Notas dos Filmes
Meu AdoroCinema
    Babu Santana: Participante do BBB e Tim Maia nos cinemas, conheça a carreira do ator
    Por Caqui Bandeira — 10 de mar. de 2020 às 19:25
    facebook Tweet

    Futuro vencedor do reality (se tudo der certo), Babu é muito mais do que brother.

    Aos 40 anos, Alexandre da Silva Santana, mais conhecido como Babu, se tornou uma das personalidades brasileiras mais populares durante sua trajetória no Big Brother Brasil 20. Também conhecido por interpretar Tim Maia na cinebiografia do cantor, Babu é uma pessoa que os brasileiros deveriam conhecer melhor - um exemplo de perseverança e muito trabalho.

    Babu Babu Santana GIF from Babu GIFs

    Nascido no Rio de Janeiro, Babu cresceu no Morro do Vidigal, e trabalha desde jovem para ajudar a família. Ele trabalho em barracas de praia, como eletricista, faxineiro e pedreiro, tudo antes de começar a atuar. Sua família sempre incentivou o consumo de cultura, e foi com o seu apoio que Santana passou a investir na carreira - que teve início no Teatro Nós do Morro, em 1997. Ele permaneceu no teatro por poucos anos, até ter seu primeiro papel na televisão, como o Zé da temporada de Malhação de 2001.

    Babu participou de alguns dos maiores filmes da história do cinema brasileiro, na maioria dos casos em pequenos papéis, mas logo no início de sua carreira, ele interpretou Grande em Cidade de Deus - um filme que até hoje é considerado um dos melhores e mais importantes produções da história do cinema brasileiro. Ainda nos anos 2000, o carioca ainda participou de Meu Nome Não é JohnnyEstômago e Maré - Nossa História de Amor. Também neste período, ele começou a ter participações em novelas e séries da televisão aberta, como A Grande Família, A DiaristaDa Cor do Pecado e Caminho das Índias.

    Até consolidar sua carreira, Babu era principalmente escalado em dois tipos de papéis, como criminoso ou como policial/guarda. Este typecasting só foi parar quando começou a ter mais espaço na indústria, que aconteceu quando foi escalado para interpretar Tim Maia. O próprio ator já foi questionado sobre esta “coincidência” em entrevista a Globo Filmes, na qual respondeu “ Mas isso se deve à nossa sociedade, que vê um bandido ou um policial como um cara alto, truculento, com cara mau e negro. Há uma associação entre a violência e a imagem dos negros e de pessoas dos guetos. Então, tenho o visual perfeito para esses personagens.” Tim Maia lhe rendeu seu segundo Grande Otelo, maior prêmio de cinema do Brasil. Seu primeiro veio por sua performance em Estômago.

    O filme, que foi muito bem recebido pelo público e pela crítica, deu a oportunidade para ele mostrar mais de seu talento, já que foi seu primeiro trabalho como protagonista. Isto aconteceu em 2014, quando o drama foi lançado. A partir daí, sua carreira deu uma deslanchada - mas não chegou nem perto do que deveria ser. Desde então, ele teve grandes papéis em Mundo Cão, ao lado de Lázaro Ramos, na série Os Suburbanos e no drama Praça Paris, premiado no Festival do Rio de 2017.

    Em 2019, Babu esteve na segunda temporada de Carcereiros, série da Globoplay inspirada no livro homônimo de Dráuzio Varella, com participações de 5 episódios. Ainda na televisão, ele participou da 3ª temporada de Tô de Graça, estrelada por Rodrigo Sant'anna. Apesar de ter uma filmografia com mais de 60 produções, Babu continua tendo problemas financeiros, tem uma vida humilde e este é o motivo de ter aceitado o convite da Globo para participar do Big Brother Brasil.

    Muita gente conhece ele como participante do programa, mesmo tendo iniciado sua jornada lá como parte do grupo camarote. Com o passar das semanas, Babu está cada vez mais forte aqui do lado de fora, mas continua tendo problemas dentro da casa, algo que já foi apontado por muitas pessoas como um reflexo da sociedade e a ostracização de homens negros em convivência com mulheres brancas. Babu vive isolado da casa, com apenas um parceiro de jogo, mas segue em busca do prêmio milionário para ajudar a família, algo que ele já comentou na casa diversas vezes. Sofrendo um racismo mais sutil, ele já expressou que uma participante lhe olha “como a minha patroa antiga olhava” - mas nada disso atrapalha a determinação do ator, que utiliza o apelido Babu, inspirado nos comentários racistas que sofria na infância quando era chamado de babuíno.

    Em 2020, Babu Santana permanecerá no BBB até meados de abril, se tudo der certo, e continuará a focar em sua carreira. Seu filme, Intervenção, está com previsão de estreia para 10 de setembro de 2020, no qual atua ao lado de Marcos PalmeiraBianca Comparato e Zezé Motta. Para mim, Babu já é o vencedor, e com muitos portas cheias de oportunidades que se abrirão quando ele sair da casa com seu um milhão e meio.

    facebook Tweet
    Links relacionados
    Pela web
    Comentários
    Mostrar comentários
    Back to Top