Notas dos Filmes
Meu AdoroCinema
    Um Grito no Escuro
    Um Grito no Escuro
    Data de lançamento desconhecida / 2h 00min / Drama
    Direção: Fred Schepisi
    Elenco: Meryl Streep, Sam Neill, Brion James
    Nacionalidades Austrália, EUA
    notar :
    0.5
    1
    1.5
    2
    2.5
    3
    3.5
    4
    4.5
    5
    Vou ver

    Sinopse e detalhes

    No ano de 1980, no estado australiano de Queensland, um desaparecimento de um bebê choca a sociedade. Enquanto seus pais, que são da igreja adventista, estão acampando, uma espécie de cão selvagem leva o bebê embora. Com isso uma busca é iniciada, junto com outras pessoas que também estavam no acampamento, mas o corpo da criança nunca mais é achado. A intolerância religiosa e o estranhamento a alguns costumes dos adventistas faz com que a mídia crie diversos mitos em torno do que realmente aconteceu no dia do desaparecimento, e os pais acabam culpados por assassinato. Lyndi Chamberlain (Meryl Streep) e seu marido Michael Chamberlain (Sam Neill) terão que provar que são inocentes, mesmo todos estando contra eles.
    Título original

    Evil Angels

    Distribuidor -
    Ver detalhes técnicos
    Ano de produção 1988
    Tipo de filme longa-metragem
    Curiosidades 5 curiosidades
    Orçamento 15 000 000 $
    Idiomas Inglês
    Formato de produção -
    Cor Colorido
    Formato de áudio -
    Formato de projeção -
    Número Visa -
    Pela web

    Elenco

    Meryl Streep
    Personagem : Lindy Chamberlain
    Sam Neill
    Personagem : Michael Chamberlain
    Brion James
    Personagem : Cliff Murchison
    Dale Reeves
    Personagem : Aidan aos 6 anos
    Ficha completa

    Fotos

    Curiosidades das filmagens

    A verdadeira história

    Baseado em um fato real que aconteceu perto de Ayers Rock, na Austrália, na noite de 17 de agosto de 1980. O bebê de Lindy tinha quase 2 meses quando foi pego na barraca por um dingo, uma espécie de cão selvagem, parecido com um pastor alemão ou um husky siberiano.

    Falha da justiça

    Em 1986, um casaco de Azaria foi encontrado em uma área cheia de tocas de dingos. O caso foi então reaberto e em 1988 a Corte Criminal anulou todas as acusações contra os pais da criança. Dois anos depois, os pais ganharam uma indenização por que foram presos injustamente.

    "O dingo comeu meu bebê"

    Apesar da popularidade da frase "O dingo comeu meu bebê!" na Austrália e sua associação com o filme, essa fala nunca foi falada no filme.
    5 curiosidades

    Últimas notícias

    Meryl Streep não se lembra de todas as suas indicações ao Oscar
    NOTÍCIAS - Personalidades
    terça-feira, 9 de janeiro de 2018

    Se você gosta desse filme, talvez você também goste de...

    Mais filmes similares

    Comentários

    Mostrar comentários
    Back to Top