Motoqueiro Fantasma
  • Sessões
  • Trailers & Clips
  • Créditos
  • Críticas
    • Críticas do AdoroCinema
    • Críticas da imprensa
    • Críticas dos usuários
  • Fotos
  • VOD
  • Você Sabia?
Média:   3,3 por 308 notas das quais 38 críticas  | 
  • 3 críticas     8%
  • 4 críticas     11%
  • 4 críticas     11%
  • 12 críticas     32%
  • 6 críticas     16%
  • 9 críticas     24%

38 críticas dos espectadores

Organizar por 
Mais recentes
  • Críticas mais úteis
  • Membros com mais críticas publicadas
  • Membros mais seguidos
Eduardo

1 seguidor | Ler suas 73 críticas |

   1.5 - Ruim

Ótimos efeitos especiais, fraco enredo. O filme poderia ser um pouco mais sério, cheio de piadinhas sem graça. No gibi o motoqueiro fantasma é muito mais obscuro do que foi apresentado. Decepcionante!

Roberto

0 seguidor | Ler suas 39 críticas |

   2 - Fraco

Motoqueiro Fantasma contém bons efeitos especiais e trilha sonora, porém ainda está um pouco distante dos melhores filmes de heróis lançados pela Marvel, mas nada que o desqualifique e quem sabe até de "gás" a uma possível continuação. Os fâs aguardarão...


SERGIO LUIZ DOS SANTOS PRIOR

26 seguidores | Ler suas 293 críticas |

   1.5 - Ruim

Baseado nos quadrinhos criados na década de 40 do século passado, "MOTOQUEIRO FANTASMA" é mais um filme de super-herói com o selo Marvel de qualidade. Não estranhe se você não havia ouvido o nome deste personagem até que o cinema se apoderasse dele. Eu nunca li nenhum gibi deste motoqueiro. Não é o caso do ator principal do filme, Nicolas Cage, que tem uma tatuagem nos seus braços em homenagem ao dito-cujo. Nicolas interpreta Johnny Blaze, que faz shows pilotando sua moto juntamente com o seu pai num circo. Imagino que a mãe de Johnny tenha morrido quando ele era pequeno, pois ela só aparece numa fotografia. O desespero toma conta de Johnny quando ele lê o laudo do radiologista do seu pai: câncer é o diagnóstico. O pai de Johnny é um fumante inveterado. Nessa altura surge a figura de Mefistófoles (Peter Fonda, aquele mesmo que em 1968 andava de moto acompanhado de Jack Nicholson, no filme "EASY RIDER - SEM DESTINO") e propõe o seguinte: a erradicação do tumor do pai em troca de sua alma. A motivação de Johnny Blaze de negociar com a criatura das sombras é eticamente digna de elogios. Há pessoas que vendem sua alma por ninharia nos dias atuais, não é verdade? Johnny aceita a proposta e seu pai acorda no dia seguinte "forte como um touro". Eis que quando ele fazia o seu costumeiro show no circo ele sofre um acidente e falece. O diabo que não é bobo nem nada havia feito o acordo de que iria curar o câncer do pai de Johnny, não que iria livrá-lo de acidentes de moto. O diabo é ladino, sem dúvida. O rapaz se transforma num adulto que excursiona por todos os EUA fazendo shows com a sua moto: pula sobre fileiras de caminhões, de carros e até de helicópteros. Ele não teme nada e ninguém. Sabe, no entanto, que Mefistófeles virá cobrar sua dívida em algum momento. E isso ocorre quando o próprio filho do Diabo foge do inferno (o rapaz preferiu viver na terra do que no inferno, vejam só). Nesse ponto Johnny se transforma no Espírito da Vingança com seu crânio e sua motocicleta ficando em chamas toda noite que ele entrasse em ação para vencer o filho rebelde do senhor das Trevas. Para conseguir superar seu adversário, Johnny contou com a ajuda de sua namorada de juventude, Roxanne (Eva Mendes). Os efeitos especiais são muito bons. O mesmo eu não posso dizer do roteiro e da direção de atores. Foi duro aguentar os gritos da petizada durante a sessão. Eu estou ficando velho e/ou anti-social. Não aguento mais certos tipos de comportamento característico de néscios.

