Notas dos Filmes
Meu AdoroCinema
    Bastardos Inglórios
    Média
    4,6
    4320 notas e 646 críticas
    distribuição de 646 críticas por nota
    264 críticas
    231 críticas
    70 críticas
    57 críticas
    12 críticas
    12 críticas
    Você assistiu Bastardos Inglórios ?

    646 críticas do leitor

    anônimo
    Um visitante
    4,5
    Enviada em 7 de junho de 2013
    "Chega a ser redundante elogiar Tarantino, mas "Bastardos" beira a perfeição. Na visão utópica do diretor sobre a 2ª Guerra, ele consegue mesclar emoção, crueldade e humor. Waltz eleva Hans Landa ao posto de um dos maiores vilões do Cinema."
    anônimo
    Um visitante
    5,0
    Enviada em 15 de novembro de 2019
    Minhas sinceras desculpas aos nostálgicos de Cães de Aluguel e Pulp Fiction...Mas Bastardos Inglórios é o melhor filme de Tarantino. É a completa culminação de todo o conhecimento do diretor/roteirista, é o filme que ele passou mais tempo para elaborar e produzir. Tem todas as suas marcas registradas do começo da carreira ao mesmo tempo que apresenta novas facetas técnicas e narrativas. É um filme de espirito rebelde ao mesmo tempo em que é um longa minunciosamente construído. É um ''drama de guerra'' que nunca soa cansado ou pueril. Uma fábula revisionista da história ironicamente realista e com sub textos extremamente pertinentes nos dias de hoje. Tarantino reescreve o passado para falar algumas verdades sobre o mundo atual, mesmo que pelas linhas tortas características. Apenas tecnicamente, é um filme perfeito, ambientação de época, set pieces, figurinos, design de produção, etc...Mas o filme não seria o mesmo sem a atuação monstruosa de Christoph Waltz como o já icônico Coronel Hans Landa. Um ator tão preparado e seguro que ao subir os créditos nos perguntamos por onde ele andava durante todo esse tempo que só agora foi ser notado pelo grande público. Brad Pitt também não faz nada feio como o Tenente Aldo Reine, personagem que garante as cenas mais engraçadas do filme. Outros destaques são Mélanie Laurent, Eli Roth, e Daniel Bruhl. Enfim, um verdadeiro deleite audiovisual. Um jovem clássico. NOTA : 9.5 / 10
    Eduardo S.
    Eduardo S.

    Segui-los 15 seguidores Ler as 26 críticas deles

    5,0
    Enviada em 18 de maio de 2013
    Quentin Tarantino passou anos falando de um roteiro sobre a 2ª Guerra Mundial e finalmente em 2009, o mundo viu sua visão singular e super original de um fato histórico que todos conhecem o desfecho, mas que aqui é bem mais interessante do que a realidade. Tarantino faz parte de um grupo de diretores únicos, que apesar dos temas distintos, todos os seus filmes conseguem ter um estilo e identidade que são associados ao diretor/autor. Como de costume seu elenco está excelente, com destaque para Brad Pitt que está impagável como o líder dos Bastardos, Diane Kruger que aqui na minha opinião está em sua melhor atuação, Mélanie Laurent foi uma revelação aos olhos do grande público e o extraordinário Christoph Waltz (Vencedor do Oscar de Melhor Ator Coadjuvante) que fez o que era impossível, roubar todas as cenas em que aparecia como o nazista Hans Landa. Outra coisa que vale destacar é o uso dos idiomas corretos para personagens de nacionalidades diferentes, isso mostra que seu diretor respeita a inteligência de seu público. Outros pontos altos são a violência que não poderia faltar em um filme de Tarantino e a trilha sonora que vai de Ennio Morricone a David Bowie. Com certeza um dos melhores e mais divertidos trabalhos de Tarantino, que desde já podemos chamar de clássico e é também um dos meus filmes preferidos.
    Caio Gracco M.
    Caio Gracco M.

