Notas dos Filmes
Meu AdoroCinema
    Cine Ceará 2019: Notícias do Fim do Mundo imagina a revolução social em sessão dedicada a Lula
    Por Bruno Carmelo — 2 de set. de 2019 às 18:03
    facebook Tweet

    Ressaca também reforçou o tom político da noite.

    Dois novos longas-metragens foram apresentados na noite de 1 de setembro no 29º Cine Ceará - Festival Ibero-Americano de Cinema, ambos bastante engajados politicamente, apesar dos estilos muito distintos.


    O documentário Ressaca, dirigido por Patrizia Landi e Vincent Rimbaux, trouxe ao Cine São Luiz um retrato da crise econômica no Rio de Janeiro afetando especialmente os bailarinos, músicos e funcionários do Teatro Municipal. Após sugerir que o Ceará tem muito a ensinar ao resto do país, tanto na arte cinematográfica quanto na prática de votar, Landi apresentou um mergulho na vida íntima de três personagens afetados pelos escândalos de corrupção e cortes de salário na cultura carioca.

    Politicamente, o resultado é muito bem-sucedido, dando espaço para pessoas de diferentes perfis socioeconômicos expressarem o impacto da crise cultural em suas vidas. No entanto, a parte técnica sofre com uma captação e montagem deficientes de som, além de um trabalho curioso de câmera, nem sempre bem dosado na representação de cenas íntimas ou momentos de apresentação dos artistas no palco. De qualquer modo, o público local se emocionou muito, dedicando calorosos aplausos ao final da sessão.

    Leia a nossa crítica.

    Já a ficção Notícias do Fim do Mundo, de Rosemberg Cariry, imagina um país fictício onde um grupo de artistas revolucionários decide sequestrar o embaixador de uma nação estrangeira para passar uma mensagem ao grupo de empresários e políticos poderosos que despreza o povo.

    O filme é abertamente iconoclasta e radical, brincando com a forma fragmentada em referência a cineastas como Glauber Rocha. Everaldo Pontes, no papel principal, se mostra muito confortável com a mistura descompromissada de política e performance artística. No palco, o diretor dedicou a sessão ao ex-presidente Lula.

    Leia a nossa crítica.

    A terceira noite da mostra competitiva traz o documentário brasileiro Vozes da Floresta, de Betse de Paula, além do drama mexicano Luciérnagas, de Bani Khoshnoudi.


    facebook Tweet
    Links relacionados
    Pela web
    Comentários
    • Daniel Asimov
      Já quero ver o filme novo de Rosemberg
    Mostrar comentários
    Back to Top