroCinema
Matérias especiais recomendadas
As 30 séries mais aguardadas de 2019
NOTÍCIAS - Produção
terça-feira, 1 de janeiro de 2019
As 30 séries mais aguardadas de 2019
Retrospectiva 2018: Os melhores episódios de séries de TV
NOTÍCIAS - Visto na web
segunda-feira, 17 de dezembro de 2018
Retrospectiva 2018: Os melhores episódios de séries de TV
As 20 melhores séries de 2018
NOTÍCIAS - Produção
domingo, 16 de dezembro de 2018
As 20 melhores séries de 2018
Emmy 2018: Confira as apostas do AdoroCinema para os vencedores
NOTÍCIAS - Festivais e premiações
sábado, 15 de setembro de 2018
Emmy 2018: Confira as apostas do AdoroCinema para os vencedores
Todas as Matérias especiais de séries
Séries novas mais esperadas
Ultraman (2019)
1
Ultraman (2019)
Ação, Animação
Estreia
1 de abril de 2019 em Netflix
Todos os vídeos
Hanna
2
Hanna
Drama, Suspense
Estreia
29 de março de 2019 em Amazon
Todos os vídeos
Good Omens
3
Good Omens
Comédia , Drama
Estreia
31 de maio de 2019 em Amazon
Todos os vídeos
O Que Fazemos nas Sombras
4
O Que Fazemos nas Sombras
Comédia , Terror
Estreia
27 de março de 2019 em FX Networks
Todos os vídeos
Novas séries mais esperadas
Back to Top