Notas dos Filmes
Meu AdoroCinema
    O Senhor dos Anéis - As Duas Torres
    Média
    4,7
    4043 notas e 55 críticas
    distribuição de 55 críticas por nota
    22 críticas
    18 críticas
    7 críticas
    6 críticas
    2 críticas
    0 crítica
    Você assistiu O Senhor dos Anéis - As Duas Torres ?

    55 críticas do leitor

    Harisson G.
    Harisson G.

    Segui-los 54 seguidores Ler as 40 críticas deles

    5,0
    Enviada em 17 de fevereiro de 2014
    Demorei para assistir esse filme (2014), mas foi o melhor que já vi, ele é simplesmente fantástico, dispensa elogios, ouso-me a dizer que a trilogia O Senhor dos Anéis é a melhor obra cinematográfica já produzida pela humanidade. Perfeita.
    William D.
    William D.

    Segui-los 13 seguidores Ler as 63 críticas deles

    4,0
    Enviada em 10 de julho de 2018
    Espetáculo cinematográfico! A sequência da 'Sociedade do Anel' permanece épica, com batalhas alucinantes, efeitos especiais de tirar o fôlego dos espectadores e uma carga positiva no universo da Terra Média, onde os personagens mantém-se fiéis ao contexto como um todo e convence de uma realidade mesmo no universo da fantasia. Majestoso, perfeito, brilhante. 'As Duas Torres' nos aprofunda mais no universo e desenvolve bem mais os personagens saindo do foco dos pequenos hobbits. Passamos a compreender e a amar os personagens por suas falhas e qualidades, e o espectador da sala escura, pode ser capaz de sentir-se na guerra e ansiar pela vitória dos protagonistas como se vivesse a história junto deles. Essa, sem dúvidas, é a grande mágica por trás do 'Senhor dos Anéis', afinal, tal trilogia foi tão bem aclamada por conquistar a vivacidade da trama no coração daqueles que ficam por horas em frente à telona. No entanto, este filme em especial apresentou algumas falhas consideráveis em filmes, e tais falhas rodeiam um único propósito: a necessidade de extensão e aprofundamento na história. Não que isso seja muito grave a este filme em especial, mas o espectador comum procura o cinema para divertir-se e mergulhar numa nova realidade durante um período exato de tempo, e notemos que a versão estendida deste filme chegou a quase 4 horas! Claro, a trilogia merece ter seu tempo fiel por conseguir convencer sua realidade ao espectador, e necessita aprofundar-se para encantar ainda mais, só que, é perceptível que neste filme a história segue uma ramificação um pouco diferente da trama (plot), e isto é sim uma falha, e uma falha que pode arruinar muitas histórias feitas para o cinema. Há de convir que muitos concordam que o filme se arrasta, e não é de se admirar, já que uma ideia surgiu no primeiro filme, e neste a ideia é deixada de segunda mão para apresentar uma ideia nova, ainda não vista, que é o caso dos reinos dos humanos na Terra Média. E, com tal encher linguiça, o filme se difere de um filme e passa a ser visto quase como um seriado de tão extenso e desenvolvido que foi para várias ramificações diferentes da trama principal. O tempo no cinema precisa ser ESSENCIAL e sem muita exploração paralela. O filme foi por demais estendido da ideia principal, e caiu muito de qualidade de roteiro por causa disso.
    Vilmar O.
    Vilmar O.

    Segui-los 122 seguidores Ler as 357 críticas deles

    4,0
    Enviada em 11 de dezembro de 2015
    Bom filme que serve de preparo para o melhor filme desta trilogia: O retorno do rei. Assistam todos.
    Marcão
    Marcão

    Segui-los 2 seguidores Ler as 81 críticas deles

    4,5
    Enviada em 12 de fevereiro de 2016
    Depois que a Sociedade do Anel foi quebrada (e, agora, separada), os hobbits Frodo e Sam descobrem que estão sendo seguidos pelo misterioso Gollum, uma criatura esperta que foi deformada pelo Anel, mas que promete guiar os hobbits aos Portões Negros de Mordor se eles o liberarem. Enquanto isso, na Terra-Média, Aragorn, o arqueiro-elfo Legolas e Gimli, o Anão, encontram o reino de Rohan, que está sitiado, tendo seu antes poderoso Rei Théoden sucumbido à feitiçaria mortal de Saruman, por causa da manipulação de seu espião, o sinistro Língua de Cobra. Gandalf renasce como Gandalf, o Branco. Já os hobbits aprisionados Merry e Pippin conseguem escapar sozinhos dos Uruk-hai e se embrenham na misteriosa Floresta Fangorn, onde descobrem um inesperado aliado entre as antigas árvores - Barbárvore, um pastor de árvores, vivo e caminhante, cuja floresta Saruman dizimou. Resumindo a trilogia é perfeita!!!
    Estevan Magno
    Estevan Magno

    Segui-los 517 seguidores Ler as 490 críticas deles

    4,0
    Enviada em 20 de janeiro de 2013
    O pior da trilogia mas não o torna ruim! As árvores são incríveis e os efeitos especiais nem se fale! Melhor filme e série de todos os tempos!
    Gabriel L.
    Gabriel L.

