Notas dos Filmes
Meu AdoroCinema
    Breve Miragem de Sol: Fabrício Boliveira e Bárbara Colen falam sobre semelhanças do filme com o momento atual do Brasil (Entrevista Exclusiva)
    Por Ygor Palopoli — 14 de set. de 2020 às 09:30
    facebook Tweet

    Primeiro longa-metragem original do Globoplay, Breve Miragem de Sol foi filmado no ano de 2017 e conta com Boliveira e Colen como protagonistas.

    Após obter êxito considerável no universo das séries originais, o Globoplay realizou neste último mês de agosto o lançamento de seu primeiro longa-metragem exclusivo, Breve Miragem de Sol. Dirigido por Eryk Rocha (Cinema Novo) e estrelado por Fabricio Boliveira (Simonal) e Bárbara Colen (Bacurau), o longa é ambientado no Rio de Janeiro e retrata um Brasil contemporâneo através das trajetórias que se cruzam dentro de um táxi na capital carioca. 

    Com uma história inesperadamente atual, assemelhando-se não apenas ao período político que vivemos, mas também a como a pandemia afetou os brasileiros, o filme mostra Paulo (Boliveira), um taxista solitário que trabalha em meio período para fazer uma grana extra, cruzando seu destino com a enfermeira Karina (Colen). E foi justamente para falar um pouco sobre os personagens, que a dupla conversou em exclusividade com o AdoroCinema.

    Breve Miragem de Sol
    Breve Miragem de Sol
    Data de lançamento 30 de agosto de 2020 | 1h 38min
    Criador(es): Eryk Rocha
    Com Fabrício Boliveira, Barbara Colen, Cadu N. Jay
    Usuários
    2,6

    Sobre a intenção do filme, para Fabrício, existe uma forte relação entre a narrativa e o momento atual do cenário brasileiro: "Eu acho que o filme conecta muito com os dias de hoje, olhando uma linha do tempo, sabe? Não só pelo personagem do Paulo, que é um taxista da noite, ou pela Karina, que é uma enfermeira, mas também porque tudo é consequência de uma política mal feita. O filme acaba falando dos problemas comuns do Rio de Janeiro, tudo isso que a gente sabe que acontece no Rio de Janeiro", falou.

    Sobre as inspirações para viver o personagem, que é taxista, ele conta que realizou um método um tanto quanto diferenciado: "Eu fiquei um tempo andando com taxistas, né. Então a gente foi entrando nos espaços, conheci muita gente interessante, os motoristas, as ruas, onde eles viviam à noite, onde eles comiam, quem eram estas pessoas, muitos grupos de WhatsApp que entrei, participei de conversas... foi uma experiência muito profunda", contou ele.

    Segundo ele, o próprio Rio de Janeiro se torna um personagem no meio de uma trama tão rica: "Conhecer as pessoas, andar de trem à noite... o nosso trabalho traz muito autoconhecimento. Você vai compor alguém, você estuda e isso faz que você compare com o seu. Estamos julgando menos e observando mais, falando menos e observando mais".

    Fabrício Boliveira faz desabafo em live sobre o filme 'Breve Miragem de  Sol': 'Retrato do brasileiro atual' | Famosos | Gshow

    "Foi uma loucura [chegar ao elenco do filme]. Eu vi em um post do Facebook que estavam fazendo testes pro filme e acabou que meu teste foi o primeiro de todos. Foi só depois de um tempo, eu conheci o Fabrício e o diretor me pediu para fazer um segundo teste, mas eu estava em Barcelona, eu morava lá. Eu paguei a passagem só pra vir pro Brasil fazer o teste", contou Bárbara, sobre os primórdios da produção.

    A atriz que, além de Bacurau, conta com outros filmes muito premiados em seu currículo, como Aquarius e No Coração do Mundo, aproveitou também para falar um pouco sobre como foi a preparação para viver uma enfermeira, especialmente levando em conta que o filme foi lançado agora, numa época onde a enfermagem torna-se ainda mais necessária:

    "A preparação pra essa personagem foi bem especial, porque foi também muito conjunta, também com o Eryk e com o Fabrício, no sentido da gente se encontrar pra conversar, ter espaço para improvisar, falar bastante sobre a ideia". Bárbara relata também que sua trajetória ao redor do Brasil, realizando filmes que se passavam em vários lugares diferentes, a ajudou ainda a dar vida a uma personagem tipicamente carioca, mas cheia de culturalidade.

    Breve Miragem de Sol | Primeiro filme de ficção exclusivo do Globoplay  estreia neste domingo

    Com estreia internacional no festival BFI de Londres (2019), a obra e o elenco foram premiados em renomados festivais nacionais e internacionais como o Festival Internacional de Cinema de Gotemburgo (2019, Suécia) e o Festival do Rio 2019, que rendeu a Fabricio Boliveira o prêmio de Melhor Ator. A obra é uma coprodução Aruac Filmes, Globo Filmes, VideoFilmes, Canal Brasil, Varsovia Films (Argentina) e Tu Vas Voir (França).

    O filme já está disponível no Globoplay.

    facebook Tweet
    Links relacionados
    Pela web
    Comentários
    Mostrar comentários
    Back to Top