Notas dos Filmes
Meu AdoroCinema
    Lionsgate pode abrir parques temáticos inspirados em Jogos Vorazes, Divergente e outras franquias
    Por Laysa Zanetti — 4 de nov. de 2015 às 08:00
    facebook Tweet

    Projeto deve incluir também a Saga Crepúsculo e Truque de Mestre.

    À primeira impressão, um Parque Temático inspirado em Jogos Vorazes parece ser ideia de maluco. Afinal de contas, a história da saga gira em torno de um reality show que envolve crianças matando crianças ao bel-prazer da elite de uma sociedade futurista.

    Mas quando a Lionsgate adquiriu os direitos de adaptação da trilogia de Suzanne Collins, a ideia foi sendo trabalhada nos bastidores e agora deve sair do papel: “Quanto mais pensávamos, mais percebíamos que é uma ótima oportunidade – não só de criar algo inteligente e cativante para os fãs de Jogos Vorazes, mas de manter nossas franquias vivas de novas formas”, declarou Tim Palen, chefe oficial dos estúdios.

    A ideia, segundo uma reportagem do The New York Times, é criar montanhas-russas e outros tipos de passeios que recriem os ambientes da Capital e dos Distritos, e dar aos tributos uma experiência inovadora e única. Serão construídos dois parques: Um nos Estados Unidos, nos arredores de Atlanta, e outro na China, na cidade de Macau.

    E isso não é tudo. A ideia da produtora é inserir derivadas atrações que incluam outros de seus filmes, como shows interativos baseados na saga Divergente, no filme Truque de Mestre – que conta a história de um grupo de ilusionistas intitulado Quatro Cavaleiros e que vai ganhar continuação com Daniel Radcliffe, e futuramente até mesmo brinquedos inspirados na Saga Crepúsculo.

    Lionsgate
    Representação do proposto parque temático.

    Embora esta seja a primeira investida da produtora independente Lionsgate no universo de parques e atrações interativas, uma versão para os palcos está sendo preparada para estrear em Londres durante o verão de 2016 (aproximadamente entre maio e junho). Além disso, um ‘complexo de entretenimento’ chamado Lionsgate Zone está em construção entre Abu Dhabi e Dubai, nos Emirados Árabes, com orçamento de US$ 3 bilhões.

    Para limitar o risco, o estúdio vai licenciar seus filmes para desenvolvedores menores, que deverão pagar à Lionsgate para operar as atrações – algo semelhante à estratégia dos Parques da Warner Bros., que licenciou alguns personagens como o Batman e o Pernalonga para parques menores.

    “Há muitas possibilidades positivas a respeito destes filmes, a começar pelo fato de Katniss [Lawrence] ser uma jovem tão empoderada”, afirmou o desenvolvedor James Ram. Entre as atrações inspiradas em The Hunger Games, é provável que o decadente Distrito 12 seja recriado, assim como a padaria dos Mellark e os fabulosos cenários da Capital.

    Alguém aí já está quebrando o cofrinho para conhecer o parque de perto? Enquanto isso não chega, estamos no aguardo de Jogos Vorazes: A Esperança - O Final, que estreia no dia 18 de novembro.


     

    facebook Tweet
    Links relacionados
    Pela web
    Comentários
    Mostrar comentários
    Back to Top