Notas dos Filmes
Meu AdoroCinema
    Os minions são nazistas? Não caia neste boato
    Por João Vitor Figueira — 23 de jul. de 2015 às 16:10
    facebook Tweet

    Teoria da conspiração ligou a origem dos personagens de Meu Malvado Favorito a experimentos nazistas.

    A internet foi tomada por um boato que "explicava" a origem dos minions ao afirmar que as criaturas amarelas que recentemente ganharam um filme só delas depois de roubar a cena em Meu Malvado Favorito são inspiradas em um experimento nazista.

    A lenda que viralizou na internet nos últimos dias, que em muito lembra o exercício especulativo das creepypastas, teve seu início quando um internauta publicou em seu perfil no Facebook uma imagem em preto e branco que supostamente retratava crianças usando capacetes cilíndricos com uma pequena abertura circular, semelhantes aos minions de um olho só.

    Os meninos na foto seriam crianças judias chamadas sequestradas para servirem de cobaias de terríveis experimentos realizados por médicos nazistas, que os chamavam de "minions". Como efeito colateral dos macabros testes com o gás Zyklon B, usado nas infames câmaras de extermínio, as crianças teriam perdido a capacidade de falar e só se expressavam dizendo coisas estridentes e sem nexo, como os personagens infantis.

    Quem lançou a farsa por terra foi o Jornal El Pais, que confirmou que a imagem original pertence ao Royal Navy Submarine Museum (Museu da Marinha) do Reino Unido. A foto foi tirada em 1908 e o militar que aparece nela sequer é alemão. As pessoas retratadas não são crianças, mas sim mergulhadores durante um treinamento.

    Os minions de verdade foram criados pelos diretores Pierre Coffin e Chris Renaud tomando os Oompa Loompas de A Fantástica Fábrica de Chocolate (1971) e os Jawas de Star Wars: Episódio IV - Uma Nova Esperança (1977) como inspiração.

    Minions, o filme, já faturou mais de US$ 630 milhões nas bilheterias mundiais, ultrapassando a bilheteria do primeiro Meu Malvado Favorito (US$ 541 milhões).

    facebook Tweet
    Pela web
    Comentários
    Mostrar comentários
    Back to Top