Notas dos Filmes
Meu AdoroCinema
    Caso de violência doméstica de Johnny Depp e Amber Heard chega a um acordo
    Por Katiúscia Vianna — 17 de ago. de 2016 às 17:50
    facebook Tweet

    Depois de tanta polêmica, parece que essa história chegou ao fim.

    Após meses de polêmica, Johnny Depp e Amber Heard chegaram a um acordo de divórcio, na última terça-feira, 16. Um dia antes da audiência convocada para decidir sobre a ordem de restrição solicitada contra o astro da franquia Piratas do Caribe.

    Para quem não lembra, Amber denunciou o ex-marido por violência doméstica em maio deste ano. Com o recente acordo, a atriz aceitou em retirar esta acusação. Segundo fontes do TMZ, Depp aceitou pagar cerca de US$ 8 milhões para a moça, a fim de finalizar o divórcio.

    Para confirmar a paz entre os dois, o ex-casal ainda divulgou um comunicado em conjunto. Leia o trecho divulgado pelo The Huffington Post: "Nosso relacionamento foi intensamente passional e, por vezes, volátil, mas sempre foi movido pelo amor. Nenhuma das partes fez falsas acusações para benefícios financeiros. Nunca houve intenção de algum dano físico ou emocional. Amber deseja o melhor para Johnny no futuro e vai doar parte dos recursos financeiros do divórcio para uma instituição de caridade."

    Johnny Depp e Amber Heard se conheceram durante as filmagens de Diário de um Jornalista Bêbado, em 2009. Eles se casaram em 3 de fevereiro de 2015.
    facebook Tweet
    Links relacionados
    • Johnny Depp é acusado de violência doméstica contra Amber Heard
    Pela web
    Comentários
    • Lucas Moreira Barbosa
      Definiu bem, parece que a carapuça serviu.
    • Thayna Nunes
      A declaração que ambos fizeram só me da mais certeza de que ela mentiu em algumas declarações, se não estivesse preocupada, não teria feito ESSA declaração tentando esclarecer a parte dela. A carapuça serviu Amber, agora acredito no que muitos falavam.
    Mostrar comentários
    Back to Top