Notas dos Filmes
Meu AdoroCinema
    Rastros de Ódio
    Rastros de Ódio
    7 de maio de 1956 / 2h 00min / Faroeste, Aventura
    Direção: John Ford
    Elenco: John Wayne, Natalie Wood, Jeffrey Hunter
    Nacionalidade EUA
    Usuários
    4,1 64 notas e 9 críticas
    notar :
    0.5
    1
    1.5
    2
    2.5
    3
    3.5
    4
    4.5
    5
    Vou ver

    Sinopse e detalhes

    O veterano da Guerra Civil Ethan Edwards (John Wayne) chega ao Texas em 1868 e encontra o seu irmão e a família dele. Entretanto, no dia seguinte, comanches invadem o rancho e matam o seu irmão e Martha (Dorothy Jordan), a esposa dele. Além disso, raptam as duas filhas do casal. Ethan parte então em uma busca vingativa pelas meninas junto com o companheiro Martin (Jeffrey Hunter), um mestiço que logo percebe que Ethan está obcecado por matar os índios e cheio de ódio racista. Eles encontram o corpo da mais velha, e saem em busca da caçula, que procuram por mais 5 anos no deserto.
    Título original

    The Searchers

    Distribuidor -
    Ver detalhes técnicos
    Ano de produção 1956
    Tipo de filme longa-metragem
    Curiosidades 5 curiosidades
    Orçamento 3 750 000 $
    Idiomas Inglês
    Formato de produção -
    Cor Colorido
    Formato de áudio -
    Formato de projeção -
    Número Visa -
    Pela web

    Elenco

    John Wayne
    Personagem : Ethan Edwards
    Natalie Wood
    Personagem : Debbie Edwards
    Jeffrey Hunter
    Personagem : Martin Pawley
    Ward Bond
    Personagem : Captain Samuel Johnson Clayton
    Ficha completa

    Comentários do leitor

    Felipe F.
    Felipe F.

    Segui-los 759 seguidores Ler as 455 críticas deles

    3,0
    Enviada em 8 de janeiro de 2020
    Bom Faroeste. Esperava muito mais, a história é meio embaralhada e confusa, tem uma subtrama de um casamento sem graça, mas é um filme que consegue entreter. A fotografia é belíssima para a época, e John Wayne está ótimo, faz um personagem com várias camadas, e só na última cena entendemos o que realmente é o personagem. John Ford faz uma direção segura, e temos um faroeste ok, bom filme.
    Hugo A.
    Hugo A.

    Segui-los 22 seguidores Ler as 5 críticas deles

    3,5
    Enviada em 20 de fevereiro de 2015
    Para o bem e para o mal, ninguém incorporou melhor a alma do cowboy hollywoodiano do que John Wayne. E, certamente, um dos maiores elaboradores dessa mitologia foi o mestre John Ford. Aqui, o astro-fetiche e o diretor icônico estão juntos novamente, em uma parceria que rendeu dezenas de trabalhos para o cinema. Entre vastidões belissimamente retratadas, interpretações perfeitas e duras como o tempo que retrata, ainda há o resquício de um ...
    Leia Mais
    Ricardo L.
    Ricardo L.

    Segui-los 21851 seguidores Ler as 1 668 críticas deles

    5,0
    Enviada em 10 de junho de 2017
    Obra prima do cinema mundial! Um dos maiores filmes de todos os tempos, na minha opinião é Top 100 e o 2° melhor filme de Western da história, perdendo apenas para Era uma vez no Oeste, John Wayne está brilhante, digno de um óscar, a fotografia é uma das mais lindas da história do cinema, cenário incrível ou seja é um filme como pouquíssimos , PERFEITO.
    anônimo
    Um visitante
    4,0
    Enviada em 6 de abril de 2016
    -Filme assistido em 05 de Abril de 2016 -Nota 8/10 Um dos grandes clássicos do cinema,do Western,e claro,de John Ford. Realmente um dos melhores do gênero.A fotografia é belíssima.O filme é cheio de suspense,algo interessante,já que não vimos somente a busca pela vingança nesse clássico,como já é de praxe nos filme de John.
    9 Comentários do leitor

    Fotos

    59 Fotos

    Curiosidades das filmagens

    Making-of público

    Um dos primeiros filmes a fazer auto-propaganda através de um documentário do making-of que passou na TV. Gig Young apresentou o programa, com Jeffrey Hunter como convidado.

    Últimas homenagens à Carey

    O astro do gênero faroeste Harry Carey morreu em 1947. O diretor John Ford incluiu no filme a esposa de Carey, Olive Carey, como a Senhora Jorgensen e também o seu filho, Harry Carey Jr., como um dos filhos, Brad. Essa foi a sua forma de prestar uma homenagem ao ator. Na cena final com John Wayne na porta, Wayne segura o seu cotovelo direito em uma pose que os fãs de Carey reconheceriam como sendo bem específica dele. Wayne depois declarou que el... Leia Mais

    Entre irmãs

    Lana Wood interpretou Debbie Edwards pequena, e Natalie Wood, a irmã mais velha de Lana, interpretou Debbie Edwards adolescente.
    5 curiosidades

    Últimas notícias

    BBC elege os 100 Melhores Filmes Americanos de Todos os Tempos
    NOTÍCIAS - Visto na Web
    sábado, 25 de julho de 2015
    Vídeo mostra a primeira e última cena de grandes filmes lado a lado
    NOTÍCIAS - Pré-Produção
    quinta-feira, 19 de março de 2015
    Material analisa filmes de Stanley Kubrick, Paul Thomas Anderson e Martin Scorsese.

    Se você gosta desse filme, talvez você também goste de...

    Mais filmes similares

    Comentários

    • Nelson Jr
      Um típico western dos anos 50 , com seus estereótipos e preconceitos , o machão americano , o índio como vilão , um clássico de época ! excelente fotografia! roteiro simplório, pra mim não está entre os melhores westerns de todos os tempos.
    Mostrar comentários
    Back to Top