Notas dos Filmes
Meu AdoroCinema
    Logan: Diretor achou que Fox não aprovaria revelação chocante sobre Professor Xavier
    Por Vitória Pratini — 28 de mai. de 2020 às 13:47
    facebook Tweet

    James Mangold e Hugh Jackman ainda elogiaram Dafne Keen em exibição do filme na quarentena.

    Logan marcou não só a despedida de Hugh Jackman do papel de Wolverine, como também o adeus do Professor Xavier de Patrick StewartIndicado ao Oscar e aclamado tanto pelo público quanto pela crítica, o filme foi ousado no modo como mostrou o fim desses heróis — fato que surpreendeu até mesmo o diretor James Mangold.

    Durante a exibição de Logan em uma Quarantine Watch Party promovido pelo site Comic Book na última quarta-feira (27), o cineasta e Hugh Jackman revelaram divertidas informações sobre o elogiado longa-metragem. A produção gira em torno do velho Logan, cuidando de Charles Xavier após uma tragédia que se abateu sobre os X-Men e deixou a maioria deles morta. Esse ponto do enredo foi importante para conduzir Logan e Charles pelo resto do filme.

    Diretor não achou que a Fox permitiria esta revelação sobre o Professor Xavier
    Fox

    Mangold revelou durante o evento que estava bastante surpreso com o fato de isso ter acontecido. Vale lembrar que Logan foi lançado antes da Disney comprar a Fox e, consequentemente, da Marvel Studios retomar os direitos dos X-Men. Portanto, os X-Men eram uma propriedade importante para a Fox naquele momento.

    "Eu nunca achei que aceitariam a minha ideia de que Charles acidentalmente matou os X-Men quando ele sofreu um ataque de demência, mas eu senti que precisava haver uma profunda tragédia por trás deles. Gratidão pela bravura da Fox e por o público ter abraçado o enredo."

    Mangold afirmou que era importante para o desenvolvimento do personagem de Charles em Logan ter feito parte de uma tragédia dos mutantes que realmente doesse. Considerando que Logan foi lançado após X-Men: Dias de um Futuro Esquecido e seu final feliz para a geração original dos atores de X-Men, certamente doeu. Não à toa que se encaixou muito bem no enredo trágico da produção e rendeu uma indicação ao Oscar de Melhor Roteiro Adaptado.

    Dafne Keen socou Hugh Jackman no teste

    Hugh Jackman e James Mangold ainda aproveitaram para elogiar Dafne Keen, intérprete de Laura/X-23. Segundo o protagonista, ele sabia que ela seria perfeita para o papel quando o socou no teste para viver a personagem.

    "Quando [James] apareceu com o personagem de Laura, e que o filme era essencialmente sobre família, estávamos preocupados em encontrar o ajuste certo. Até que nós conhecermos Dafne Keen. No primeiro dia em que a testamos... ela me deu um soco no braço com tanta força que fiquei literalmente machucado no dia seguinte. Contratada", brincou Jackman.

    "Não há como este filme funcionar sem a notável Dafne Keen", completou Mangold. Na segunda metade do filme, as mesas viraram e ela está carregando o filme inteiro, enquanto Logan recuou na doença e na dúvida. E, claro, ela segura o quadro final."

    Recentemente, Jackman e Keen relembraram o lançamento de Logan.

    Wolverine no Universo Cinematográfico Marvel?

    Logan mostrou a despedida de Jackman e Stewart de seus papéis que lhe renderam uma entrada no livro dos recordes. No entanto, Patrick Stewart revelou que foi convidado por Kevin Feige para reprisar o papel de Professor Xavier no Universo Cinematográfico Marvel. Enquanto o astro de Star Trek: Picard descarta o retorno ao papel por enquanto, James Mangold acredita que Hugh Jackman voltaria a viver Wolverine somente por um bom motivo, de repente uma versão mais velha. Se o ator não quer, tem outros que queiram...

    Quem deveria interpretar o novo Wolverine?

    facebook Tweet
    Links relacionados
    Pela web
    Comentários
    Mostrar comentários
    Back to Top