Notas dos Filmes
Meu AdoroCinema
    6 filmes para celebrar o dia da visibilidade lésbica
    Por Publieditorial — 28 de ago. de 2020 às 16:22
    facebook Tweet

    29 de Agosto é o dia da visibilidade lésbica, e o Telecine separou uma incrível seleção de filmes para todos comemorarem a data.

    Em 1930, Marlene Dietrich interpretou uma cantora de cabaré no filme Marrocos. O longa — que foi indicado a quatro Oscars — mostrava uma cantora de cabaré dando um inocente “selinho” em uma das espectadoras de seu show. Essa foi a primeira vez em que uma produção hollywoodiana referenciou a homossexualidade.

    Contudo, um grande marco para a representatividade lésbica ocorreu um ano depois, no longa alemão Meninas de Uniforme (1931). Nele, as duas protagonistas se beijam em um contexto romântico. E apesar de sofrer inúmeras censuras, a obra acabou conquistando espaço na sétima arte, ganhando até uma refilmagem em 1958.

    Podemos dizer que essas duas produções foram pioneiras em suas temáticas. E claro, a cada década, os romances lésbicos começaram a ganhar cada vez mais notoriedade entre os cineastas. Ridley Scott nos presenteou com Thelma & Louise.

    Peter Jackson, o diretor de O Senhor dos Anéis, fez Almas Gemêas em 1994. Nele, Kate WinsletMelanie Lynskey vivem um grande amor nas telonas. E chegando aos dias atuais, temos filmes espetaculares como Retrato de uma Jovem em ChamasA Favorita (que rendeu um Oscar para Olivia Colman).

    Agora que você entendeu um pouco mais sobre a evolução da visibilidade lésbica no cinema, que tal conferir mais filmes para mergulhar de vez na causa? Para te ajudar, o Telecine preparou a cinelist “Visibilidade Lésbica” com grandes títulos que celebram uma das inúmeras formas de amar.

    Confira a seguir, alguns dos melhores longas da seleção:

    1. Retrato de uma Jovem em Chamas

    No filme, a mãe de Héloïse contrata a pintora Marianne para fazer um retrato de sua filha. As duas passam o dia juntas para que, à noite, a artista possa fazer o quadro. Contudo, o relacionamento entre as duas fica extremamente intenso. A história se passa na França do século 18.

    2. Fora de Série

    Amy (Kaitlyn Dever) e Molly (Beanie Feldstein) estão chegando ao fim do ensino médio, e percebem que não curtiram nada por estarem sempre estudando. Por isso, elas decidem tirar o atraso com um dia repleto de loucuras e festas. Como consequência, elas acabam descobrindo novos traços de si mesmas.

    3. Desobediência

    Após a morte do pai, a fotógrafa Ronit abandona a sua cidade natal. Ao retornar, acaba enfrentando o julgamento de toda a comunidade. O único que lhe acolhe é um velho amigo, que está casado com Esti, a sua maior paixão de infância. Desobediência é protagonizado por Rachel Weisz e Rachel McAdams.

    Conheça 25 romances adolescentes LGBT

    4. A Favorita

    Em A Favorita, Sarah e Emma disputam o amor da Rainha Anne, que foi interpretada por Olivia Colman. Na época, a atriz britânica venceu o Oscar de Melhor Atriz, superando nomes como Glenn Close (com A Esposa) e Lady Gaga (que fazia sua estreia no cinema como protagonista).

    5 Filmes de época protagonizado por casais lésbicos

    5. O Mau Exemplo de Cameron Post

    O Mau Exemplo de Cameron Post é a triste história de uma menina enviada para o acampamento Promessas de Deus. Lá, os funcionários tentarão “curar” a sua homossexualidade das formas mais cruéis possíveis. Estrelado por Chloe Grace Moretz, a obra é uma importante reflexão acerca da opressão religiosa.

    6. Rafiki

    Rafiki é o primeiro longa-metragem do Quênia a ser exibido no Festival de Cannes. Na história, duas jovens enfrentam as leis quenianas que criminalizam as relações homossexuais. Infelizmente, essa é a realidade para muitos jovens LGBTQIA+ que vivem em regiões extremamente conservadoras.

    Você Nem Imagina: Confira 5 filmes com romances LGBT

    facebook Tweet
    Pela web
    Comentários
    Mostrar comentários
    Back to Top