Notas dos Filmes
Meu AdoroCinema
    The Silence
    Média
    2,5
    208 notas e 48 críticas
    distribuição de 48 críticas por nota
    3 críticas
    5 críticas
    13 críticas
    9 críticas
    11 críticas
    7 críticas
    Você assistiu The Silence ?

    48 críticas do leitor

    Simone R.
    Simone R.

    Segui-los 17 seguidores Ler as 2 críticas deles

    5,0
    Enviada em 10 de abril de 2019
    Quase uma explicação de como tudo começou em "Um lugar silencioso", mas aqui já ficamos sabendo na primeira cena o que está atacando e matando todo mundo. Achei muito bom, gostei da atuação de todos. Convence... . Só achei tudo muito rapido, todo mundo se adaptando e resolvendo tudo muito rapidamente. Isso incomoda e atrapalha um pouco. Mas, mesmo assim, é um filme bom.
    c4rlc4st
    c4rlc4st

    Segui-los 479 seguidores Ler as 289 críticas deles

    2,0
    Enviada em 13 de abril de 2019
    Tudo errado com este filme. Já no seu lançamento, próximo demais de A Quiet Place, recebeu uma carga negativa com as inevitáveis comparações e acusações de plágio. Quando se trata sobre o filme, então, fica difícil entender o porque desta realização. O roteiro mais preguiçoso que já vi. Apresenta uns vilões que não tem função nenhuma, com uma motivação debiloide, sem sentido e uma caracterização de rir e sentir pena. O romance da personagem principal é outro exemplo da falta de motivos para esse filme. Eu não li o material fonte, não sei até que ponto ele correspondente ao que foi apresentado no filme, mas tanto o fato da personagem ser surda e seu par amoroso não tem a menor relevância para o desenvolvimento da história, que por sua vez, não tem absolutamente nada a dizer. Um filme cretino.
    Enilson S.
    Enilson S.

    Segui-los 74 seguidores Ler as 152 críticas deles

    0,5
    Enviada em 21 de abril de 2019
    Olha se vc já assistiu um lugar silencioso é praticamente a cópia,com monstros menos assustadores e com personagens que tanto faz se vivem ou morrem. Achei bem ruinzinho, com a falta de criatividade. E personagens bem caricatos, e que não dão empatia alguma sobre a situação deles. Uma pena pois o elenco é muito bom, mas foram bem mal utilizados em uma trama muito mais do mesmo. Gostaria muito que os roteiristas tivessem maior empenho e criatividade. Mas a dona Netflix quer tanto ficar criando obras e mais obras sem menos parar para olhar se está ficando bom ou não.
    Cristiano C.
    Cristiano C.

    Segui-los 6 seguidores Ler as 18 críticas deles

    4,0
    Enviada em 10 de abril de 2019
    Elenco afiado, história envolvente e ainda deixa um gancho para uma possível, mas não imprescindível continuação.
    Samuel O.
    Samuel O.

    Segui-los 6 seguidores Ler a crítica deles

    5,0
    Enviada em 12 de abril de 2019
    Muito envolvente. O filme lida com um história bem articuladas, personagens excepcionais e boa produção.
    Crismika
    Crismika

    Segui-los 294 seguidores Ler as 342 críticas deles

    3,0
    Enviada em 19 de novembro de 2019
    Filme com uma boa proposta para contar uma história que seria muito interessante, mas ao longo do filme nos deparamos com certos erros, mas vale a pena se levar pelo lado que é puro entretenimento.
    Gabriel C.
    Gabriel C.

    Segui-los 35 seguidores Ler as 74 críticas deles

    3,5
    Enviada em 27 de junho de 2019
    Embora The Silence seja baseado em um livro, ele traz bastante elementos de “Um Lugar Silencioso” e “Bird Box” e fazer comparações toda hora pode ser um erro na hora de se divertir assistindo The Silence. O longa traz uma história boa pra quem gosta desse gênero de filme, o desenvolvimento é bom, mas com muitos clichês típicos de terror. Tive um sentimento de bastante tensão enquanto assistia, e me envolvi com os personagens. Gostei bastante da edição de som, dando uma imersão boa. O design das criaturas é bem interessante também. O elenco é muito bom e eles conseguem entregar boas atuações na medida que o roteiro permite. Fica o destaque para Kiernan Shipka (Ally) que transmite suas emoções com um bom destaque. (Acho ela a cara da Emma Watson hahaha). Um ponto negativo fica o ato final que é simplesmente desnecessário e não agrega em quase nada. Uma outra coisa que me incomodou (mas ai é bem pessoal mesmo eu sei que estou sendo chato) é a questão de seres que viviam na escuridão por milhares de anos simplesmente conseguirem se adaptar tão rápido na superfície com claridade. Enfim, The Silence me garantiu uma boa diversão e cumpriu com a minha expectativa. Vale a pena dar uma chance.
    Luiz Antônio N.
    Luiz Antônio N.

    Segui-los 16926 seguidores Ler as 1 298 críticas deles

    3,0
    Enviada em 13 de abril de 2019
    uma família tentando sobreviver num mundo atacado por monstros misteriosos atraídos pelo som. No centro da trama, está Ally (Shipka), jovem de 16 anos que perdeu a audição, alguns anos antes de tal desastre. Quando os protagonistas precisam buscar um novo refúgio, descobrem como o mundo se transformou a maioria das críticas que eu li foram negativas só que eles não deveriam comparar nem com um lugar silencioso e nem com bird box porque o filme tem o seu lado interessante só que sem comparações, eu não achei de todo ruim⭐⭐⭐
    Daniel N.
    Daniel N.

