Notas dos Filmes
Meu AdoroCinema
    Arlequina, Deadpool e outros anti-heróis icônicos da cultura pop
    Por Kalel Adolfo — 29 de set. de 2020 às 00:02
    facebook Tweet

    Por não serem perfeitos, nos identificamos muito mais com personagens como Hellboy e Hancock.


    Todos nós adoramos heróis como Superman, Mulher-Maravilha e Batman. Contudo, secretamente, nós gostamos ainda mais de torcer para aqueles personagens que não se enquadram no perfil do “mocinho”. O motivo? Anti-heróis costumam ser mais humanos e vulneráveis, gerando mais identificação em quem está assistindo.

    Nós sabemos que ninguém é perfeito, e todos erramos. Portanto, ver alguém que salva o dia, mas faz algumas besteiras no caminho é no mínimo reconfortante. Por isso, separamos alguns dos nossos anti-heróis favoritos.

    Vale lembrar que muitos destes personagens têm filmes disponíveis no Telecine. E se você adora o gênero de heróis, não deixe de conferir os títulos da franquia da Marvel, disponíveis no serviço de streaming. Veja a seguir:

    Venom

    Tom Hardy protagoniza a recente adaptação cinematográfica de Venom, um dos anti-heróis mais poderosos da Marvel. Apesar de estar em constante conflito com o Homem-Aranha, a criatura já realizou feitos admiráveis nos quadrinhos, trabalhando a favor — e contra — os heróis.

    Provavelmente o que faz Venom ser um justiceiro não-convencional é a sua metamorfose. Como Eddie Brock, ele costuma estar do lado dos mocinhos. Mas quando se transforma em um ser alienígena, as coisas ficam feias.

    Venom e outros personagens do Tom Hardy que usam máscaras

    Arlequina

    Arlequina é pessoalmente a minha anti-heroína favorita. Após ser criada de forma violenta em um convento, Harleen Quinzel se formou em psiquiatria, e passou a trabalhar no Arkham Asylum. Foi lá que conheceu o superestimado Coringa, que a manipulou por anos. Juntos, os dois cometeram diversos crimes contra Gotham.

    Contudo, tudo mudou quando Arlequina conseguiu se livrar do embuste. Sozinha, ela se transformou em uma das anti-heroínas mais icônicas da DC, entregando ao público alguns dos momentos mais gratificantes dos quadrinhos.

    A primeira aparição da personagem aconteceu na série animada do Batman. Até então, ela estava programada para aparecer em apenas um episódio. Mas a resposta do público foi tão calorosa, que os produtores precisaram incluí-la permanentemente no universo dos quadrinhos. Como já dizia Beyoncé: “I’m back by popular demand”.

    Atualmente, ela é interpretada de maneira genial por Margot Robbie em filmes como Aves de Rapina. A sua nova passagem nos cinemas irá acontecer em O Esquadrão Suicida, dirigido por James Gunn (Guardiões da Galáxia). Inclusive, vários detalhes empolgantes da produção foram revelados recentemente.

    Aves de Rapina: Como o filme humaniza a Arlequina

    Deadpool

    Deadpool é um dos personagens mais irreverentes dos quadrinhos. Na história, ele é diagnosticado com câncer terminal, mas encontra a possibilidade de cura através de uma experiência científica bizarra. Após adquirir poderes, ele se transforma em um mercenário bem-humorado que busca vingança contra o homem que assassinou sua esposa.

    Deadpool 3 pode demorar cinco anos para ser lançado

    Kick Ass

    Dave (Aaron Johnson) se tornou Kick Ass de maneira completamente inesperada, mas não incoerente. Tudo aconteceu quando ele decidiu defender um cara que apanhava fantasiado de herói, e foi filmado por uma plateia. Obviamente, o momento viralizou na internet, e faz o adolescente inexperiente se transformar em um dos principais vigilantes da cidade. Parece algo que aconteceria na vida real, né?

    Hellboy

    Hellboy tem uma origem bem obscura, já que surgiu na Terra após um grupo de nazistas invocar forças malignas para destruir o planeta. Felizmente, ele apareceu a quilômetros de distância do local do ritual, em uma igreja abandonada.

    Após ser encontrado por soldados, o Professor Trevor Bruttenholm adotou o menino. Existem momentos em que as atitudes do personagem são questionáveis, por conta de suas origens obscuras. Contudo, a sua criação o salvou de escolher o caminho das trevas.

    Hancock

    Hancock, vivido por Will Smith, é um herói alcoólatra que salva as pessoas de maneiras nada convencionais. Por esse motivo, a sua popularidade cai drasticamente, e ele é indiciado a prisão. Temendo perder definitivamente o seu papel de vigilante, ele contrata um agente de relações públicas para salvar a sua imagem.

    O plano dele é se entregar à prisão. Assim, a taxa de criminalidade iria disparar, e a população imploraria por seu retorno. Que plano heróico fajuto é esse, gente?

    facebook Tweet
    Pela web
    Comentários
    Mostrar comentários
    Back to Top