Notas dos Filmes
Meu AdoroCinema
    Melhores aberturas de filmes dos anos 2010
    Por Vitória Pratini — 27 de out. de 2020 às 15:39
    facebook Tweet

    Mulher Maravilha 1984 e 007 - Sem Tempo Para Morrer já revelaram suas cenas iniciais, então chegou a hora de relembrar outras sequências marcantes!

    Mulher Maravilha 1984 recentemente teve sua cena de abertura revelada por Gal Gadot. O filme, adiado para dezembro, vai começar com uma versão jovem da princesa Diana competindo em uma espécie de Olimpíadas Amazônicas.

    Já outro filme, também adiado por causa da pandemia do coronavírus, teve mudanças em sua cena de abertura. 007 - Sem Tempo Para Morrer — o último da franquia a ser protagonizado por Daniel Craig — não seguirá a tradição da saga do agente secreto. O início do longa-metragem não terá a participação de James Bond. De acordo com o The Wall Street Journal, a primeira cena é descrita como sendo "lenta, visualmente cativante e legendada com diálogos em francês". A sequência é focada em Madeleine Swan (Léa Seydoux), especificamente uma história de sua infância quando Safin (Rami Malek) mata sua mãe e a persegue através de sua casa.

    Enquanto aguardamos pela estreia dos filmes, ficamos imaginando como serão essas sequências. Pensando nisso, o AdoroCinema resolveu relembrar 5 aberturas marcantes de filmes lançados na década de 2010 — sejam elas as primeiras cenas das produções ou os créditos iniciais. Confira abaixo e conte para a gente: qual é a sua favorita?

    La La Land - Cantando Estações (2016)

    Considerado um dos 20 Melhores Filmes dos últimos 20 Anos segundo o AdoroCinemaLa La Land - Cantando Estações já começa animado, colorido e extravagante, com a canção "Another Day Of Sun" ("Outro Dia de Sol", na tradução) — que rendeu até uma paródia de um jovem convidando Emma Stone para ir à formatura. O número musical acompanha um grupo de pessoas preso em um engarrafamento em uma auto-estrada em Los Angeles (que foi de fato fechada para as gravações!).

    Assista:

    Deadpool (2016)

    Se tem algo que Deadpool é, sem dúvidas é zoeiro. E a representação por parte de Ryan Reynolds caiu como uma luva. O primeiro filme do anti-herói traz Wade Wilson zombando sobre ter ganho o próprio filme — e fazendo graça com diversos outros personagens dos quadrinhos, com seu intérprete e a indústria do cinema. Não à toa que os créditos iniciais contemplam praticamente tudo isso. O filme faz uso da criativa sequência para estabelecer o clima e o tom da produção. Vemos uma cena de luta em câmera lenta e em close, enquanto os créditos rolam:  "Filme de algum bobão estrelando o idiota perfeito de deus", até que Ryan Reynolds aparece na capa de revista de fofoca. Veja:

    007 - Operação Skyfall (2012)

    Como a maioria dos filmes da franquia protagonizada por James Bond, 007 - Operação Skyfall tem um criativo e envolvente crédito de abertura. Ao som da canção vencedora do Oscar, "Skyfall", de Adele e Paul Epworth, a sequência bem editada traz o personagem de Daniel Craig enfrentando uma série de perigos. Além disso, é preciso fazer menção à cena inicial, que traz Bond em uma perseguição em cima de um trem, que culmina em todos achando que ele está morto. Relembre:

    007: Os melhores filmes da franquia de James Bond

    Mad Max: Estrada da Fúria (2015)

    Um dos filmes de ação mais emblemáticos dos últimos 10 anos, o elogiado Mad Max: Estrada da Fúria traz uma cena inicial que define o tom e a estética do longa-metragem. Enigmática e frenética, a sequência apresenta o universo, as batalhas, o personagem de Tom Hardy e a excelente direção de George Miller. Confira:

    Mad Max: Chris Hemsworth, Anya Taylor-Joy e Yahya Abdul-Mateen II são escalados para prelúdio do filme

    A Rede Social (2010)

    Eleito um dos melhores filmes da década segundo o AdoroCinemaA Rede Social tem uma cena inicial repleta de alfinetadas entre Mark e Erica, personagens de Jesse Eisenberg e Rooney Mara, respectivamente. Os atores entregam as farpas verbais escritas por Aaron Sorkin de forma excelente, enquanto a edição concede ritmo aos insultos entre eles. David Fincher supostamente levou 99 tomadas para compor essa conversa de ida e volta. Assista:

    20 Filmes que completam 10 anos em 2020

    facebook Tweet
    Links relacionados
    Pela web
    Comentários
    Mostrar comentários
    Back to Top