    Segui-los 6 seguidores Ler as 5 críticas deles

    3,0
    Enviada em 21 de março de 2014
    um bom filme kom bons efeitos sonoros e pela data de lançamento tem varios efeito de video a historia é boa mais kom atores de fraka atuação mais kom um otimo diretor recomendo pra kem gosta de assistir filmes de elfos , fadas e aventura
    Gustavo M.
    Gustavo M.

    Segui-los Ler as 5 críticas deles

    3,0
    Enviada em 19 de dezembro de 2014
    Mais um filme épico de fantasia. Quando assisti esperando X e Y, apenas vi mais uma produção do gênero que dura quase 4 horas. É claro, a qualidade sonora, realidade das imagens, excelente trabalho dos atores, um filme sem impressões artificiais, mas, não é tão avassalador, apenas, um excelente filme, sem revoluções intensas na história, apenas uma produção respeitável. Fãs do gênero irão curtir, quem nunca viu antes, paciência e de preferência muita desocupação, os intervalos nunca serão tão queridos, embora, respeite.
    Francisco Russo
    Francisco Russo

    Segui-los 1307 seguidores Ler as 687 críticas deles

    2,5
    Enviada em 9 de fevereiro de 2012
    Muito bom filme, a meu ver do mesmo nível que o primeiro. O primeiro tem uma história melhor trabalhada, até porque precisa apresentar os personagens, mas também chega a cansar na 1ª metade. Este "As Duas Torres" não, apesar de ter 3 horas flui muito bem, mesclando as 3 histórias do filme e mantendo o interesse em todas elas, ao mesmo tempo. A batalha do Abismo de Helm é fenomenal, assim como o detalhismo digital com Gollum. A cena em que ele conversa consigo mesmo - bem parecida com a do Duende Verde em "Homem-Aranha", por sinal - é sensacional. O ataque a Isengard também é muito bom, apesar de ter ficado decepcionado com o tão falado Barbárvore. As cenas em close no personagem, com Merry e Pippin em seus galhos, são praticamente iguais, pode-se até notar que os movimentos dos olhos são sempre os mesmos nestas cenas. O elenco mais uma vez está muito bem e bastante coeso com a história. O "duelo" entre Gimli e Legolas durante o filme é divertidíssimo.Algo que estranhei no filme foi o modo como ele começou, entrando direto na história sem qualquer tipo de apresentação ou entrada. Já sabia que o filme seria assim, mas demorei alguns minutos até entrar no clima do filme sem esta "preparação". Quanto ao final já esperava que fosse daquele jeito, por causa do 1º filme. E foi até bom ser logo depois do "Sou eu, o seu Sam", porque depois daquela cena o cinema inteiro ficou sacaneando os personagens sempre que Sam e Frodo apareciam na tela.
    Ricardo L.
    Ricardo L.

    Segui-los 3623 seguidores Ler as 1 554 críticas deles

    4,5
    Enviada em 5 de novembro de 2019
    Ótima continuação do épico A sociedade do anel! Vencedor de 2 óscar e merecia mais, sendo derrotado a melhor filme pelo mediano Chicago, vai entender... O elenco aqui é basicamente o mesmo do antecessor e todos estão excelentes. Roteiro continua simples de fácil entendimento, levando ao público a leveza de uma história medieval gostosa e prazerosa de acompanhar. As duas torres é um épico de muita qualidade.
    Neto S.
    Neto S.

    Segui-los 1761 seguidores Ler as 773 críticas deles

    4,0
    Enviada em 17 de dezembro de 2013
    Após a captura de Merry (Dominic Monaghan) e Pippy (Billy Boyd) pelos orcs, a Sociedade do Anel é dissolvida. Enquanto que Frodo (Elijah Wood) e Sam (Sean Astin) seguem sua jornada rumo à Montanha da Perdição para destruir o Um Anel, Aragorn (Viggo Mortensen), Legolas (Orlando Bloom) e Gimli (John Rhys-Davies) partem para resgatar os hobbits sequestrados. Bem O Senhor dos Aneis - As Duas Torres E Um Filme Muito Bom Que Tem Bastante Açao Muito Mais Que O 1 So Que Eu Gostei Mais Da Historia do 1 , O Filme Contem 2:58 Minutos Bem Longo Mais Nao Da Tedio Filme Tem Muita Açao Principalmente o Final Que Foi Incrivel , Efeitos Muito Bons e é Claro Grande Atuaçoes Principalmente do Elijah Wood Nota 9.2
    Quer ver mais críticas?
    • As últimas críticas do AdoroCinema
    Back to Top