Notas dos Filmes
Meu AdoroCinema
    Daniel Day-Lewis anuncia aposentadoria
    Por Renato Furtado — 20 de jun. de 2017 às 17:01
    facebook Tweet

    A sétima arte fica órfã de um de seus maiores nomes.

    Ele já foi um dos mais famosos presidentes dos Estados Unidos. Também já deu vida a um ganancioso magnata do petróleo e já interpretou um pintor cuja paralisia cerebral só permitia que ele exercesse sua arte através de seu pé esquerdo. O que todos estes personagens têm em comum? Bem, todos eles deram um Oscar de Melhor Ator a Daniel Day-Lewis, único homem a conquistar três estatuetas da categoria masculina máxima. Entretanto, tudo tem seu fim: o ator, considerado um dos melhores intérpretes de todos os tempos, acaba de anunciar que se aposentará dos cinemas após o lançamento de seu próximo - e último - filme, The Phantom Thread.

    Segundo a Variety, Day-Lewis continuará envolvido na turnê promocional da próxima obra de Paul Thomas Anderson - que dirigiu o britânico em Sangue Negro, trabalho que rendeu o segundo Oscar ao ator -, mas interromperá sua carreira logo em seguida. Ele não deu nenhuma razão específica para a aposentadoria, mas Leslee Dart, sua porta-voz, declarou que esta foi uma "decisão pessoal" e que o ator não fará comentários quanto sua resolução. Reservado, Day-Lewis não costuma conceder entrevistas ou fazer aparições públicas.

    Além de ter protagonizado Lincoln e Meu Pé Esquerdo, Day-Lewis também foi indicado à honraria máxima do Oscar por Gangues de Nova Iorque e Em Nome do Pai. Aclamado e conhecido por sua versatilidade, suas interpretações viscerais baseadas no "Método" - uma técnica de atuação que une as emoções e pensamentos do personagem às do intérprete - e sua seletividade quanto à escolha de papeis, o ator deixará saudades nos corações dos cinéfilos ao redor do mundo. A sétima arte definitivamente ficou mais órfã.
    facebook Tweet
    Pela web
    Comentários
    Mostrar comentários
    Back to Top