Notas dos Filmes
Meu AdoroCinema
    Brad Pitt confirma planos de série de Era uma Vez em... Hollywood
    Por Laysa Zanetti — 5 de set. de 2019 às 18:10
    facebook Tweet

    Tarantino pretende fazer uma nova montagem do longa com DiCaprio e Margot Robbie.

    A Hollywood de Quentin Tarantino em Era Uma Vez em... Hollywood é tão extensa que rende até uma série derivada. O cineasta havia revelado em entrevista ao Deadline que desejava rodar a série Bounty Law, que existe dentro da história, e agora Brad Pitt confirma que a ideia de transformar o filme em um seriado já começou a ser estudada.

    O ator, intérprete do dublê Cliff Booth na trama, falou em entrevista ao jornal The New York Times que Tarantino tem discutido a ideia de remontar o filme em um formato episódico para o streaming — o mesmo que aconteceu recentemente com Os Oito Odiados, para a Netflix norte-americana. "Sim, ele tem falado sobre isso", admite. "É uma ideia bastante tentadora."

    Embora a versão para os cinemas de Era Uma Vez... tenha 2h40min, o primeiro corte de Tarantino chegava a 4h20min, e muitas das cenas utilizadas na divulgação do filme não chegaram à versão final.

    Saiba quem inspirou os personagens de Leonardo DiCaprio e Brad Pitt em Era uma Vez em... Hollywood

    "Olho para séries em que você pode passar muito mais tempo com os personagens e a história, e explorar ângulos que você nem sempre alcança em filmes", segue Pitt. "Muitas partes desses filmes acabam no chão da sala de edição porque não se encaixam. Por isso acho interessante que Tarantino pegou Os Oito odiados e remontou como uma série em três partes. É o melhor de dois mundos: a experiência cinematográfica existe, mas você pode colocar mais conteúdo no formato seriado."

    Quanto ao possível spin-off, a série Bounty Law, Tarantino havia dito que "depois de ter assistido às séries diferentes de Velho Oeste e tudo, eu fiz isso para entrar na mentalidade de Bounty Law. Acabei começando a gostar de verdade da ideia de Jake Cahill [personagem de Rick Dalton, Leonardo DiCaprio] enquanto um personagem. E comecei a amar aqueles roteiros de trinta minutos de um Western da década de 50; a ideia de você poder escrever algo de 24 minutos, em que há tanta história, com um começo, um meio e um fim reais. E também era divertido, porque você não pode continuar se aprofundando. Em algum ponto, você tem que encerrar. Eu gostei da ideia. Escrevi cinco episódios diferentes para uma possível série em preto-e-branco."

    Enquanto isso, leia a crítica de Era Uma Vez em... Hollywood.

    facebook Tweet
    Links relacionados
    Pela web
    Comentários
    Mostrar comentários
    Back to Top