Notas dos Filmes
Meu AdoroCinema
    Christopher Robin - Um Reencontro Inesquecível é proibido na China
    Por Amanda Brandão — 3 de ago. de 2018 às 16:25
    facebook Tweet

    Ainda não se sabe o motivo pelo qual o ursinho Pooh e sua turma não poderão entrar nos cinemas no país.

    Enquanto Christopher Robin: Um Reencontro Inesquecível chega às telonas dos Estados Unidos, o filme foi proibido de estrear na China. O motivo, no entanto, não foi oficialmente revelado pelo governo do país.

    Em publicação feita pelo The Hollywood Reporter, uma fonte coloca a culpa na repressão do governo chinês às imagens do Ursinho Pooh em todo o país. O personagem clássico da Disney tornou-se um símbolo da resistência que se posiciona contra o Partido Comunista e o líder do país, Xi Jinping.

    Desde o ano passado, as autoridades chinesas vêm reprimindo as imagens do Ursinho Pooh espalhadas pelo país. Após algumas comparações feitas por internautas do Xi com o urso dos desenhos animados, as fotos do personagem começaram a ser bloqueadas nas redes sociais.

    O programa de John Oliver, Last Week Tonight, exibido pela HBO, também sofreu as consequências. O talk show foi censurado depois que o apresentador zombou da sensibilidade de Xi ao ser comparado com o Ursinho Pooh.

    Outra fonte anônima citada pelo site afirmou que o motivo pode ser uma decisão completamente comercial, que teria relação com a cota de filmes estrangeiros na China.

    Vale ressaltar que Christopher Robin é o segundo filme da Disney a ser recusado na China este ano, fora Uma Dobra no Tempo.

    Com direção de Marc Forster, o longa conta com Ewan McGregor e a turma do Ursinho Pooh. No Brasil, Christopher Robin - Um Reencontro Inesquecível estreia no dia 16 de agosto.

     

     

    facebook Tweet
    Links relacionados
    Pela web
    Comentários
    • Lucas
      Nem o ursinho pooh escapa desse louco
    • Jonathan k_78
      China e sua burocracia sem sentido. Só sai perdendo deixando esses filmes de fora.
    • Leopoldo P.
      Gostei da decisão da China. “Respeito é bem e eu gosto.” Recentemente a Arábia Saudita, aliada dos EUA, expulsou o embaixador canadense, porque o Canadá criticou a prisão de ativistas de direitos humanos. Se fosse a China ou o Irã, claro que a situação seria diferente. Parabéns, China!
    • Danilo
      Acho até irônico...enquanto em alguns lugares do mundo o governo determina o que as pessoas podem ou não ver, em outros lugares onde as pessoas são livres para decidir, elas usam a liberdade de expressão para tentar censurar séries... A idade das trevas está retornando, em sua primeira versão as pessoas se policiavam para não terem suas almas condenadas ao inferno, na nova idade média elas se policiam para não serem qualquer coisofóbicas.... dias negros se aproximam!!!!
    • Gibran Felipe Cobra Teske
      Acho que a Disney vai apostar todas as fichas no live action da Mulan como pedido de desculpas só pra agradar o público chinês. A Disney não é burra
    • Vidamell Vida R.
      Vá se lascar!! É só um filme.
    • Diário de Rorschach
      Dane-se a China
    • Jc V.
      Normal, tudo é proibido na China. O Xixi Ping manda em tudo
    • Felipe F.
      Haha, que doideira bicho
    Mostrar comentários
    Back to Top