Notas dos Filmes
Meu AdoroCinema
    Cine Ceará 2018: O suspense Petra, sobre o destino trágico de uma família, é o grande vencedor
    Por Bruno Carmelo — 11 de ago. de 2018 às 23:30
    facebook Tweet

    Nova Iorque foi escolhido o melhor curta-metragem.

    O 28º Cine Ceará - Festival Ibero-Americano de Cinema chegou ao fim com o anúncio dos premiados, na noite de sábado, 11 de agosto. O espanhol Petra, dirigido por Jaime Rosales, foi o grande vencedor, levando os troféus de melhor filme, melhor diretor, melhor roteiro e melhor ator, além do prêmio da crítica.

    O cearense O Barco, de Petrus Cariry, também se destacou, com quatro troféus. Entre os curtas-metragens, o pernambucano Nova Iorque e o carioca O Vestido de Myriam dividiram os principais prêmios da noite.

    Confira a lista completa de premiados:

    Longas-metragens
    Melhor longa-metragem: Petra
    Melhor direção: Jaime Rosales, Petra
    Melhor roteiro: Jaime Rosales, Michel Gaztambide e Clara Roquet, Petra
    Melhor atriz: Nathalia AragoneseCabras de Merda
    Melhor ator: Joan Botey, Petra
    Melhor fotografia: Petrus Cariry, O Barco
    Melhor montagem: Raphaelle Martin-HolgerDiamantino
    Melhor som: Yures Viana, Érico Paiva e Petrus Cariry, O Barco
    Melhor trilha sonora original: João Victor Barroso, O Barco
    Melhor direção de arte: Carlos Garrido, Cabras de Merda
    Prêmio Olhar Universitário: O Barco
    Prêmio ABRACCINE: Petra

    Curtas-metragens
    Melhor curta-metragem: Nova Iorque, de Léo Tabosa
    Melhor direção: Lucas H. Rossi, O Vestido de Myriam
    Melhor roteiro: Sabrina Garcia, Só por Hoje
    Melhor filme cearense: A Canção de Alice, de Barbara Cariry

    Troféu Samburá de melhor curta-metragem: O Vestido de Myriam, de Lucas H. Rossi
    Troféu Samburá de melhor diretor: Guilherme Gehr, Plantae
    Prêmio Olhar Universitário: O Vestido de Myriam, de Lucas H. Rossi
    Prêmio aquisição Canal Brasil: O Vestido de Myriam, de Lucas H. Rossi
    Prêmio ABRACCINE: Nova Iorque, de Léo Tabosa
    Mostra Olhar do Ceará: Cartuchos de Super Nintendo em Anéis de Saturno, de Leon Reis
    Mostra Cada Gota Conta: Economize, de Igor Cândido

    A cerimônia de encerramento ainda contou com a exibição da promissora série Cine Holliúdy, derivada do filme de mesmo nome. O cineasta Halder Gomes comprova, no primeiro episódio exibido ao público, seu excelente timing cômico e a vocação para uo humor popular de qualidade, uma espécie de sucessor natural dos Trapalhões. Dentro do cinema, a plateia gargalhava com as novas aventuras de Francisgleydisson (Edmilson Filho), ao lado dos ótimos Haroldo GuimarãesGustavo Falcão e Matheus Nachtergaele.



    Leia as críticas do 28º Cine Ceará:
    Amália, a Secretária
    Anjos de Ipanema
    O Barco
    Cabras de Merda
    Che, Memórias de um Ano Secreto
    Diamantino
    Eduardo Galeano Vagamundo
    Muitos Filhos, um Macaco e um Castelo
    Panamá Al Brown, Quando o Punho se Abre
    Petra
    Rosa Chumbe
    Senhorita Maria, a Saia da Montanha
    Sob a Influência

    Sol Alegria

    facebook Tweet
    Links relacionados
    Pela web
    Comentários
    Mostrar comentários
    Back to Top