Meu AdoroCinema
  • Meus amigos
  • Meus cinemas
  • Notas Express
  • Minha coleção
  • Minha conta
  • Promoções
  • Desconectar
Os 20 atores de Hollywood mais temperamentais nos bastidores
Por Renato Hermsdorff — 20/03/2016 às 07:52
facebook Tweet

#AdoroTretas.

No clã de Hollywood, o que não falta é candidato a herdeiro do posto de pessoa mais difícil com quem trabalhar. Pelos mais variados motivos. São estrelas que assumem o duplo sentido da expressão, de “atriz ou ator de cinema (e TV)” e/ou “pessoa pedante, petulante”.

É claro que não dá para checar todas as informações, então, muito do que se diz, é baseado em rumores. Em nossa defesa, uma breve busca pelos “atores de Hollywood mais temperamentais nos bastidores”, e esses são os nomes que aparecem com mais frequência.

Mito ou verdade, já dizia Odorico Paraguaçu, o político sabonete de “O Bem Amado” inventado por Dias Gomes: “O povo, quando fala demais, ou é, ou tá pra ser”.

Confira 20 deles nas próximas páginas:

Fontes básicas: IMDb; WhatCulture.

Christian Bale, 42.

Psicopata?

O vídeo você o conhece, não? (De todo modo, depois de vazadas, as imagens foram retiradas da internet, onde só é possível encontrar o áudio da treta). Esse talvez seja o registro de um piti de ator mais difundido no mundo todo. Quando filmava O Exterminador do Futuro - A Salvação, Bale deu uma tremenda bronca no diretor de fotografia, Shane Hurlbut – ameaçando-o, inclusive. Tudo porque, aparentemente, o profissional teria interrompido o intenso “método” de atuação do "Batman de Nolan". Christian Bale leva a fama de metódico, nos bastidores, e a peça serve para alimentar o mito.

Edward Norton, 46.

Controlador?

Edward Norton é um outro velho conhecido nos bastidores por ser um ator do "método", o que, se por um lado, pode ser bom, claro (para dar substância ao personagem), por outro, no entanto, faz com que ele se leve a sério até demais. Em seu currículo contam brigas com o diretor de O Incrível Hulk, Louis Letterier, por conta de “diferenças criativas”, e ele até chegou a cortar a versão final de A Outra História Americana na sala de edição porque não acreditava na montagem do diretor Tony Kaye. O filme é ótimo e pode até ser que o ator tivesse razão nessa porque, segundo o site WhatCulture, “para ser justo, até mesmo o adorável Bryan Cranston já falou sobre o quão difícil é trabalhar com Kaye”.

Chevy Chase, 72.

Racista?

Férias Frustradas (1983), Assassinato por Encomenda, Community. Foram tantos – e tão engraçados – os papeis de Chevy Chase no cinema e na TV, que quem não daria um dedo mindinho (ok, menos) para trabalhar ao lado dele? “Na verdade, Chase foi banido do Saturday Night Live depois de abusar verbalmente de companheiros do elenco e dar um tapa em Cheri Oteri durante um ensaio. Ele também foi limado de Community por usar injúrias raciais no set e brigar publicamente com o criador da série, Dan Harmon”. (Ok, pode implantar o dedinho de volta).

Bruce Willis, 60.

Babaca?

Aparentemente, Bruce Willis não encarna o durão apenas nos personagens que interpreta nos filmes de ação – afinal, ele é conhecido por tornar a vida dos repórteres um inferno (feliz ou infelizmente, ainda não tivemos a chance de comprovar a tese). Quem pôs a boca no megafone foi Kevin Smith, que o dirigiu em Tiras em Apuros (2010). Em 2011, o cineasta chamou a experiência de “esmagamento de alma” (soul crushing) – Willis teria até se recusado a posar do lado de Smith na turnê de divulgação do filme. Na festa de lançamento, no entanto, o diretor teria ido à forra, dizendo: “Eu gostaria de agradecer a todos que trabalharam nesse projeto, menos a Bruce Willis, que é um babaca de marca maior [a fucking dick]”.

Gene Hackman, 86.

Lobo mau?

Os rumores envolvendo os humores de Gene Hackman de que se tem notícia remontam especificamente ao set de Os Excêntricos Tenenbaums – embora Anjelica Huston tenha relatado que “estava muito assustada [com a possibilidade de trabalhar com o ator], mas estava focada mesmo em proteger o Wes [Anderson, diretor]”, o que indica que a experiente atriz tinha conhecimento prévio do temperamento de Hackman. Não deu outra: por conta do aniversário de dez anos do filme, elenco e equipe se recordaram de Gene ter dito a Anderson que “vestisse as calças e agisse como homem” – o ator vencedor do Oscar por Operação França e Os Imperdoáveis  ainda teria chamado o roteirista Noah Baumbach de... (o texto de referência censura o adjetivo). Na ocasião da reunião, Gwyneth Paltrow e o próprio Wes admitiram que estavam assustados na época das filmagens. Mas ele foi “uma das coisas que fez todo mundo querer participar do filme”, relativizou o cineasta.
facebook Tweet
Links relacionados
Pela web
Comentários
Mostrar comentários
Siga o AdoroCinema
Matérias especiais recomendadas
Guia do Festival de Cannes 2019
NOTÍCIAS - Festivais e premiações
segunda-feira, 13 de maio de 2019
Guia do Festival de Cannes 2019
Oscar 2019: Confira as apostas do AdoroCinema
NOTÍCIAS - Festivais e premiações
quinta-feira, 21 de fevereiro de 2019
Oscar 2019: Confira as apostas do AdoroCinema
Guia do Festival de Berlim 2019
NOTÍCIAS - Festivais e premiações
quarta-feira, 6 de fevereiro de 2019
Guia do Festival de Berlim 2019
Retrospectiva 2018: Momentos marcantes do cinema e das séries
NOTÍCIAS - Visto na Web
sábado, 29 de dezembro de 2018
Retrospectiva 2018: Momentos marcantes do cinema e das séries
Todas as Matérias especiais de cinema
Trailers
Rocketman Trailer (2) Legendado
Godzilla II: Rei dos Monstros Trailer (1) Legendado
Ma Trailer (2) Legendado
Anos 90 Trailer (2) Legendado
Dias Vazios Trailer Oficial
MIB: Homens de Preto – Internacional Trailer (2) Legendado
Todos os últimos trailers
Back to Top