Notas dos Filmes
Meu AdoroCinema
    New York Comic Con 2018: Sony exibe os primeiros 35 minutos de Homem-Aranha no Aranhaverso em painel
    Por Laysa Zanetti — 6 de out. de 2018 às 17:30
    facebook Tweet

    Surpresa!

    Homem-Aranha no Aranhaverso só chega aos cinemas no Brasil em janeiro de 2019, mas os fãs presentes no painel do filme na New York Comic Con 2018 ganharam de presente os 35 primeiros minutos do longa!

    Apresentando Miles Morales (Shameik Moore), o filme introduz um universo com dimensões paralelas em que há infinitas variações do Homem-Aranha de todos os tipos e gêneros.

    Durante os minutos iniciais do filme — sem spoiler! — somos apresentados brevemente à história de origem e aos laços familiares de Morales. A história é dinâmica e há várias referências tanto às HQs quanto aos filmes do Homem-Aranha em live-action lançados nas últimas decadas.

    O trecho, com partes de animação ainda não finalizadas, é intrigante e muito rico — em cores, detalhes e aprofundamento dos personagens. A família de Miles é muito presente, e o carisma com que Moore entrega o personagem é fascinante.

    Estes primeiros momentos do filme apresentam o primeiro arco, e a partir de então Miles vai descobrir que o mundo é muito mais complexo do que ele imaginava. A probabilidade de agradar aos fãs mais ávidos das HQs é, aliás, muito grande.

    Após a exibição, os roteiristas, produtores e elenco subiram ao palco para falar da experiência no projeto. Para Phil Lord, Aranhaverso é uma empreitada grande: "Entramos numa fria com Aranhaverso, porque a história é muito ampla. Então se vocês gostarem, ficaremos presos fazendo 38 desses filmes," brincou.

    Descoberto em Dope - Um Deslize Perigoso, Shameik Moore conquistou Lord e Chris Miller nas audições: "Ele fez um teste para um papel em um outro filme," contou Miller, "mas logo vimos que era um cara com muito coração e que ele seria perfeito para ser Miles Morales.

    E de fato, Moore idealiza Miles Morales desde a infância. O ator conta que no início de sua carreira, costumava escrever como se fosse um mantra: "Eu sou Miles Morales, eu sou Miles Morales..." E agora, o desejo se tornou realidade.

    Brian Tyree Henry e Luna Lauren Velez vivem os pais de Miles, e elogiam a abordagem desta família negra e latina. "O pai é um policial e a mãe é enfermeira. Esse garoto cresceu numa família boa, nós fizemos um bom trabalho," celebrou Henry, notando que sente-se muito representado pela relação entre Jefferson e Miles. "É raro vermos pais e filhos negros representados com uma relação saudável na TV e no cinema."
    facebook Tweet
    Pela web
    Comentários
    • Jonathan K
      Quero muito ver esse filme na CCXP seria perfeito.
    • Batman
      O estilo está bem bonito mesmo.
    • Vidamell Vida R.
      é.....
    Mostrar comentários
    Back to Top