Notas dos Filmes
Meu AdoroCinema
    O Amigo Oculto
    Média
    4,2
    679 notas e 118 críticas
    distribuição de 118 críticas por nota
    27 críticas
    41 críticas
    24 críticas
    15 críticas
    10 críticas
    1 crítica
    Você assistiu O Amigo Oculto ?

    118 críticas do leitor

    anônimo
    Um visitante
    3,0
    Enviada em 19 de dezembro de 2014
    No filme não viveremos na boa época do Natal,mais O Amigo Oculto,parece muito com aquela velha maneira de vir com essas histórias.Morte misteriosa no começo,casa abandonada e longe de vizinhança,e vizinhos amigáveis,mais com algo a mais a mostrar.Robert DeNiro e Dakota Fanning,mantém uma boa conduta até o fim.Sendo eles os principais responsáveis por fazer o filme dar certo.Dakota até mais,porque mas uma vez está perfeitamente brilhante e atua com grande competência.Algo nos faz lembrar do filme,O Sexto Sentido,que vinha também com a bela dupla,Bruce Willis e Halley Osment.Onde o tema principal consegue nos enganar e principalmente nos enrola e meche com nossas cabeças...
    Alexandre
    Alexandre

    Segui-los 6 seguidores Ler as 76 críticas deles

    2,5
    Enviada em 9 de fevereiro de 2012
    O filme nos passa uma expectativa muito grande. Acho que o mérito dele é esse, o suspense é bom. O único problema é o final do filme que decepciona demais. Sabe quando você assiste ao final do filme e diz "credo, mas é isso?". Decepcionante.Mas o filme é bom, se você não se importar com o final que vai assistir.
    Fernando Schiavi
    Fernando Schiavi

    Segui-los 1438 seguidores Ler as 389 críticas deles

    2,5
    Enviada em 9 de fevereiro de 2012
    Um filme muito bom! O filme possui uma excelente fotografia que envolve o espectador no clima de suspense que norteia a trama. Boa direção de John Polson, que soube conduzir o bom elenco que tinha nas mãos. Robert De Niro mais uma vez está muito bem e convincente e é coadjuvado por ótimas atrizes como Amy Irving, Famke Janssen e Elisabeth Shue. Mas o grande destaque desse filme é a fabulosa Dakota Fanning que consegue passar tudo pelo olhar e na entonação de voz de sua personagem, e é ela que mantém o clima de suspense durante todo o filme. Realmente é uma bela atuação complementada com aqueles lindos e grandes olhos azuis que enchem a tela e hipnotizam a quem assiste. Uma grande atriz mirim, que após esse filme já fez alguns papéis polêmicos e de maior densidade psicológica. Ela está incrível aqui, mas as suas melhores atuações são em (Hounddog, Sonhadora e A Vida Secreta das Abelhas, altamente recomendados e que mostram a evolução dessa joia preciosa). Enfim, um ótimo filme que deve ser assistido, obrigatório!
    Carlos Henrique S.
    Carlos Henrique S.

    Segui-los 5373 seguidores Ler as 799 críticas deles

    2,5
    Enviada em 23 de novembro de 2019
    Quem diria não é mesmo ?, o grande Robert DeNiro fazendo um filme de terror,o astro de Hollywood resolveu entrar no filme de terror que não empolga.Após o suicídio da sua esposa,David se muda com sua filha que cria um amigo imaginário,mas aos poucos esse amigo se mostra ser mais que imaginário.Na época o filme teve um sigilo total a respeito do final do filme que prometia um twist e se cresceu de expectativa por trazer DeNiro como protagonista.A direção é do John Polson que trabalhou bastante para a tv e aqui ele inicia o filme bem,de cara temos um bom primeiro ato que abre espaço para algo que prometia ser bom mas infelizmente não vinga.Temos um ritmo arrastado no filme que parece em muitos momentos desandar,não que o ritmo lento seja tão ruim mas que poderia investir em outras coisas,o horror psicológico é mau usado,temos um ou outro momento bacana uns flashbacks que prometem mas que no fim das contas era apenas algo para preencher enredo.As atuações são boas,Robert DeNiro está bem e carrega o drama do personagem,a Famke Janssen está ok mas não é bem explorada e ainda temos a pequena Dakota Fanning com boa participação.Com um inicio promissor,O Amigo Oculto se perde em muitos momentos e entrega um Plot Twist bem forçado e conveniências de roteiro.
    Lucas M.
    Lucas M.

