Notas dos Filmes
Meu AdoroCinema
    Assunto de Família
    Média
    3,9
    90 notas e 16 críticas
    distribuição de 16 críticas por nota
    3 críticas
    7 críticas
    5 críticas
    0 crítica
    1 crítica
    0 crítica
    Você assistiu Assunto de Família ?

    16 críticas do leitor

    Jonas Furtado Bittencourt
    Jonas Furtado Bittencourt

    Segui-los 1541 seguidores Ler as 550 críticas deles

    5,0
    Enviada em 2 de novembro de 2019
    Há algo de único, porém calmamente convencional(no melhor sentido da palavra) na forma como esta família casual de pessoas tão distintas é retratada pelas lentes extremamente sensíveis do diretor, ao passo em que vamos desvendando lentamente os laços forjados em segredos e mentiras que os unem. Uma bela coleção de desventuras protagonizadas por pessoas simples, falhas, e absolutamente identificáveis. Como muitos filmes asiáticos, tem problemas de ritmo e estrutura narrativa, e não é exatamente original, claro que já vimos essa história antes, mas ainda sim, um excelente drama!
    Nelson J
    Nelson J

    Segui-los 23539 seguidores Ler as 1 231 críticas deles

    4,5
    Enviada em 19 de janeiro de 2019
    Filme singelo sobre senhora que protege pessoas que trabalham, mas também cometem pequenos delitos e esquemas para obter seguro social no Japão. Uma garotinha que sofre abusos dos pais acaba sendo levada por eles e se adapta a nova configuração familiar. O filme contrasta os laços afetivos entre este grupo diverso e a própria família da garota. profundo e singelo.
    Alan David
    Alan David

    Segui-los 9336 seguidores Ler as 685 críticas deles

    4,0
    Enviada em 3 de novembro de 2018
    Assunto de Família entrega uma história simples, mas bem reflexiva que coloca pessoas vindo de situações complicadas em um contexto familiar acolhedor, mesmo tocando em temas como roubo e sequestro, são feitos de forma bem suave e dando o motivo do porque daquelas situações e como era importante aquilo acontecer para enriquecer a jornada de Osamu e cia. Ficou muito bom. Para lê completo, link a seguir: http://www.parsageeks.com.br/2018/11/cinema-529-assunto-de-familia.html
    Daniel C
    Daniel C

    Segui-los 4 seguidores Ler as 5 críticas deles

    3,5
    Enviada em 20 de fevereiro de 2019
    É um bom filme. Vale a pena assistir. Mas não tem nada de extraordinário com alguns críticos estão falando. Prof. Daniel Camargo (Brasília-DF)
    Mário Sérgio P.Vitor
    Mário Sérgio P.Vitor

    Segui-los 37 seguidores Ler as 132 críticas deles

    4,0
    Enviada em 26 de maio de 2019
    ASSUNTO DE FAMÍLIA é um filme interessante e esclarecedor. Temos uma idéia romantizada do Japão e ele a desconstrói numa primeira parte de cenas soltas e pouco esclarecedoras. Ganha mesmo um certo ritmo na parte final, quando conseguimos enxergar quase inteiramente aquela família ou, talvez mais precisamente, aquela terna representação de uma. A atriz que representa a esposa esperta, despachada e amorosa é de uma expressividade ímpar. Um filme desigual, porém encantador.
    Guilherme M.
    Guilherme M.

    Segui-los 28 seguidores Ler as 154 críticas deles

    3,0
    Enviada em 5 de janeiro de 2020
    Um filme bem realista e que quebra muitas ideias de que no japão é tudo perfeito, mostra o lado menos desfavorecido, faltou um pouco de ritmo, não é ruim, porém não assistiria de novo!
    Tarcísio Braga
    Tarcísio Braga

    Segui-los 24 seguidores Ler as 61 críticas deles

    4,0
    Enviada em 26 de fevereiro de 2019
    Esse filme concorreu a melhor filme estrangeiro no Oscar 2019 e a melhor filme estrangeiro Globo de Ouro 2019. Esse filme é a prova viva que o cinema japonês está indo muito bem com qualidade e emoção, o filme mostrar um novo conceito de família, com alguns erros e acertos trazendo cenas inesperadas e personagens marcantes, apesar de se ter falas soltas e algumas cenas sem conclusão deixando perguntas em aberto, o filme é emocionante e buscar um contato o tempo todo com o telespectador, não escondendo a verdade da história e seus horrores e amores, um filme para ser apreciado com um boa qualidade de som, direção firme e bons personagens. A minha nota nos sites especializados foi de 4,0 e na minha lista pessoal foi de 8,7/10.
    Bruno Campos
    Bruno Campos

