Meu AdoroCinema
    Vice-presidente da Lionsgate prevê lançamento de streaming para exibir filmes logo após suas estreias nas telonas
    Por Renato Furtado — 01/03/2018 às 22:45
    facebook Tweet

    A plataforma pode mudar por completo as regras do jogo.

    O consumo direto de cinema nas salas das grandes cadeias exibidoras vem caindo nos últimos anos. A bilheteria global, mesmo que impulsionada pelos lançamentos de astronômicos blockbusters, também não tem se sustentado. Às vésperas da década de 2020, a tradição do cinema enfrenta um período de crise, provocado, dentre entre outras coisas, pela ascensão dos serviços de streaming, como a Netflix e o Amazon Prime, que oferecem uma variedade infinita de conteúdos para os assinantes a um preço fixo e no conforto do lar. E para Michael Burns, vice-presidente da Lionsgate, empresa responsável por recentes sucessos como John Wick 2 e Extraordinário, a situação das companhias exibidoras pode ficar ainda mais complicada com o possível lançamento de um streaming exclusivo para estreias de filmes (via Variety).

    De acordo com o executivo de Hollywood, tal cenário pode se concretizar dentro dos próximos 12 ou 18 meses. Em sua visão, o processo, caso proceda, deve ser realizado de maneira amigável entre todos os polos da indústria cinematográfica e que o resultado só será satisfatório se tanto as distribuidoras quanto as exibidoras trabalharem em conjunto. Se tal serviço realmente vier a se tornar uma realidade, sua atuação no mercado mudaria por completo as regras dos jogo: atualmente, os filmes lançados em circuito comercial são exibidos com exclusividade pelas redes de cinema durante 90 dias. No entanto, o panorama presente não agrada aos executivos das distribuidoras.

    Pantera Negra, que deve ultrapassar a arrecadação de US$ 1 bilhão nas telonas, poderia lucrar ainda mais com o modelo de distribuição dividido entre o formato tradicional e o serviço de streaming previsto por Burns.

    Para os que lucram diretamente com a comercialização de obras cinematográficas, é melhor diversificar a oferta do que "ficar preso" a um só modelo de negócios. Com o lançamento de um streaming para filmes estreantes, a janela de exclusividade das redes de cinema seria apagada em favor de uma maior flexibilidade de exploração do produto em questão. De acordo com os distribuidores, os longas obtêm a maior parte de suas arrecadações durante os primeiros dias de exibição nas telonas - um montante que seria potencializado caso fosse possível combinar o formato de distribuição tradicional com a estratégia do VOD (video-on-demand).

    Contudo, Burns não elaborou a questão mais profundamente, seja em termos de negócios ou termos financeiros. No momento, portanto, pouco se sabe sobre o acordo ao qual o executivo se referiu em sua declaração - se é que o mesmo realmente existe com tanta concretude, uma vez que as negociações entre exibidores e distribuidores quanto à construção de um "Netflix de lançamentos" cessaram quase que por completo nos últimos meses. E você, o que acha desta iniciativa? Gostaria de ver os grandes lançamentos em casa logo após suas estreias nas telonas ou acredita que um streaming do tipo prejudicaria a experiência cinematográfica, colocando a mesma em risco total de extinção?

