Notas dos Filmes
Meu AdoroCinema
    Remake de De Volta para o Futuro? Só sobre o cadáver de Robert Zemeckis
    Por Vitória Pratini — 30 de jun. de 2015 às 18:29
    facebook Tweet

    Diretor afirmou que refilmar a trilogia é "ultrajante".

    Não se pode negar que este é o ano dos anúncios de remakes e continuações de antigas franquias: O Exterminador do Futuro, It - Uma Obra-prima do Medo, Halloween, Conan, Irmãos Gêmeos, O Corvo, entre tantos outros.

    Este também é o ano em que De Volta para o Futuro completa 30 anos. Sem contar que é também a data em que Marty McFly (Michael J. Fox) e Doc Brown (Christopher Lloyd) chegam ao futuro no segundo filme. Isso seria um sinal para fazer uma refilmagem do longa?

    Bob Gale e Robert Zemeckis no set de De Volta para o Futuro.
    Não de acordo com Robert Zemeckis, o diretor dos três filmes da franquia. Quando perguntado pelo site The Telegraph se ele aceitaria fazer uma refilmagem, ele foi categórico: "Ó, Deus, não."

    Zemeckis afirmou que ele e Bob Gale, o co-roteirista da trilogia, detêm os direitos do filme e jamais permitiriam algo do tipo enquanto viverem: "Isso não pode acontecer até que eu e Bob estejamos mortos. E então tenho certeza que eles farão um remake, a menos que nossos herdeiros possam impedir."

    E explicou: "Quero dizer, para mim, isso é ultrajante. Principalmente porque [De Volta para o Futuro] é um bom filme. É como dizer 'Vamos refazer Cidadão Kane. Quem chamaremos para interpretar Kane?' Que loucura, que insanidade é essa? Por que alguém faria isso?".

    Michael J. Fox e Christopher Lloyd em cena.
    O diretor ainda admitiu que um remake seria um sucesso financeiro praticamente certo porque a trilogia original estabeleceu uma base de fãs muito grande. No jargão de Hollywood, isso se chama "título pré-vendido", como Jurassic World - O Mundo dos Dinossauros, sequência da franquia Jurassic Park, que bateu recordes de bilheteria.

    Zemeckis lamentou também o fato de Tudo Por Uma Esmeralda, dirigido por ele em 1984, estaria sendo refilmado e que ele não teria "nenhum poder sobre isso".

    Gale já havia descartado a possibilidade de escrever um quarto filme de De Volta para o Futuro, que contaria a história depois do terceiro filme - ou até mesmo um pouco antes do final da trilogia. O roteirista sugeriu que a história nunca seria realmente De Volta para o Futuro se Marty McFly não fosse interpretado por Michael J. Fox, que diminui o ritmo de atuação após ser diagnosticado com a doença de Parkinson.
    facebook Tweet
    Links relacionados
    Pela web
    Comentários
    Mostrar comentários
    Back to Top