Notas dos Filmes
Meu AdoroCinema
    Cry-Baby
    Média
    4,1
    179 notas e 7 críticas
    distribuição de 7 críticas por nota
    0 crítica
    4 críticas
    0 crítica
    1 crítica
    2 críticas
    0 crítica
    Você assistiu Cry-Baby ?

    7 críticas do leitor

    Mr. Dean Corso
    Mr. Dean Corso

    Segui-los 23 seguidores Ler as 49 críticas deles

    4,0
    Enviada em 20 de fevereiro de 2016
    Johnny Depp em 1990: um jovem marcado por um esteriótipo, alcunha essa que ele tinha medo que o marcasse para o resto de sua vida, e que não atingisse um status de ator respeitado por conta disso. O esteriótipo: ser um ídolo teen, algo que grudou nele como um carrapato após a série Anjos da Lei, que é até hoje o grande arrependimento da carreira de Depp. Porém, na peregrinação para tentar se livrar daquela nhaca, ele acaba encontrando o diretor John Waters, famoso na época pelo musical HairSpray, que lhe dá um conselho: "se você quer se livrar de uma imagem, nada melhor que debochar dela"... E foi exatamente o que Depp fez ao aceitar o papel de Wade Walker, um esteriótipo de ídolo teen, só que comediado, e totalmente debochado. Uma espécie de contraventor juvenil, que se apaixona por uma jovem totalmente diferente del, e que tem um namorado ainda mais avesso ao seu modo de vida. Johnny consegue fazer ali, sua primeira atuação mais convincente na carreira, e ali podemos ver que ele era muito mais do que o adolescente namorador de A Hora do Pesadelo, e o jovem descompromissado de Férias do Barulho. O filme vale principalmente pelas referências musicais, principalmente a Elvis Presley. O figurino usado no filme foi perfeito, e a iniciativa de mostrar uma juventude rebelde e incompreendida foi levada a sério pelo diretor, e o mesmo concretizou essa tarefa com precisão. Em resumo, Cry Baby é um filme muito divertido, que eu sem dúvida alguma recomendo. Nota: 7.0
    anônimo
    Um visitante
    2,0
    Enviada em 28 de setembro de 2013
    Aproveitando o rosto bonito de Johnny Depp na época,John Waters,trouxe Cry Baby,para o trouxe de um jeito onde pudesse,passar a imagem de um bom rapaz,e não líder de uma gangue talvez seguiu um caminho de sucesso,se não tivesse sido a história bem infantil e ingênua,o filme poderia ter respirado outros canções que o filme traz,são simplesmente tocantes e você tem que entrar no ritmo també Johnny Depp,um grande destaque do elenco,foi também a linda e loira Amy Locane,onde tropuxe toda a sua beleza pra desamargar o filme.
    Ricardo L.
    Ricardo L.

    Segui-los 9405 seguidores Ler as 1 590 críticas deles

    1,5
    Enviada em 4 de maio de 2017
    Ruim de mais! Depp está em um filme que te que sair do mercado, roteiro ruim e elenco péssimo, cenas horríveis, trilha sonora bacana, mas é filme de tão ruim que tem que cair o esquecimento.
    Tarsila X.
    Tarsila X.

    Segui-los 1 seguidor Ler as 8 críticas deles

    4,5
    Enviada em 3 de novembro de 2016
    O filme é ótimo.Um musical delicioso,com uma história meio maluca,mas que cabe no contexto.è uma comédia romantica deliciosa!Johnny Deep está PERFEITO!!! SUPER INDICO!
    jotat10
    jotat10

    Segui-los Ler as 3 críticas deles

    4,0
    Enviada em 9 de fevereiro de 2012
    SUCESSO total, gostei muito assisti 2 vezes,uma direta e outra gravei pra assistir outro dia, q foi ontem. ...
    Yasmin S.
    Yasmin S.

    Segui-los Ler as 3 críticas deles

    1,0
    Enviada em 15 de março de 2016
    O único motivo pra eu ter perdido o meu precioso tempo vendo esse filme: Johnny Depp O filme é terrível, um clichê atrás do outro. Clássica historinha de Bad Boy e Good Girl, eles se apaixonam, a família não aprova, mas no fim eles ficam juntos. Entre essas coisas rola umas musiquinhas bem esquecíveis. Destaque: O motivo dele chamar Cry-Baby é impagável Destaque2: A cena do beijo é hilária O único motivo de ainda da uma estrela é o cabelo MA-RA-VI-LHO-SO do Johnny
    Fernando M
    Fernando M

    Segui-los Ler as 3 críticas deles

    4,5
    Enviada em 12 de setembro de 2018
    Johnny Depp está maravilhoso nessa comédia musical, repleta de cenas engraçadas e músicas marcantes dos anos 50.
    Quer ver mais críticas?
    • As últimas críticas do AdoroCinema
    Back to Top