Notas dos Filmes
Meu AdoroCinema
    À Procura da Felicidade: Conheça a história real do filme com Will Smith
    Por Kalel Adolfo — 7 de ago. de 2020 às 12:01
    facebook Tweet

    Longa foi inspirado na vida de Chris Gardner, empresário que morou nas ruas antes de alcançar sucesso.

    O filme de hoje na Sessão da Tarde é À Procura da Felicidade, dirigido por Gabriele Muccino e protagonizado pelo icônico Will Smith (Eu Sou a Lenda). A história do filme é baseada na vida de Chris Gardner, morador de rua que se tornou um grande empresário. Contudo, isso não foi fácil. Na época, ele ainda tinha um filho pequeno para criar.

    Confira a seguir, mais detalhes sobre a história de Chris Gardner, e algumas curiosidades sobre o longa que será exibido pela Globo:

    A origem de Chris Gardner, que inspirou À Procura da Felicidade

    Chris Gardner não teve uma infância tranquila: Quando pequeno, presenciou inúmeros momentos traumáticos com o padrasto, que agredia a mãe e as irmãs. O pai biológico também não era um bom exemplo, e não compareceu ao nascimento do filho.

    Para piorar a situação, Chris e suas irmãs foram morar em um abrigo social após a mãe ser presa. O motivo? O padrasto a acusou de fraude. Após ser liberada, conseguiu morar por mais alguns meses com os filhos. Logo em seguida, foi detida novamente, desta vez porque o padrasto alegou que ela tentou assassiná-lo.

    Quão realistas são os filmes baseados em fatos reais? Site analisa alguns longas cena a cena

    Chris então foi morar com o seu tio Henry. O homem foi uma influência positiva em sua vida, e lhe trouxe paz em momentos de sofrimento. Mas quando o menino completou nove anos, Henry se afogou em um lago, e faleceu.

    Por mais que toda a sua infância tenha sido angustiante, Chris guardou memórias positivas da mãe. Além disso, por conta de suas vivências, ele passou a afirmar o que seria inaceitável em sua vida: Medo, alcoolismo, abuso infantil, violência e falta de poder.

    O filme Incontrolável é baseado em fatos reais?

    Diferenças entre a vida real x filme

    No filme, o filho de Gardner tem cinco anos. Mas na vida real, o menino tinha apenas 14 meses de idade quando estava morando na rua com o pai. Na época, Chris ficava com o coração na mão sempre que deixava o bebê com algum desconhecido para ir procurar emprego. A situação durou por cerca de um ano, quando ele finalmente conseguiu sair das ruas.

    Por que Chris ficou desempregado e foi para a rua?

    Chris estava em processo seletivo para ser estagiário em Wall Street. Contudo, o funcionário que fez a sua entrevista foi demitido um dia antes de Gardner começar no emprego. O resultado? Ninguém mais sabia quem o rapaz era, e por que ele estava ali.

    Para piorar tudo, Chris havia largado o emprego para se dedicar como estagiário em Wall Street. Sua esposa na época também estava desempregada, e via o marido como a única esperança para continuar tendo uma moradia.

    Depois disso, ele foi morar na rua, e ficou lá por um ano. Mas por sorte — e muito talento — Chris esbarrou com um cara que trabalhava em Wall Street. Ele acreditou em Gardner, e lhe deu uma oportunidade de emprego. A partir daí, sua trajetória mudou.

    Homens de Coragem: Você sabia que o filme é inspirado em fatos reais?

    O verdadeiro Chris Gardner aparece no filme

    Após Chris lançar um livro sobre a sua vida, Hollywood se interessou e resolveu trazer a obra para as telonas. Gardner participou ativamente do processo criativo, e fez até uma pequena aparição. No final do filme, ele cruza o caminho de Will e Jaden Smith. 

    Moradores de rua foram contratados para a produção

    Os figurantes do filme eram moradores de rua verdadeiros. Eles receberam cerca de US$ 8 por hora, e alimentação gratuita. Com o filme, muitos deles ganharam algum dinheiro pela primeira vez em anos.

    10 filmes que dizem ser baseados em fatos reais, mas não são

    facebook Tweet
    Pela web
    Comentários
    Mostrar comentários
    Back to Top