Notas dos Filmes
Meu AdoroCinema
    Bradley Cooper se fingiu de bêbado para dirigir cena de Nasce uma Estrela
    Por Katiúscia Vianna — 24 de nov. de 2018 às 09:00
    facebook Tweet

    Pequenos spoilers abaixo!

    Nasce Uma Estrela Trailer Legendado

    Assumir as responsabilidades de diretor e ator, ao mesmo tempo, não deve ser tarefa fácil. Mas Bradley Cooper não teve medo de fazer tal trabalho em Nasce uma Estrela. Por outro lado, o moço passou por situações meio singulares nessa experiência...

    Em entrevista para a Vanity Fair, o astro contou que o maior desafio em interpretar o viciado cantor Jackson Maine não foi soltar a voz diante de uma gigante plateia, e sim abordar o alcoolismo. Para complicar, ele teve que se manter no estado inebriado do personagem enquanto dirigia os colegas de elenco — afinal, não podia ser descuidado em nenhuma das funções.

    "Graças a Deus, os atores ficaram dispostos a me deixar dirigi-los assim, pois era mais fácil (no processo de criação) ficar naquele espaço mental. Só demorou mais para conseguir me comunicar. Especialmente na cena do Grammy. Já quando ele briga com Ally (Lady Gaga), por estar bêbado, eu fiquei apavorado, pois atingimos um estado profundo. Ela o provoca quando cita seu pai, o que me permite abraçar algo obscuro. E isso acontece, pois ela risca tudo ao dizer isso. Ela sabe o quanto o machuca. É algo real, é isso que procuro como ator."

    Já Gaga aproveitou para elogiar a delicadeza com a qual o filme retrata tal tema: "Foi muito especial falar de alcoolismo, codependência e vício, pois é algo que passei em minha vida. Tive medo, mas também não fiquei apavorada. Tudo ao mesmo tempo, durante todas as filmagens. Ele realmente honrou isso."

    Para finalizar, Sam Elliott — que interpreta o irmão mais velho de Jackson, Bobby — garante que Cooper conseguiu equilibrar as duas funções de forma incrível. Para isso, relembrou uma cena marcante entre seus personagens: "Ver Bradley sair do carro, interpretar aquela fala poderosa, fechar a porta e, imediatamente, assumir o posto de diretor, andando de frente ao automóvel... E eu pensava 'Como assim, cara? Eu ainda estou na cena!'. É realmente incrível presenciar isso."

    Já tirou "Shallow" da cabeça? Nasce uma Estrela segue em exibição nos cinemas brasileiros. Leia a crítica do AdoroCinema.

    facebook Tweet
    Links relacionados
    Pela web
    Comentários
    • Jonathan Kennedy
      Lady Gaga já tem seu Oscar melhor canção original por Shallow, por nasce uma estrela estou esperando aguardardízimo apresentação de Lady Gaga e Bradley Cooper nesta canção vai ser incrível.
    • Vidamell Vida R.
      doidinho ele.
    Mostrar comentários
    Back to Top