Meu AdoroCinema
    Coringa
    Média
    4,6
    616 notas e 169 críticas
    73% (124 críticas)
    14% (23 críticas)
    2% (3 críticas)
    5% (8 críticas)
    1% (2 críticas)
    5% (9 críticas)
    Você assistiu Coringa ?

    169 críticas do leitor

    Alvaro Triano
    Alvaro Triano

    Segui-los 31 seguidores Ler as 85 críticas deles

    5,0
    Enviada em 3 de outubro de 2019
    Um verdadeiro estudo de personagem, profundo e sombrio. Um filme levemente baseado nas historias em quadrinhos do Batman (Piada Mortal), mas que tem uma essência crua, realista e até mesmo inconsequente de um dos maiores vilões de todos os tempos. Sim! Coringa não é herói e nem anti-herói, Coringa é um filme sobre alguém com sérios transtornos mentais que em determinado momento, se torna um psicopata, um agente do caos que ao invés de cair em um tanque de ácido, cai justamente em uma sociedade doente. O filme do diretor Todd Phillips (Se beber, não case!, Cães de guerra) é uma verdadeira homenagem aos filmes de Martin Scorsese, desde "O Rei da Comédia" até "Táxi Driver", que tem em seu protagonista, Travis Bickle, uma cópia perfeita de Arthur Fleck (Joaquin Phoenix). É muito parecido! Principalmente na cena da dança com a arma e as indagações do protagonista olhando para a tela. Além de ser um longa antissistema parecido com "Clube da Luta" e um pouco de "Laranja Mecânica" pela espetacularização da violência. O longa de Phillips se passa no final da década de 70, onde temos uma Gotham city totalmente afogada em problemas como desemprego e falta de recursos sociais e de saúde. Nesse cenário a família Wayne está presente na figura do patriarca Thomas Wayne, representando a construção do rico fascista. Em muitos momentos, o roteiro de Scott Silver e Phillips tenta levar o humor negro e a empatia pelo protagonista, e em certos momentos você sente pena, fica triste pelo personagem que é, literalmente, maltratado, humilhado, pisado pela sociedade, mas não se engane! O Coringa é mau! Mesmo com toda a beleza da fotografia do diretor Lawrence Sher, sua estética, enquadramento, luzes, contrastes, trilha - O filme é muito bonito e muito bem feito - estamos vendo a história do príncipe do crime, que condiz com a exposição violenta de seus atos. Um filme pesado e perturbador! Um divisor de águas do cinema de HQs! Polêmico! Mas, de longe o melhor do ano! Um filmaço! Com uma atuação de oscar para Joaquin Phoenix, ator do método que entrega a fisicalidade, trejeitos e várias nuances de risadas nunca vistas no cinema. O cara é muito bom! O que faz do seu Coringa uma obra única e imperdível.
    judsonline
    judsonline

    Segui-los Ler as 2 críticas deles

    5,0
    Enviada em 3 de outubro de 2019
    Uma obra-prima do cinema no ano de 2019. Um filme que, certamente, dará o Oscar para Joaquin Phoenix por sua absurda interpretação.
    Italo J
    Italo J

    Segui-los Ler a crítica deles

    5,0
    Enviada em 3 de outubro de 2019
    Um dos melhores filmes q já assisti, não é atoa q é um dos favoritos ao oscar. E o ator, o jeito q ele entrega o personagem, simplesmente, espetacular.
    Antonio M
    Antonio M

    Segui-los Ler a crítica deles

    5,0
    Enviada em 3 de outubro de 2019
    É difícil conseguir descrever... O filme é fabuloso, pesado e assustadoramente realista. Uma obra de arte. Joaquin Phoenix está extraordinário.
    Max N
    Max N

    Segui-los Ler a crítica deles

    5,0
    Enviada em 4 de outubro de 2019
    Melhor filme do ano !!!! Superou todas as expectativas e (na minha opinião) Joaquim Fenix entregou o melhor Coringa de todos os tempos....claro sem esquecer da brilhante atuação de Heath Ledger que também sem dúvidas se tornou um marco no cinema!
    Fernanda S.
    Fernanda S.

    Segui-los 1 seguidor Ler a crítica deles

    5,0
    Enviada em 3 de outubro de 2019
    Gente! 😱😱😱 estou chocada! Perplexa! Sem conseguir raciocinar... É um misto de drama, muito drama, terror, e comédia... É a miséria humana das doenças mentais... A interpretação do Joaquin parece poesia! O link com o pequeno Bruce Wayne é de arrepiar! O físico do Joaquin Phoenix chega a dar nauseas, ele emagreceu 23 quilos para o filme. E a crueza das cenas de morte é visceral... Uma obra prima! Oscar para Joaquin e para Todd Phillips (diretor)! Você sai do cinema "dançando" com o coringa!
    José J
    José J

    Segui-los Ler a crítica deles

    5,0
    Enviada em 3 de outubro de 2019
    Impossível descrever com palavras oque estou sentindo após ver o filme, então a única coisa que posso dizer é: VÁ ASSISTIR!
    Filipe N.
    Filipe N.

    Segui-los 13 seguidores Ler as 44 críticas deles

    5,0
    Enviada em 3 de outubro de 2019
    Mto foda. Não se trata de um filme de super heróis. É um drama psicológico de tirar o fôlego. Um filme adulto, mto bem conduzido e com roteiro e interpretações impecáveis. Espero que o próximo Batman seja a continuação e siga uma linha na mesma pegada.
    Fabrício A
    Fabrício A

    Segui-los Ler a crítica deles

    5,0
    Enviada em 4 de outubro de 2019
    Vi questionamos quanto ao Coringa ser tratado como um "anti-herói", de fato, comumente ele é reconhecidamente um vilão. Porém, na narrativa de Todd há margens para os dois tipos de leitura. É em suma, uma aporia, dado o roteiro. Após uma enorme reflexão, me permiti fazer uma hermenêutica da obra em analogia a um pensamento de Bertold Brecht. "Há muitas maneiras de matar uma pessoa. Cravando um punhal, tirando o pão, não tratando sua doença, condenando à miséria, fazendo trabalhar até arrebentar, impelindo ao suicídio, enviando para a guerra etc. Só a primeira é proibida por nosso Estado." - Bertolt Brecht. Quanto a parte técnica, acredito que, mesmo que de forma independente aos universos dos HQ's que ultimamente estão sendo abordados com um uso exacerbado dos efeitos gráficos (em especial o Universo Marvel), o filme crie um divisor entre a seriedade com o texto e algo mais "cult".
    Denis C
    Denis C

    Segui-los Ler a crítica deles

    5,0
    Enviada em 6 de outubro de 2019
    Ótimo filme, o final é espetacular, mas assistam legendado é dez vezes melhor que o dublado E a ideia que o filme pode incentivar assassinos é sem noção, não é muito diferente de outros filmes
    Quer ver mais críticas?
    • As últimas críticas do AdoroCinema
    Back to Top