    facebook Tweet
    Pela web
    Comentários
    • Jafia Jackson
      eu so acho que os próprios serviços estão se destruindo acha que vai combate a pirataria e dificiu cada lançamento desse tem um preço ninguem tem dinheiro para ter todos os serviços cada família ira escolhe um serviço mas o que ele não tem ira compra na pirataria resumindo eles mesmo estão se destruindo com tanta coisa e tanta rivalidade ..e melhor deixa tudo do jeito que ta e outra se isso se concretiza pode da adeus as mídia física como Blu-rays e DVD e melhor deixa tudo do jeito que ta ou melhor ao invés de lança via streaming em primeira mão.... lança em midia fisica nas lojas de todo o mundo ao mesmo tempo e via streaming uma ou duas semanas ai ganharia dos dois lados e o que eu acho ..eu mesmo sou fã da midia fisica sempre compro sou um colecionado de carteirinha então seria melhor pra todos .porque de um jeito ou de outro os filmes mesmo com um ano ou dois apos seu lançamento ....quando passa na tv aberta ainda da audiência altíssima então e para e pansa com cuidado pra não boia de vez
    • Alan Bitencourt
      É interessante, mas é complicado, o certo mesmo, depois que um filme sair dos cinemas e ir para o VOD, ai depois ir para os serviços de Streaming, ai complicaria a pirataria, que seria muito bom, mas veremos o que irá acontece.
    • Esdras G.
      Cara..nada substitui a experiência de ver no cinema um filme aguardado e comentado pela crítica. Mas seria viável se após o mesmo filme sair de cartaz nos cinemas, já ser lançado diretamente no streaming , possibilitando àqueles que não conseguiram presenciar no cinema,ter a chance de ver ainda o filme sem esperar meses até o lançamento em Dvd.
    • Vidamell Vida R.
      Agora sim, tô gostando.
    • Richard Moraes
      Penso que exclusivamente por apenas duas semanas nas redes de cinema seria suficiente e logo depois fosse para o streaming, isso seria o ideal.
    • Dora Sales
      São tantos serviços de streaming que nem dá para acompanhar...
    Mostrar comentários
    Siga o AdoroCinema
    Trailers
    Rambo: Até o Fim Trailer Legendado
    O Mal Não Espera a Noite - Midsommar Trailer (2) Legendado
    A Vida Invisível Trailer
    Depois do Casamento Trailer Legendado
    Asterix e o Segredo da Poção Mágica Trailer Legendado
    Sereia Predadora Trailer Original
    Todos os últimos trailers
    Notícias de cinema Negócios
    Marighella tem estreia adiada por tempo indeterminado
    NOTÍCIAS - Negócios
    quinta-feira, 12 de setembro de 2019
    Serviço de streaming da Apple ganha data de lançamento e preço no Brasil
    NOTÍCIAS - Negócios
    quarta-feira, 11 de setembro de 2019
    A Cor Púrpura: Peça musical estreia no Brasil
    NOTÍCIAS - Negócios
    sábado, 7 de setembro de 2019
    A Cor Púrpura: Peça musical estreia no Brasil
    Bilheterias Brasil: Yesterday é a melhor estreia, Nada a Perder segue na liderança
    NOTÍCIAS - Negócios
    terça-feira, 3 de setembro de 2019
    Bilheterias Brasil: Yesterday é a melhor estreia, Nada a Perder segue na liderança
    Bilheterias Estados Unidos: Invasão ao Serviço Secreto mantém liderança
    NOTÍCIAS - Negócios
    terça-feira, 3 de setembro de 2019
    Bilheterias Estados Unidos: Invasão ao Serviço Secreto mantém liderança
    Sucessos das franquias Como Treinar Seu Dragão e Madagascar voltam aos cinemas para promover novo filme da DreamWorks
    NOTÍCIAS - Negócios
    sábado, 31 de agosto de 2019
    Sucessos das franquias Como Treinar Seu Dragão e Madagascar voltam aos cinemas para promover novo filme da DreamWorks
    Últimas notícias de cinema Negócios
    Filmes da semana
    de 12/09/2019
    Vai que Cola 2 - O Começo
    Vai que Cola 2 - O Começo
    Diretor: César Rodrigues
    Elenco: Samantha Schmütz, Marcus Majella, Emiliano D'Ávila
    Trailer
    Divaldo - O Mensageiro da Paz
    Divaldo - O Mensageiro da Paz
    Diretor: Clovis Mello
    Elenco: Bruno Garcia (I), Regiane Alves, Ghilherme Lobo
    Trailer
    Abigail e a Cidade Proibida
    Abigail e a Cidade Proibida
    Diretor: Aleksandr Boguslavskiy
    Elenco: Tinatin Dalakishvili, Eddie Marsan, Rinal Mukhametov
    Trailer
    Adeus à Noite
    Adeus à Noite
    Diretor: André Téchiné
    Elenco: Catherine Deneuve, Kacey Mottet Klein, Oulaya Amamra
    Trailer
    Legalidade
    Legalidade
    Diretor: Zeca Brito
    Elenco: Leonardo Machado, Cleo Pires, Fernando Alves Pinto
    Trailer
    Quem Você Pensa que Sou
    Quem Você Pensa que Sou
    Diretor: Safy Nebbou
    Elenco: Juliette Binoche, François Civil, Nicole Garcia
    Trailer
    Lançamentos da semana
    Back to Top