    Segui-los 9 seguidores Ler as 3 críticas deles

    4,0
    Enviada em 16 de dezembro de 2013
    spoiler: Bastardos Inglórios e simplesmente um dos melhore filmes de Quentin Tarantino,que retrata a época da segunda guerra mundial,um destaque para as atuações impecáveis de Brad Pitt e Cristoph Waltz(merecido Oscar de melhor ator) que interpretam,respectivamente,o tenente Aldo Raine e coronel Hans Landa da SS.O filme possui uma variedade cultural grande,tendo como idiomas falados: Inglês,francês,alemão e italiano.O filme e muito bom e tem as marcas de seu diretor,muita violência e sangue ino elabora um dialogo entre Pierre La Padite e o coronel Hans Landa na primeira cena do filme em que o espectador pensa: "que conversa e essa?" e logo percebe que ha algo de errado com aquela figura de bom moço do coronel da do filme ter uma historia muito boa com atores de ponta,fico com 4 estrelas pois existem alguns erros básicos,como por exemplo na cena que Hugo Stiglitz(Til Schweiger) esta morto no chão da taverna,ele simplesmente mexe os olhos,fechados,mas mexe, e na cena final onde os bastardos matam Hitler no cinema,seu rosto parece massinha de modelar,apesar de tudo isso,Bastardos Inglórios foi o melhor filme de 2009,muito a frente de Avatar,na minha opinião.
    Vinipassos
    Vinipassos

    Segui-los 152 seguidores Ler as 178 críticas deles

    3,5
    Enviada em 28 de fevereiro de 2013
    Vamos aos pontos positivos e negativos: Negativos: O filme é muito parado, com pouca ação. Achei q por vezes o filme o foco. Positivos: É muito bem escrito, os diálogos são mt bons e as atuações são mt boas, principalmente a da Mélaine Laurent e Christopher Waltz. A proposta do filme é boa e se olharmos com carinho veremos que é um filme interessantíssimo, mas eu me decepcionei pq achei q seria mais ativo. Foi o primeiro filme de Tarantino que vi, não me decepcionei com ele, pq seu roteiro e direção são excelentes. Os personagens que ele criou são fantásticos, cada um tem uma personalidade distinta dos demais, o tom sarcástico que muitos deles utilizam em seus diálogos é brilhante. Um ponto bastante curioso no filme são os diversos idiomas utilizados, isso deu um toque a mais a esse filme.
    Guilherme M.
    Guilherme M.

    Segui-los 2 seguidores Ler as 5 críticas deles

    4,0
    Enviada em 25 de outubro de 2013
    Excepcionalmente bom. O gênero "Guerra" só pode ser caracterizado pelo contexto histórico, pois no que se trata de cenas de ação nos campos de batalha; miscelânea de corpos humanos caídos no chão ou exércitos inimigos, isso fica de lado em Bastardos Inglórios. O longa-metragem foca em duas histórias que, inicialmente, são paralelas, no entanto, conforme o filme se desenvolve, essas histórias se intersectam de maneira bastante interessante. Num geral, o que mais chama a atenção de quem assiste, é a complexidade e a tensão presentes em cada diálogo. Vale a pena ressaltar a importância da trilha sonora. Muitas músicas são capazes de remeter as décadas de trinta e quarenta do século vinte, período no qual o filme é passado.
    Matheus M.
    Matheus M.

    Segui-los 15 seguidores Ler as 12 críticas deles

    1,5
    Enviada em 2 de janeiro de 2015
    Achei o filme sem um enredo fixo, pois tentaram misturar duas historias paralelas, que na minha opinião não foram bem feitas. Alem do fato de terem matado Hitler no filme :/ e o final foi na minha opinião sem sentido, pois o filme criava uma expectativa de um bom final, no entanto como o final foi a pior parte, o filme perde total chances de se tornar um bom filme.
    Carlos Henrique S.
    Carlos Henrique S.

