Notas dos Filmes
Meu AdoroCinema
    Damien Chazelle: Relembre a trajetória do diretor de The Eddy e La La Land
    Por Barbara Demerov — 6 de mai. de 2020 às 16:18
    facebook Tweet

    Com apenas 35 anos, Chazelle já possui uma filmografia de alto nível.

    Quase sempre com um pé no gênero musical, o diretor norte-americano Damien Chazelle já possui pelo menos um filme que se tornará um clássico num futuro próximo. Este é o caso de La La Land, que, com Ryan Gosling e Emma Stone, trouxe de volta a magia dos musicais no cinema em uma roupagem contemporânea.

    Mas o gosto de Chazelle pela música já estava explícito desde seu primeiro longa-metragem, Guy and Madeline on a Park Bench, de 2010. Tal paixão muito tem a ver com sua vontade de se tornar um baterista de jazz na época que estudou em Princeton - mesma época em que conheceu um professor de música que serviu de inspiração para o personagem de J. K. Simmons no filme Whiplash.

    La La Land

    A ideia de se tornar um baterista não deu certo, mas felizmente tal experiência serviu de inspiração para seguir uma carreira cinematográfica pautada, majoritariamente, pela música. La La Land, Whiplash e Guy and Madeline on a Park Bench são filmes que possuem uma essência musical muito forte, mas Chazelle também se aventurou em outros gêneros: em O Primeiro Homem entregou uma história de ficção-científica sobre Neil Armstrong, e em Rua Cloverfield, 10, no qual foi roteirista, provou que possui gosto por suspense psicológico.

    Porém, até o momento nenhum de seus longas conquistou o mesmo impacto na indústria cinematográfica como La La Land, de 2016. Além de ter feito história no Oscar 2017 por conta da troca de envelopes que causou um incômodo absurdo - o vencedor daquele ano foi Moonlight, mas por um erro o envelope entregue à categoria de Melhor Filme foi o de Emma Stone como Melhor Atriz -, a qualidade do filme rendeu ao diretor prêmios da Academia, Globo de Ouro, Critics Choice Awards e mais.

    Whiplash

    Outro filme assinado por Chazelle que rendeu muitos elogios de público e crítica foi o já citado Whiplash, lançado em 2014, que inclusive rendeu um Oscar para Simmons pela atuação como o professor Terence Fletcher. O talento do diretor também como roteirista também começou a ser destacado desde então.

    No momento, o cineasta de 35 anos está desenvolvendo seu novo filme, Babylon, que contará mais uma vez com a presença de Emma Stone (também detentora de um Oscar graças à parceria com Chazelle) e, possivelmente, de Brad Pitt. Ainda não se sabe muito sobre o projeto - apenas que ele será ambientado numa Hollywood dos anos 20.

    Mas, caso você queira matar um pouco a saudade de ver o trabalho de Chazelle, poderá fazer isso através da Netflix: a minissérie The Eddy estreia no dia 08 de maio e marca a primeira vez em que o diretor trabalha para a telinha. Além de atuar como produtor-executivo, ele dirige dois episódios. Saiba mais sobre a produção aqui

    facebook Tweet
    Pela web
    Comentários
    Mostrar comentários
    Back to Top