Notas dos Filmes
Meu AdoroCinema
    Deus É Mulher e seu Nome É Petúnia
     Deus É Mulher e seu Nome É Petúnia
    26 de dezembro de 2019 / 1h 40min / Drama, Comédia
    Direção: Teona Strugar Mitevska
    Elenco: Zorica Nusheva, Labina Mitevska, Simeon Moni Damevski
    Nacionalidades Macedônia, Bélgica, Eslovênia, França, Croácia
    Ver o trailer
    Assista agora
    Imprensa
    3,2 8 críticas
    Usuários
    3,0 8 notas e 1 crítica
    Adorocinema
    3,0
    Avaliar :
    0.5
    1
    1.5
    2
    2.5
    3
    3.5
    4
    4.5
    5
    Vou ver

    Sinopse e detalhes

    Não recomendado para menores de 14 anos
    Todo dia 19 de janeiro, um ritual único é realizado na Macedônia. O pároco mais importante de cada cidade lança uma cruz no rio, e centenas de homens mergulham para alcançá-la, sob a promessa de que assim terão felicidade e prosperidade durante o ano. Na pequena vilda de Stip, a cerimônia é interrompida por um acontecimento inédito. Petrunya, mulher de 31 anos que está solteira e desempregada, mergulha para pegar a cruz e se torna a vencedora. Mas o povo de sua cidade não permitirá que ela seja reconhecida como tal. 
    Título original

    Gospod postoi, imeto i' e Petrunija

    Distribuidor PANDORA FILMES
    Ver detalhes técnicos
    Ano de produção 2019
    Tipo de filme longa-metragem
    Curiosidades 1 curiosidade
    Orçamento -
    Idiomas -
    Formato de produção -
    Cor Colorido
    Formato de áudio -
    Formato de projeção -
    Número Visa -

    Assista ao filme

    Online
    Looke Alugar
    Veja todos os filmes online

    Críticas AdoroCinema

    3,0
    Legal
    Deus É Mulher e seu Nome É Petúnia

    Caça à bruxa

    por Bruno Carmelo
    “Mãe, olha para mim. Eu saí da sua vagina. Sou tão feia assim?”. Petrunya fica revoltada quando a mãe demonstra desprezo pelo corpo nu da filha. Aos 32 anos de idade, esta historiadora representa um símbolo de fracasso social aos olhos de todos: não se casou, está desempregada, é considerada feia (“um monstro", ainda de acordo com a mãe), não manifesta apreço pela religião e defende as revoluções comunistas do último século. Ela se sente tão excluída que, um dia, joga-se no rio no momento exato em que ocorre um ritual religioso exclusivo para homens. Diante da tarefa de pegar uma cruz lançada por um pároco, quem alcança o objeto sagrado é Petrunya. A diretora Teona Strugar Mitevska tem plena consciência de estar trabalhando com pequenos símbolos, dentro de uma fábula exemplar. A cerimônia religiosa, no fundo, importa muito pouco, porém serve a representar o dia em que uma mulher compl...
    Ler a crítica
    Deus É Mulher e Seu Nome É Petúnia Trailer Legendado 1:36
    Deus É Mulher e Seu Nome É Petúnia Trailer Legendado
    2347 visualizações
    Pela web

    Elenco

    Zorica Nusheva
    Personagem : Petrunija
    Labina Mitevska
    Personagem : Jornalista Slavica
    Simeon Moni Damevski
    Personagem : Inspetor Milan
    Suad Begovski
    Personagem : O padre
    Ficha completa

    Crítica de usuários

    Alan David
    Alan David

    Segui-los 9286 seguidores Ler as 685 críticas deles

    3,0
    Enviada em 31 de dezembro de 2019
    Deus é Mulher e seu Nome é Petúnia traz um retrato de quando a devoção cede a razão em meio a um ambiente machista, mesmo assim o filme simplesmente trata de forma natural as decisões da sua protagonista, sem forçar nada. Poderia ter sido mais dinâmico ou ampliado mais a história que tinha em mãos?... sim, mesmo assim a mensagem é bem recebida. Para ler completo: ...
    Leia Mais
    1 Crítica de usuários

    Fotos

    11 Fotos

    Curiosidade das filmagens

    Festival de Berlim

    Selecionado para a mostra Competition da 69ª edição do Festival de Berlim.

    Últimas notícias

    Minha Mãe É uma Peça 3 é a maior estreia da semana
    NOTÍCIAS - Lançamentos
    quinta-feira, 26 de dezembro de 2019
    Festival de Berlim 2019: Comédia dramática da Macedônia é boa candidata ao prêmio de melhor roteiro
    NOTÍCIAS - Festivais e premiações
    domingo, 10 de fevereiro de 2019
    O segundo filme da Berlinale com "Deus" no título, depois de By the Grace of God.
    Festival de Berlim 2019: 45% dos filmes selecionados foram dirigidos por mulheres
    NOTÍCIAS - Festivais e premiações
    quinta-feira, 7 de fevereiro de 2019
    Estudo fornecido pela Berlinale aponta preocupação com a igualdade de gêneros.
    4 Notícias e Matérias Especiais

    Se você gosta desse filme, talvez você também goste de...

    Mais filmes similares

    Comentários

    Mostrar comentários
    Back to Top