    Segui-los 290 seguidores Ler as 257 críticas deles

    5,0
    Enviada em 28 de janeiro de 2019
    Excelente!! Sensibilidade ímpar, beleza rara. O retrato de uma "família", onde o afeto é o protagonista, e os adultos ensinam "o q sabem", para além das óbvias implicações educacionais para as crianças. Muito para além do maniqueísmo do politicamente correto, o grande diretor japonês Hirokazu Kore-Eda (do duríssimo e também excelente "Ninguém Pode Saber") apresenta um drama inequivocamente comprometido com as verdades do submundo da miséria, as leis do cotidiano q vive a despeito de políticos, policiais e assistentes sociais. A transgressão aqui corresponde não apenas ao risco, a um posicionamento na contracultura, ou a uma glamourização do poder vivenciado pelo transgressor, mas sim a uma saída pró-Eros, uma resistência sem retóricas, uma assunção do afeto como lei central, custe o q custar (como a discussão de Almodóvar em "Fale com Ela"). Atuações brilhantes, imperdível. Ver mais no post "Só o Afeto Interessa ('Assunto de Família')", no blog "psicanalisenocinema.com".
    Otavio W.
    Otavio W.

    Segui-los 196 seguidores Ler as 228 críticas deles

    3,0
    Enviada em 1 de fevereiro de 2019
    Hoje dia de assistir mais um drama japonês que geralmente me atrai pela boa imersão comovente da história, mas que aqui se mostrou bem mais leve, remetendo muito a situações contraditórias em relação a união e sentimento familiar. O filme conta como um grupo de pessoas com uma série de características diferentes e pouco nobres consegue formar uma espécie de família, seja por simplesmente estarem juntas ou pelo sentimento de quererem simplesmente ajudarem uns aos outros. O começo traz a última pessoa a integrar a família, uma criança bem nova e que mal sabe das coisas da vida, e que já tem um drama pesado por de traz de sua pouca idade. Logo que a família se completa com ela, tudo vai se mostrando como funciona. A família sobrevive de rolos, trambiques e pequenos furtos, que parecem passar desapercebidos por todos, algo pouco interessante para uma família japonesa. A continuidade mostra que tudo que a pequena criança faz, deixa uma lição para todo o resto, de como a inocência, a vida fora daquilo que eles sempre foram, podem ser algo mais bonito e certo, mesmo que todos ali acreditem que não podem mais mudar o que fizeram ou fazem. As situações vão ficando mais difícil com o tempo, parecendo não haver mais espaço para tudo de errado que fazem, e a redenção vai tomando o caminho de cada um. O desfecho de todos eles parecem dar a lição de vida que precisavam, todos seus medos de alguma forma são mostrados que podem ser vencidos, seja suas dores, seus desafios ou seus caminhos tortuosos, mesmo sendo trágico para alguns. No geral, um filme que mostra muito de como as pessoas, como uma família, podem viver de uma forma bem errada, de um jeito engraçadinho e leve, mas que a vida, de uma forma ou outra, coloca as pessoas no caminho certo, seja de uma forma louca e sem sentido, de uma forma inocente e infantil ou até mesmo de uma forma trágica e sofredora. #CinetecaXinguê #filme #movie #cinema #Japão #ItauCinemas #RuaAugusta #PrimePass #AssuntodeFamília #assunto #família #drama #criança #furto #comédia #lição #vida #trabalho #morte #felicidade #inocência #Manbikikazoku
    c4rlc4st
    c4rlc4st

    Segui-los 405 seguidores Ler as 279 críticas deles

    3,5
    Enviada em 16 de fevereiro de 2019
    Um filme cru, que não se preocupa em explorar técnicas de cinema, mas sim em desenrolar as ideias do roteiro, que essencialmente questiona o que é moralmente correto. Furtos, trambiques, esquemas... todas as atitudes imorais são conversadas abertamente entre a família, inclusive passado às crianças. Mas esse estilo de vida garante a comida na mesa e a felicidade da família composta por personagens carismáticos e humildes. Então nossa moral é questionada se o que eles fazem pode ser aceitável, apesar de sabermos que é crime. Uma boa reflexão, que como obra cinematográfica, sofre com o ritmo descompassado e a timidez imagética.
    Quer ver mais críticas?
    • As últimas críticas do AdoroCinema
    Back to Top