    Segui-los 4465 seguidores Ler as 594 críticas deles

    3,5
    Enviada em 19 de maio de 2019
    Eu gostei. Óbvio que tem coisas que não ocorreriam, que uma infestação desse nível seria resolvida mais brevemente (por exemplo com o moedor de cana servindo de inspiração). Mas achei um entretenimento legal
    Drih S.
    Drih S.

    Segui-los 822 seguidores Ler as 290 críticas deles

    3,0
    Enviada em 20 de junho de 2019
    THE SILENCE (O Silêncio The Silence é um filme original Netflix lançado em 10 de abril de 2019. O longa é dirigido por John R. Leonetti baseado em um roteiro de Carey Van Dyke e Shane Van Dyke que adapta o romance de horror de mesmo nome de 2015 por Tim Lebbon. O longa começa nos mostrando uma exploração em uma caverna desconhecida, o que libera uma espécie de predadores denominadas por "vespas", que são criaturas que aparentam uma mistura de pterodátilos com morcegos, eles são cegos e se guiam através do som. Rapidamente boa parte da humanidade (principalmente os americanos) passam a enfrentar um verdadeiro caos, e nesse cenário pós-apocalíptico que está a família Andrews, que também estão lutando pela sobrevivência. A nova produção da Netflix causou uma grande repercussão, muitos o consideram com um genérico, um plágio de "Bird Box" e "Um Lugar Silencioso", ambos lançados no ano passado. É inegável as comparações, até porque The Silence traz elementos que encontramos nos dois filmes: como as criaturas que são cegas e se guiam unicamente pelo som, a partir daí a família (que também tem uma garota surda) precisa conviver com o silêncio para sobreviverem - Um Lugar Silencioso. Quando descobrem a nova ameaça e precisam se deslocar buscando um novo abrigo, fugindo da extinção da humanidade, tendo consigo a tensão e o medo em busca da sobrevivência - Bird Box. Eu até acho que The Silence tem mais elementos de Um Lugar Silencioso, a temática funciona mais comparado a este filme do que Bird Box. Porém, The Silence é adaptado do livro de Tim Lebbon lançado em 2015, antes da produção de Bird Box, que por sua vez tem o roteiro adaptado do livro de Josh Malerman lançado em 2014, antes do livro do The Silence. Na minha opinião, um filme ser comparado com outro, ou usar elementos de outro, ou até parecer descaradamente com outro, não é ruim, desde que seja bem feito, que funcione e principalmente, que nos surpreenda em relação ao filme comparado - este é o caso do The Silence. The Silence tem vários problemas, isso é inegável, principalmente se buscarmos explicações em tudo, coesões em tudo (isso até em Bird Box e em Um Lugar Silencioso). Também falta originalidade (fato), principalmente pelas comparações. A premissa é muito boa e tem tudo pra funcionar, mas o roteiro se perde bastante, principalmente em querer nos fazer comprar as suas lógicas. Outro ponto, o último ato do filme, que nos mostra claramente o quanto o roteiro está perdido, em querer explicar coisas inexplicáveis, querendo harmonizar o que já está bagunçado. E até a ideia daquela seita, que poderia até ser melhor aproveitada se tivesse mais tempo. Mas por outro lado o filme me ganhou pelo clima de tensão e suspense, que é tão bom quanto em Um Lugar Silencioso e infinitamente melhor e mais bem feito que em Bird Box. O terror é bom, o suspense funciona muito bem, chegando até a causar sustos, a ambientação é boa (tanto em locais fechados quanto abertos), aquele clima tenso e pesado que nos fazia assistir ao filme totalmente em silêncio (como em Um Lugar Silencioso) está presente e funciona perfeitamente. A ideia das criaturas é muito boa, principalmente em nos mostrar como elas apareceram. Às criaturas são muito bem feitas (aquela mistura de pterodátilos com morcegos) e nos passa o quão sanguinolentas elas são. Sobre o elenco não tem muito o que destacar, The Silence é o típico filme que não exige uma atuação em alto nível, é mais o feijão com arroz mesmo. Stanley Tucci leva bem o seu papel de pai e chefe de família, se colocando à frente para sempre defendê-los. Stanley entrega o que lhe é designado, não tem uma grande atuação mas se destaca perante o resto do elenco. A jovem Kiernan Shipka (conhecida das séries "Chilling Adventures of Sabrina" e "Mad Men") interpreta uma garota surda (qualquer comparação é mera coincidência - kkkkkkkkk) que sempre está lado a lado com o pai na busca incansável pela sobrevivência de toda sua família. Kiernan Shipka também faz direitinho o seu papel, na medida do que é possível tanto para ela quanto para o roteiro (então não podemos esperar muitas coisas). Miranda Otto é mal aproveitada, ela até começa tentando puxar um pouco do protagonismo pra si, mas do meio para o final sua personagem perde bastante relevância. Uma pena, nesse filme as figuras femininas não tiveram o mesmo destaque e a mesma força que tiveram em Bird Box e em Um Lugar Silencioso. John R. Leonetti sempre foi um diretor bem mediano, seus filmes sempre foram de medianos para baixo (pra ser bem gentil), e aqui ele nos entrega mais um trabalho bem mediano, que até apresenta uma boa proposta, mas mal desenvolvida. Porém, se desgarrando da originalidade e deixando um pouco de lado os sentidos e as explicações minuciosas, o filme pode funcionar pra você como funcionou para mim. E sendo bem sincero e fazendo as minhas próprias comparações: Um Lugar Silencioso está no topo, sem dúvidas o trabalho de John Krasinski é genial e eu gostei muito do seu filme. Porém em The Silence eu fiquei mais tenso e o filme me ganhou pelo suspense muito mais que em Bird Box. [19/06/2019]
    Quer ver mais críticas?
    • As últimas críticas do AdoroCinema
    Back to Top