Notas dos Filmes
Meu AdoroCinema
    Romântico ou 'stalker'? Andrew Lincoln comenta sobre seu famoso personagem em Simplesmente Amor
    Por Vitória Pratini — 4 de abr. de 2017 às 16:15
    facebook Tweet

    Ator vai reprisar papel na continuação Simplesmente Amor Especial Red Nose Day.

    Uma das cenas mais icônicas de Simplesmente Amor foi protagonizada por Andrew Lincoln. Antes de fazer sucesso como Rick em The Walking Dead, o ator fez o papel de Mark, um homem apaixonado pela esposa (Keira Knightley) de seu melhor amigo (Chiwetel Ejiofor) que resolve se declarar para ela na noite de Natal usando cartazes. Ele vai reprisar o papel em Simplesmente Amor Especial Red Nose Day, que se passará 14 anos depois do primeiro filme.

    Enquanto a clássica sequência é considerada fofa e romântica por muitos espectadores, outros a consideram polêmica, estranha e incômoda – inclusive Andrew Lincoln. Ele basicamente se sentiu como se estivesse tocando "Creep" do Radiohead ao fundo, ao invés de uma música natalina.

    "Em um dos filmes mais românticos de todos os tempos, eu interpretei o único cara que não fica com a garota", disse o ator em entrevista ao Entertainment Weekly. "A história é montada como um prisma olhando para todas as qualidades diferentes do amor. O meu não foi correspondido. Então eu pude ser esse cara stalker estranho."


    Apesar disso, para ele, a cena foi bem fácil de executar: "Minha grande cena na entrada foi tão fácil. Eu só tinha que segurar cartões e parecer apaixonado por Keira Knightley. E era minha própria letra nos cartões, obrigado por notar. Mas eu continuava dizendo a Richard [Curtis, o diretor e roteirista do filme], 'Tem certeza de que não vou parecer um assediador assustador?'".

    Na época, Richard Curtis disse a ele para não se preocupar. O diretor afirmou ao EW: "Olhando para trás, estou ciente de que o papel de Andrew estava no limite. Mas eu acho que, como Andrew era tão sincero e de coração aberto, sabíamos que ia dar certo".

    Na época de Simplesmente Amor, Lincoln tinha recém estrelado a peça de teatro "Blue Orange" em Londres, ao lado de Chiwetel Ejiofor e Bill Nighy, com quem trabalhou no longa de 2003. "Foi uma escalação muito preguiçosa da parte de Richard", brincou Lincoln na entrevista. "Ele só chegou no National Theatre para assistir à peça e escalou nós três". Segundo ele, conseguir fazer um personagem tão sensível teve uma explicação: "Acho que foi decidido que eu parecia muito inocente. Eu não tinha pelos faciais ou rugas na época – e não estrelava um programa de zumbi. Eu não parecia tão, bem, assustador como agora."

    Lincoln em The Walking Dead.

    Inclusive, há muita gente que não o reconhece pelo papel de Mark em Simplesmente Amor: "Há uma geração inteira na Inglaterra que pensa que eu sou americano, graças a The Walking Dead. É um fenômeno interessante ser um ator por mais de 25 anos, porque você pode dizer de onde as pessoas conhecem você".

    Red Nose Day Actually (nome original), curta com cerca de 10 minutos de duração, já foi exibido na TV britânica e estreará nos Estados Unidos no dia 25 de maio como parte do Red Nose Day, evento que busca arrecadar dinheiro para crianças carentes.

    Laura Linney e Rodrigo Santoro em cena de Simplesmente Amor.

    A versão americana da continuação de Simplesmente Amor terá o retorno de Laura Linney. Para quem não se lembra, no original, ela interpretou a empresária americana solitária Sarah que vive um romance com seu paquera do escritório vivido por Rodrigo Santoro.

    facebook Tweet
    Links relacionados
    Pela web
    Comentários
    Mostrar comentários
    Back to Top