    Segui-los 24 seguidores Ler as 18 críticas deles

    4,5
    Enviada em 27 de março de 2013
    Simplesmente maravilhoso! Um suspense realmente surpreendente e te prende do inicio ao final. O final no mostrando o desenho da Emily foi o melhor desfecho que poderia ter tido. Não é um filme cansativo e tem uma história muito boa (tirando um pouco o cliche da viagem para o campo e lá acontece coisas estranhas...) trata de um assunto pouco explorado. A atuação está perfeita, principalmente da Dakota Fanning que mesmo pequena fez seu papel com a alma percebendo em seus olhos o pavor do personagem! Super recomendado!
    Lucilene Santos
    Lucilene Santos

    Segui-los 18 seguidores Ler as 4 críticas deles

    4,0
    Enviada em 1 de junho de 2014
    Com as atuações perfeitas de Robert de Niro e Dakota Fanning e alvo de tantas críticas, o filme me agradou muito com o clima de tensão crescente e um final surpreendente e inteligente. Recomendo para os fãs do gênero.
    Julie  D.
    Julie D.

    Segui-los Ler as 6 críticas deles

    3,5
    Enviada em 17 de outubro de 2013
    Um suspense que te prende do inicio ao final. roteiro com uma história muito boa (tirando um pouco o clichê da viagem para o campo e lá acontece coisas estranhas...) trata de um suspense psicológico,que gosto ção perfeita da Dakota Fanning, que mesmo pequena fez seu papel com a alma percebendo em seus olhos o pavor do personagem! Mas confesso que o final não foi tão surpreendente pra ndo:)
    Filipe
    Filipe

    Segui-los 112 seguidores Ler as 180 críticas deles

    1,0
    Enviada em 9 de fevereiro de 2012
    Todo o desenrolar do filme eh mto interessante. O filme te prende totalmente e vc fik mto ancioso pra sabe o q tah acontecendo. E no final: pronto, um filme bom destruido por 10 minutos. A trama n tem sentido nenhum! Como o amigo vai ser akela pessoa? Todo o jeito como o amigo se apoderou do corpo da pessoa foi interessante, mais como akela pessoa fazia akelas coisas? Um filme muito interessante, q se destroi num final totalmente sem nexo. Fikei c raiva!
    Francisco F.
    Francisco F.

    Segui-los 35 seguidores Ler as 171 críticas deles

    3,0
    Enviada em 12 de março de 2019
    Achei apenas razoável. Algumas vezes monótono e possui um final previsível. Além de repetir a “receita de bolo” de vários outros filmes. Vai agradar alguns e decepcionar outros. Dakota e De Niro não comprometem, mas não salvam o filme.
    Marciel M.
    Marciel M.

    Segui-los 19 seguidores Ler as 4 críticas deles

    3,5
    Enviada em 14 de janeiro de 2017
    Ao perder sua esposa o Psicólogo David Callaway (Robert De Niro) resolve se mudar e iniciar uma nova vida junto com sua filha, Emily ( Dakota Fanning), traumatizada com a morte da mãe. Em sua nova casa em uma pequena cidade de Nova York, Emily descobre um amigo imaginário chamado ‘Charlie” que com o passar do tempo se torna cada vez mais frio e perverso. Inicialmente o que parece ser mais um típico filme de terror, com cenas e sustos marcados, pouca iluminação, trilhas de suspense e tudo mais que manda o figurino do gênero vai se transformando em um suspense curiosamente inteligente. Com o desenrolar dos fatos, o terror psicológico torna-se intenso e passar a ilustrar as melhores cenas. No início, David acha que Charlie é apenas uma criação imaginária da filha como resposta ao trauma. Mas com o tempo, coisas cada vez mais estranhas acontecem. (Frases escritas com sangue e o assassinato de sua namorada). Inquietado e assustado com toda a situação, David começa a investigar e em um momento de euforia e epifania, descobre a verdade sobre ‘Charlie’. Curiosidade: Alguns críticos afirmam que o filme carrega uma mensagem subliminar sobre o chamado controle mental monarca que é um tipo de tratamento desenvolvido pela CIA, em que o manipulador consegue criar por meio de um trauma um mundo onde o seu manipulado não consiga mais distinguir ficção e realidade, fazendo com que crie personagens e os mesmos possam ser ativados à vontade por quem pratica este tipo de manipulação mental. No caso do filme, Emily, a filha de David, cria um trauma ao testemunhar o suicídio de sua mãe.
    Quer ver mais críticas?
    • As últimas críticas do AdoroCinema
    Back to Top