Notas dos Filmes
Meu AdoroCinema
    Ellen Page revela ser transgênero e muda nome para Elliot
    Por Vitória Pratini — 1 de dez. de 2020 às 15:29
    facebook Tweet

    Ator de The Umbrella Academy e Juno sempre foi ativista da causa LGBTQ.

    Theo Wargo/Getty Images

    Elliot Page, estrela de The Umbrella Academy e Juno, antigamente conhecido como Ellen Page, revelou ser não-binário e transgênero. De agora em diante, o ator deve ser referido nos pronomes masculinos singular e plural. O anúncio foi feito através das redes sociais dele.

    “Quero compartilhar com vocês que sou trans, meus pronomes são ele / eles e meu nome é Elliot”, disse Page. “Eu me sinto sortudo por estar escrevendo isso. Estar aqui. Por ter chegado a este lugar na minha vida.”

    Page ainda revelou estar muito emocionado com a gratidão que está recebendo durante esta jornada. “Não consigo expressar como é notável finalmente amar quem sou o suficiente para buscar meu eu autêntico”, disse.

    Além disso, Page admitiu que assumir publicamente será um novo desafio. “Peço paciência. Minha alegria é real, mas também é frágil. A verdade é que, apesar de me sentir profundamente feliz agora e de saber quantos privilégios tenho, também estou com medo. Tenho medo da invasão, do ódio, das 'piadas' e da violência. Para ser claro, não estou tentando abafar um momento que seja alegre e que eu celebre, mas quero abordar o quadro completo.”

    O ator ainda citou a violência contra pessoas trans e o aumento de assassinatos de pessoas trans negras no ano passado. Page seguiu, no entanto, esperançoso e confiante em sua identidade e no mundo, mantendo sua defesa da comunidade LGBTQ. “Eu amo ser trans. E eu adoro ser queer”, disse.

    Leia o comunicado completo, em inglês:

    Elliot Page recebeu apoio na internet
    Netflix
    Cena de The Umbrella Academy.

    Elliot Page — antes conhecido como Ellen Page — sempre foi grande ativista da causa LGBTQ. Recentemente, a estrela inclusive celebrou a representatividade em The Umbrella Academy, uma das séries mais assistidas da Netflix. Ele também defendeu questões ambientais e não teve receio de acusar Brett Ratner de comportamento homofóbico e abusivo no set de X-Men - O Confronto Final.

    O GLAAD enviou seu apoio a Page. “Elliot Page nos deu personagens fantásticos na tela e tem sido um defensor sincero de todas as pessoas LGBTQ”, disse Nick Adams, diretor de mídia transgênero da GLAAD. “Ele agora será uma inspiração para inúmeras pessoas trans e não binárias. Todas as pessoas transexuais merecem a chance de ser nós mesmas e de serem aceitas por quem somos. Celebramos a notável Elliot Page hoje.”

    The Umbrella Academy: Ellen Page conta como usaria poderes de heróis da série na vida real (Entrevista Exclusiva)

    Ator de The Umbrella Academy estrelou na direção

    Além de aparecer em JunoA Origem e The Umbrella Academy, Page fez sua estreia na direção ao lado do codiretor Ian Daniel em There’s Something In The Water, da Netflix. O documentário é baseado no livro de Ingrid Walton e explora o flagelo do racismo ambiental através das lentes das mulheres indígenas e africanas da Nova Escócia que lutam para proteger suas comunidades, suas terras e seu futuro.

    Ele também estrelou o revival da minissérie LGBTQ dos anos 90, Tales of the City, por Lauren Morelli, e criou a produziu a série documental Gaycation do Hulu, que ganhou duas indicações ao Emmy.

    facebook Tweet
    Pela web
    Comentários
    • FSociety
      A cada ano vai mudando daqui a pouco vai virar o diabo kkkkkkkkkkkkk
    • Thiago Soares Mota
      Primeiro falou que era cis, depois falou que era lésbica e agora fala que é homem! Daqui a pouco vai falar que é um ornitorrinco...
    Mostrar comentários
    Back to Top