tiago

0 seguidor | Ler suas 38 críticas |

   2.5 - Regular

Bom... pra começar, a ideia que eu obtive do filme era totalmente diferente do que vi. Porque Johnny Blaze (Nicolas Cage), não se transformou em Motoqueiro Fantasma em troca da proteção das duas pessoas que el mais amava (seu pai e sua namorada de infância (Roxanne Simpson (Eva Mendes)), mais sim para curar o câncer que estava matando seu pai (Barton Blaze (Brett Cullen), que por ironia morre no dia em que o mesmo é curado. Não posso dizer se a história e o visual do filme e o mesmo que da HQ, pois desconheço sua origem, mas o que vi no filme não deixou muito a desejar, por que os efeitos estavam ótimos. A única coisa que não gostei no filme "todo", é do ator principal, Nicolas Cage, não creio que ele se encaixa no personagem, é que seu perfil é muito fraco para encarar o papel de um Super Héroi, mas até que ele deu "pro gasto." Tá bom, cena vem, cena vai, até que nosso mocinho dá de cara com um coveiro (Sam Elliott), que não se sabe como conhece tudo de um Motoqueiro Fantasma, até que ele conta a história de um outro, que sumiu á vários anos (logico que era ele); o que mais chama atenção nesse coveiro é quando ele se transforma em MF. Pois o visual dele é muito mais "descolado" que o de Cage, de certa forma rouba totalmente a cena para si. Enfim, o filme é SHOW!

Bruno

1 seguidor | Ler suas 94 críticas |

   0.5: Horrível

Vale a pena assistir ao filme, efeitos especiais muito bons, e faz com que o espectador não tire o olho da tela... Mas acho que deveriam ter sido totalmente fiés à historia em quadrinhos. Mesmo assim, é diversão garantida!

Marcio

0 seguidor | Ler suas 46 críticas |

   1 - Muito ruim

Ridículo. Trama horrivelmente construída, mas parece um filme de comédia. Efeitos especiais muito bons, salvando o filme, mas faltam cenas de lutas intensas como no Homem Aranha, Batman ou Superhomem. Extremamente peculiar a forma com que luta com seus inimigos. Se fosse um filme "A La Easy Rider" com motoqueiro fantasma ia ser um estouro de bilheteria. Deixou MUITO a desejar.

Fernando

1 seguidor | Ler suas 86 críticas |

   2.5 - Regular

Como não dar nota dez a todo o talento e dedicação da equipe técnica que produziu este filme? Tá certo que os roteiros da série Marvel não são muito empolgantes, porem cinema é um pouco de tudo ao seu tempo. Faz bem comprar uma pipoca, sentar em uma confortavel poltrona e ver o que de mais inovador se tem feito no cinema atual em termos de efeitos especiais, sem fala na atuação de N. Cage. Fantástico.

Thiago

1 seguidor | Ler suas 62 críticas |

   0.5: Horrível

Frustrante e medíocre. Só não dou zero por duas cenas (o desfecho do salto dos caminhões e a queda livre do prédio usando a moto) e pelo Nicolas Cage, apesar dele fazer uma das piores atuações de sua carreira. Previsível, clicheroso e mal acabado; filme de super-herói não pode mais ser mal acabado. E pra completar, o trabalho desse diretor é ridículo.

anteriorPróxima
  • 1
  • 2
  • 3
  • 4

Dê sua opinião sobre esse filme

Quer ver mais críticas?
  • As últimas críticas AdoroCinema
Nossas últimas críticas
Grandes Amigos
  2,0

Boyhood - Da Infância à Juventude
  5,0

Tim Maia
  4,0

Todas as últimas críticas
Melhores filmes em cartaz
Drácula - A História Nunca Contada
  4,5

De Gary Shore
Com Luke Evans, Sarah Gadon
Ação
Trailer

O Juiz
  4,4

De David Dobkin
Com Robert Downey Jr., Robert Duvall
Drama
Trailer

Annabelle
  4,4

De John R. Leonetti
Com Annabelle Wallis, Ward Horton
Terror
Trailer

Todos os melhores filmes em cartaz
Mais Esperados
Foto : Os Vingadores 2: A Era de Ultron
1. Os Vingadores 2: A Era de Ultron

De Joss Whedon

Com Chris Evans, Robert Downey Jr.

Filme - Ação

Trailer

2. Jogos Vorazes: A Esperança - Parte 1
3. Velozes & Furiosos 7
4. O Hobbit: A Batalha dos Cinco Exércitos
5. Interestelar
6. Cinquenta Tons de Cinza
7. Debi & Lóide 2
8. Batman V Superman: Dawn of Justice
9. Êxodo: Deuses e Reis
10. Capitão América 3

 Mais filmes