Notas dos Filmes
Meu AdoroCinema
    Novo filme de Kevin Spacey será lançado nos Estados Unidos, apesar das acusações de assédio sexual contra o ator
    Por Renato Furtado — 25 de jun. de 2018 às 15:00
    facebook Tweet

    As denúncias sofridas pelo ex-astro de Hollywood cancelaram a maior parte de seus projetos.

    Não são todas as produções que podem se dar o luxo de remover um ator digitalmente - e trazer Christopher Plummer para o seu lugar -, como Todo o Dinheiro do Mundo. Por isso mesmo, Billionaire Boys Club, novo filme de Kevin Spacey, será lançado nos cinemas dos Estados Unidos, apesar das inúmeras acusações de assédio sexual que pesam contra o ator (via The Hollywood Reporter):

    "Nós não aceitamos assédios sexuais em nenhum grau e apoiamos totalmente as vítimas. Ao mesmo tempo, a decisão de lançar Billionaire Boys Club nas telonas não foi fácil ou insensível, mas acreditamos que devemos dar a chance ao elenco e às centenas de profissionais que trabalharam duro no filme de verem o produto final chegar ao público. No fim das contas, esperamos que os espectadores decidam por si próprios quanto às alegações sobre o passado de Spacey, mas não às custas de todo o elenco e equipe que trabalharam no filme", declarou a distribuidora Vertical Entertainment, em comunicado oficial.

    Coestrelado por Ansel Elgort e Taron Egerton, o longa de James Cox (Tudo em Família) narra a história real do grupo que ficou conhecido como "Billionaire Boys Club" - Clube dos Rapazes Bilionários, em tradução livre -, cujos jovens membros criaram um esquema de pirâmide para enriquecerem rapidamente. Entretanto, as atividades dos contraventores logo chamaram a atenção das autoridades, que começaram a investigá-los; no thriller, Spacey interpreta Ron Levin, mentor dos jovens criminosos e bandido de Beverly Hills.

    Este é o primeiro projeto com Spacey a não ser cancelado ou sumariamente alterado por causa das denúncias de abuso sexual feitas contra ex-astro de Hollywood e da Netflix. Mais notoriamente, as alegações fizeram com que Spacey fosse demitido do rol de atores da gigante do streaming, sendo removido do posto de protagonista de House of Cards e tendo seu projeto sobre o autor Gore Vidal cancelado.

    Billionaire Boys Club não tem previsão de estreia no Brasil.

    facebook Tweet
    Links relacionados
    Pela web
    Comentários
    • Jc V.
      Tem toda razão, deu vontade de aplaudir o comunicado da produtora. 99,9% das pessoas que fizeram o filme são honestas, só esse assediador que é mal caráter. Não tem q proibir os filmes, e sim prender ele
    • Rodrigo Pires Lopes
      Otimo ansioso! Pena não fazerem isso com House of Cards..bem..azar da Netflix
    • Vidamell Vida R.
      Ninguém vai querer assistir.
    • Bernardo Bastos Guimarães
      Ué, ele não foi condenado a não fazer mais filmes, então quem ainda tiver estômago para vê-lo que vá.
    • Ana Augusta
      Nossa, a primeira vez que ouvi falar desse filmes faz uns dois atrás, achei que ele tinha caído no limbo, antes mesmo das acusações contra o Kevin Spacey
    Mostrar comentários
    Back to Top