Notas dos Filmes
Meu AdoroCinema
    X-Men: Dark Phoenix pode ser dividido em duas partes, afirma Olivia Munn
    Por Renato Furtado — 27 de set. de 2017 às 13:10
    facebook Tweet

    O filme, ou sua primeira metade, deve chegar aos cinemas no fim de 2018.

    Boa notícia para os fãs da franquia X-MenOlivia Munn (The Newsroom), intérprete da anti-heroína Psylocke, deu a entender que Dark Phoenix, nova obra do Universo, pode ser dividida em duas partes.

    "Não sei o que devo dizer [sobre a personagem no filme]. Supostamente, preciso ser vaga. Esta é a minha resposta. Sou horrível nisso. É meio que um filme duplo. Isso é mais do que eu disse no geral até agora. Não sei por que as pessoas têm que guardar tantos segredos", declarou Munn, em entrevista ao Collider.

    Para Dark Phoenix, a Fox adotou um protocolo diferente do que vinha praticando com suas produções do Universo X-Men. Enquanto longas como The New MutantsDeadpool 2 continuam recebendo atualizações sobre seus status, maiores informações e detalhes sobre a trama ou a narrativa de Dark Phoenix ainda são mantidos sob sigilo. Assim, qualquer coisa é possível — inclusive a divisão do filme em duas partes, seguindo os moldes aplicados pela Marvel e pela Lionsgate, por exemplo, com os dois últimos filmes das sagas Vingadores e Jogos Vorazes.

    Aliás, vale ressaltar que a saga "Fênix Negra" nos quadrinhos é considerada por muitos fãs como um arco em duas partes. Na primeira metade, Jean Grey adquire os poderes ancestrais da Fênix Negra e, na segunda porção das edições, os quadrinhos exploram a corrupção e a queda da mutante mais poderosa do universo. Portanto, há material de base suficiente para lançar Dark Phoenix Partes 1 e 2. Ainda, vale lembrar que a Fox já marcou seis datas de lançamento ainda não ocupadas por seus filmes da Marvel no calendário: será que uma delas pertence à Dark Phoenix - Parte 2?

    Bem, resta aguardar para saber mais sobre o trabalho de estreia de Simon Kinberg, produtor e roteirista de longa data da franquia, na direção. Sobre o cineasta, Munn afirmou: "Adoro Simon Kinberg. Ele é um visionário. Somos todos muito próximos. Sempre que trabalhos juntos em um projeto, todos se unem e saem juntos e por causa da proximidade, criamos um ambiente onde podemos gerar grandes conteúdos e experiências".

    Em Dark Phoenix, os X-Men terão que tomar uma decisão muito complexa: salvar ou destruir Jean Grey (Sophie Turner) após o espírito da Fênix Negra possuir seu corpo. Coestrelado por Jennifer Lawrence, James McAvoyMichael Fassbender e Tye Sheridan, o longa — ou sua primeira parte — deve chegar aos cinemas no dia 1º de novembro de 2018.

    facebook Tweet
    Links relacionados
    Pela web
    Comentários
    Mostrar comentários
    Back to Top