Notas dos Filmes
Meu AdoroCinema
    Oscar 2020: Como os prêmios de sindicatos afetam os vencedores
    Por Katiúscia Vianna — 1 de fev. de 2020 às 08:45
    facebook Tweet

    PGA, SAG e DGA são mais que simples siglas...

    Tentar prever os indicados ao Oscar é como uma arte. Para muitos, basta ver o Globo de Ouro e pronto, está sabendo tudo sobre a corrida pela estatueta dourada. Mas não é bem assim. Existe um motivo para se chamar "temporada de premiações" — com o termo no plural. Algo que passa desapercebido ou confunde não-cinéfilos são as famosas cerimônias promovidas pelos sindicatos de profissionais do cinema (e da TV). Mas como elas influenciam o Oscar?

    Na verdade, isso já começa nas indicações ao Oscar, onde os concorrentes de cada categoria são escolhidos por profissionais de cada área. Por exemplo, diretores votam na categoria de direção e por aí vai... Mas, na hora da segunda fase da votação, todos os membros da Academia de Artes e Ciências Cinematográficas podem votar em todas as categorias, se assim desejarem. Então, culmina em duas questões.

    A primeira é o clima/timing. É comum ver um filme, que era cotado ao Oscar em setembro, não carregar o mesmo tipo de força ao longo de toda a temporada de premiações. Por isso, os filmes "típicos" de Oscar são lançados no final do ano, já que é o período preferido para apresentar seus candidatos (mas também se demorar demais, acaba ficando fora das primeiras premiações da temporada, por não ter sido visto por pessoas suficientes, então tem todo um planejamento envolvido).

    Nem todo mundo consegue fazer o que Corra! alcançou, sendo oscarizado mesmo com uma estreia ocorrida em maio. E tal força é medida, justamente, pelas diversas premiações que acontecem nesse período de dois ou três meses.

    Getty Images
    Jordan Peele e seu Oscar por Corra, um caso fora da curva.

    Chegamos na segunda questão. Os prêmios de sindicatos representam partes diferentes dos votantes da Academia, então através deles sabemos como andam (pelo menos algumas) opiniões de tal extenso grupo. Quando o tópico em questão é algo mais técnico, ajuda melhor a entender determinada categoria — vide o Eddy Awards e sua mania de prever o vencedor em melhor edição. Mas ao longo dos anos, cada cerimônia construiu sua própria reputação quando o assunto é acertar o Oscar.

    O termômetro mais certeiro é o PGA, prêmio do sindicato dos produtores, com cerca de 8 mil votantes. Nos últimos 30 anos, 21 dos vencedores de tal evento também levaram a estatueta do Oscar de melhor filme. Foi a vitória dupla no Globo de Ouro e no PGA que virou o jogo para Green Book, grande vitorioso do ano passado — uma situação que é bem similar com o caso de 1917 neste ano.

    O favoritismo do filme de Sam Mendes em 2020 também é reforçado pela vitória no DGA, prêmio do sindicato de diretores. Se foi capaz de prever melhor filme 6 vezes nos últimos 10 anos, costuma ser quase sempre certeiro quando o assunto é melhor diretor: foram apenas 7 vezes que o vencedor do DGA não levou o respectivo prêmio na cerimônia da Academia, desde 1949. 

    Getty Images
    Alfonso Cuarón e seu DGA por Roma. O Oscar de direção veio dias depois, mas melhor filme não.

    Já o SAG Awards costuma acertar mais as categorias de atuações. Algo bem esperado de um prêmio dado pelos atores, não é mesmo? Nos últimos 25 anos, 73 dos vencedores das quatro categorias de atuação também venceram no Oscar. Já em melhor filme, a situação é outra, pois o SAG não tem essa categoria. O "equivalente" seria o prêmio de melhor elenco — que coincidiu apenas 4 vezes nos últimos 10 anos. Mesmo assim, já é um reconhecimento histórico a vitória de Parasita neste ano, mostrando a popularidade do filme coreano em Hollywood. Será ele capaz de superar barreiras no Oscar também?

    No fim das contas, podemos usar a matemática para prever os vencedores, mas sempre terá alguma surpresa na hora real do Oscar. Pois as premiações são feitas por humanos, e nós não podemos funcionar somente através de cálculos. Eles estão aqui para nos ajudar, mas é sempre preciso contar fatores como emoção e empatia.

    O Oscar 2020 acontece no dia 9 de fevereiro. Confira nossa cobertura completa aqui no site e em nossas redes sociais.

    facebook Tweet
    Links relacionados
    Pela web
    Comentários
    Mostrar comentários
    Back to Top