    Segui-los 6016 seguidores Ler as 799 críticas deles

    5,0
    Enviada em 13 de abril de 2019
    Uma obra prima de Quentin Tarantino,sangrento,exagerado,inteligente,persuasivo e cheio de boas interpretações torrnam esse filme um dos melhores da carreira do cineasta Tarantino e bem possivelmente um dos melhores filmes de todos os tempos.O filme não perde tempo e logo de inicio tem os primeiros minutos mais incríveis possíveis de um filme,com um diálogo excepcional onde o grande Christoph Waltz interpreta um Nazista que faz uma comparação incrível a respeito da forma nazista de agir,esse por sinal é uma das melhores artes do filme além dos diálogos incríveis que o roteiro proporciona,muito bem desenvolvido e dividido em capítulos que retratam bem os sentimentos de cada personagem que buscam por vingança ou ódio.O elenco desse filme é incrível e conta com atuações memoráveis de Brad Pitt,Mélanie Laurent, Christoph Waltz,Eli Roth,Michael Fassbender,Diane Kruguer e Daniel Brühl.Todos eles com atuações incríveis e bem executadas.A violência do filme é absurdamente bem feita,todas envolvendo o grupo anti nazista são demais incluido a clássica cena do bastão e a brilhante cena do cinema e a cena final que é impecável.Todo o roteiro sabe dar espaço de tela para todas as estrelas do filme e o deixa balanceado além disso estão de volta os clássicos enquadramentos de câmera como o Canted Angle Shot,Low-Angle Shot,Ground Shot e o Close-Up todos bem usados.Essa é uma daquelas obras primas que merecem serem assistidas mais de uma vez,violência na medida,roteiro brilhante e atuações estarrecedoras mostram o grande talento do grande Quentin Tarantino.
    Anderson  G.
    Anderson G.

    Segui-los 730 seguidores Ler as 276 críticas deles

    4,0
    Enviada em 30 de abril de 2017
    “Bastardos Inglórios” é o sexto filme do extremamente cultuado Quentin Tarantino, apesar de ser supervalorizado, Tarantino é um espetacular diretor de cinema, e sua sexta película não me deixa mentir. Temos aqui uma releitura da segunda guerra alá Tarantino, a onde os nazistas são caçados, primeiramente eu gostaria de falar dos primeiros 20 minutos desse filme que são fabulosos, sim, a primeira cena dura 20 minutos, é longa, eu sei, mas ela não enjoa, muito pelo contrario, você se delicia com cada segundo dela, muito pelo trabalho de atuação de Christoph Waltz, que está completamente espetacular no filme, roubando completamente a cena do Brad Pitt no filme, a trilha sonora não apenas dessa cena, mas de todo filme é espetacular, realmente, em termos de trilha sonora, Tarantino é único. A fotografia do filme é realmente inacreditável, mas dessa primeira cena é algo surreal, tem uma paleta de cores com muito preto, cinza, branco, mas tem um vermelho forte, ela é muito balanceada, é realmente lindo, todos os méritos aqui para Robert Richardson e Sally Menke , sem contar os ângulos de câmera, parece que a câmera nos filmes do Tarantino está exatamente posicionada no lugar que deveria estar. Bom, já falamos de atuações, já falamos de fotografia, e já falamos de trilha sonora, vamos para o ponto forte de Quentin, o roteiro, o roteiro é ótimo, um pouquinho confuso, e com algumas cenas alongadas demais (como a taberna), e não tem muito daqueles diálogos característicos de Quentin (á não ser pela cena inicial), mas é um roteiro bom, que conta uma historia de vingança a níveis globais, e cria um personagem que já está na historia do cinema contemporâneo, Hans Landa, que fala francês, italiano, alemão e inglês e deixa eu inimigos apavorados, com um pintada de humor, humor esse que é muito bem aplicado no filme. Quentin termina o filme com a frase “Essa foi minha obra prima” eu discordo dele, Bastardos Inglórios não entre nem no top 3 Tarantino pra mim, mas sem duvida é um ótimo filme.
    Luiz H.
    Luiz H.

    Segui-los 25 seguidores Ler as 5 críticas deles

    1,5
    Enviada em 12 de junho de 2014
    Eu realmente esperava mais do Quentin Tarantino. O filme é extremamente clichê. spoiler: Eles montaram toda aquela operação só pra se vingar dos nazistas. Você assiste o filme esperando algo incrível, e vê um filme ruim e com um roteiro falho. Esse filme só não é pior, porque o Brad Pitt e o Christoph Waltz (principalmente ele) arrebentam na atuação. Fora isso, esse filme é uma perda de tempo.
    Quer ver mais críticas?
    • As últimas críticas do AdoroCinema
    Back to Top