Notas dos Filmes
Meu AdoroCinema
    O Eleito: Alfonso Herrera fala sobre interpretar assassino de Trotsky em novo filme da Netflix (Entrevista)
    Por Lucas Salgado — 1 de abr. de 2017 às 10:23
    facebook Tweet

    Longa estreia na Netflix no dia 14 de abril.

    Eterno Miguel de Rebelde e conhecido pelo papel de Hernando em Sense8, Alfonso Herrera integra o elenco de mais uma produção da Netflix. Trata-se do filme O Eleito, que será disponibilizado para streeming mundialmente no próximo dia 14 de abril. O longa também será lançado nos cinemas no México.

    AdoroCinema foi até Miami, nos Estados Unidos, conversar com o ator. No bate-papo, Alfonso falou principalmente da segunda temporada de Sense8 (material que será divulgado em breve), mas também abordou o filme citado, em que interpreta Jacques Monard/Ramón Mercader, misterioso assassino de Leon Trotsky.

    Você pode falar um pouco sobre O Eleito?

    O filme é uma coprodução entre México e Espanha e será a primeira vez que um longa mexicano estreará na Netflix. Então, me sinto muito sortudo de poder fazer parte desse projeto. Além disso, o fato de que um filme mexicano será distribuído para mais de 190 países ao mesmo tempo é algo inovador. É incrível, tenho muita sorte.


    No México, o filme estreia ao mesmo tempo nos cinemas e na Netflix. Não será uma competição direta?

    Acho que não, acho que uma forma ajudará a outra. Há esse incrível ritual de ir ao cinema, então as pessoas poderão escolher assistir ao filme ou nos cinemas ou na Netflix. Acho que ir ao cinema também é uma experiência em si e isso não vai desaparecer. Sou um romântico e realmente amo o ritual de ir ao cinema. Acho que isso não desaparecerá. Mas creio que a Netflix, especialmente através das redes sociais - que são como extensões das pessoas, as pessoas usam o Twitter e o Instagram o tempo inteiro -, está acompanhando o ritmo do mundo e isso é incrível.

    O Eleito trata de uma temática que os mexicanos conhecem muito bem, que costumam estudar no ensino médio, mas não é algo que costumamos ver em séries. Como você se preparou para interpretar seu personagem?

    Foi um processo interessante. Filmamos em meados de 2015, mas a produção começou em janeiro. O filme é falado em diversas línguas: catalão, francês, espanhol, inglês… Como vocês sabem, sou mexicano, mas interpreto um espanhol que finge ser, por sua vez, outras pessoas: um cidadão belga, um cidadão canadense… Então, meu personagem possui muitas camadas e eu precisei trabalhar muito para apresentar isso da melhor forma. Foi difícil, foi um processo interessante. O Eleito conta a história de Ramón Mercader. Sabemos as coisas que ele fez, mas não sabemos muito sobre ele. Ele foi o assassino de Leon Trotsky e nós exploramos as coisas que levaram Mercader a fazer isso. Nosso filme tenta explorar quem foi Ramón Mercader.

    O AdoroCinema viajou a convite da Netflix.
    facebook Tweet
    Pela web
    Comentários
    Mostrar comentários
    Back to Top