Notas dos Filmes
Meu AdoroCinema
    Sem Fôlego
     Sem Fôlego
    25 de janeiro de 2018 / 1h 57min / Drama
    Direção: Todd Haynes
    Elenco: Oakes Fegley, Millicent Simmonds, Julianne Moore
    Nacionalidade EUA
    Ver o trailer
    Imprensa
    3,5 17 críticas
    Usuários
    3,4 37 notas e 9 críticas
    Adorocinema
    4,0
    notar :
    0.5
    1
    1.5
    2
    2.5
    3
    3.5
    4
    4.5
    5
    Vou ver

    Sinopse e detalhes

    Não recomendado para menores de 10 anos
    Gunlint, Minnesota, 1977. Ao atender um telefonema, o garoto Ben (Oakes Fegley) é atingido pelo reflexo de um raio, que caiu bem em sua casa. Esta situação faz com que seja levado a um hospital em Nova York, onde descobre que não consegue mais ouvir um som sequer. Em 1927, a jovem surda Rose (Millicent Simonds) foge de sua casa em Nova York para encontrar sua mãe, a consagrada atriz Lillian Mayhew (Julianne Moore). A vida destes dois garotos que não conseguem mais ouvir está interligada a partir de um livro de curiosidades, que os leva ao Museu de História Natural.
    Título original

    Wonderstruck

    Distribuidor H2O Films
    Ver detalhes técnicos
    Ano de produção 2017
    Tipo de filme longa-metragem
    Curiosidades 8 curiosidades
    Orçamento -
    Idiomas Inglês
    Formato de produção -
    Cor Colorido
    Formato de áudio -
    Formato de projeção -
    Número Visa -

    Críticas AdoroCinema

    4,0
    Muito bom
    Sem Fôlego

    O mundo sem som

    por Francisco Russo
    Ao longo da carreira, Todd Haynes já demonstrou ser um diretor inquieto - que o digam Velvet Goldmine e Não Estou Lá, dois de seus filmes mais arriscados. Por mais que seu novo trabalho, Sem Fôlego, aparentemente traga uma roupagem tradicional devido ao tom de fábula infantil, na verdade ele traz uma profunda reinvenção do livro no qual foi baseado, de forma não apenas a prestar uma grande homenagem ao cinema mas também esmiuçar uma linguagem cinematográfica com pouquíssimos diálogos. O resultado, em sua metade inicial, é brilhante.A história acompanha duas realidades em paralelo: em 1977, o jovem Ben (Oakes Fegley) subitamente é atingido pelo reflexo de um raio, que caiu em sua casa. Em 1927, uma garota (Millicent Simmonds) foge de casa para encontrar sua mãe, uma atriz consagrada. Ambos nada ouvem: ela de nascença, ele devido ao acidente. É a deixa para que Haynes estabeleça uma narrat...
    Ler a crítica
    Sem Fôlego Trailer Legendado 2:27
    Sem Fôlego Trailer Legendado
    1 821 visualizações
    Sem Fôlego Trailer Original 2:40
    1 450 visualizações
    Sem Fôlego Teaser Original 1:38
    398 visualizações
    Sem Fôlego Teaser Legendado 1:38
    373 visualizações

    Entrevista, making-of e cena

    Festival de Cannes 2017: Dia 2 3:14
    Festival de Cannes 2017: Dia 2
    333 visualizações
    6 vídeos
    Pela web

    Elenco

    Oakes Fegley
    Personagem : Ben
    Millicent Simmonds
    Personagem : Rose
    Julianne Moore
    Personagem : Lillian Mayhew
    Michelle Williams
    Personagem : Elaine
    Ficha completa

    Comentários do leitor

    Nelson J
    Nelson J

    Segui-los 18023 seguidores Ler as 1 220 críticas deles

    0,5
    Enviada em 27 de janeiro de 2018
    Sem noção. Seguir o filme é um exercício de paciência e de tédio, para uma sequência que levará ao clichê, ao lugar comum. Fuja.
    Eduardo F.
    Eduardo F.

    Segui-los 14 seguidores Ler as 16 críticas deles

    4,0
    Enviada em 27 de janeiro de 2018
    Fui assistir no cinema somente por ser um filme com a Julianne Moore. Fui sem saber nada sobre o filme e digo a você que é um filme muito gostoso de assistir. O filme possui uma delicadeza que me encantou. Julianne Moore não é a personagem principal do filme, mas sua participação é fundamental para o desenrolar da trama. Ela conseguiu passar muita emoção mesmo não falando uma palavra durante o filme. Adorei!
    c4rlc4st
    c4rlc4st

    Segui-los 284 seguidores Ler as 279 críticas deles

    3,5
    Enviada em 15 de abril de 2019
    Em seus melhores momentos, o filme é encantador pelo seu primor visual e um grande tributo ao cinema mudo, que explora a surdez dos protagonistas através de uma incrível trilha sonora. Porém, quando o requinte técnico naturalmente deixa de deslumbrar, o roteiro não consegue manter o mesmo nível da primeira metade do filme e cai em uma história pouco convincente, previsível e indulgente. Mesmo assim, do mesmo jeito que é fascinante ...
    Leia Mais
    Marvete F
    Marvete F

    Segui-los 5 seguidores Ler as 27 críticas deles

    5,0
    Enviada em 6 de maio de 2017
    Eu já estou de olho no oscar 2018 pra esse filme. Ansiosa demais pra que saia a data pra lançamento aqui no Brasil. Julianne moore de cabelo branco!
    8 Comentários do leitor

    Fotos

    16 Fotos

    Curiosidades das filmagens

    Em Cannes

    Participante do Festival de Cannes 2017.

    Reencontro dos grandes

    Julianne Moore e Todd Haynes já trabalharam juntos em Mal do Século (1995), Longe do Paraíso (2002) e Não Estou Lá (2007) - este última conta também com a Michelle Williams no elenco.

    Inspiração

    Baseado no livro Wonderstruck, de Brian Selznick, que também assina o roteiro.
    8 curiosidades

    Últimas notícias

    Calendário de adaptações literárias em 2018
    NOTÍCIAS - Lançamentos
    sexta-feira, 5 de janeiro de 2018
    Confira se os seus livros favoritos chegarão às telonas brasileiras neste ano!
    Estreias de janeiro nos cinemas
    NOTÍCIAS - Lançamentos
    segunda-feira, 1 de janeiro de 2018
    Viva - A Vida é uma Festa e Jumanji: Bem-Vindo à Selva, com The Rock, prometem ser os campeões de público.
    28 Notícias e Matérias Especiais

    Se você gosta desse filme, talvez você também goste de...

    Mais filmes similares

    Comentários

    • emmecarrd
      Partes bonitas, mas que no todo deixa a desejar. É preciso ter pasciencia para se ver um fim morno.
    • Senhor Ivan
      Filme triste,com uma fotografia antiga que ajuda a realçar o sentimento,a trilha sonora aumenta ainda mais a sensação e no final,acaba sendo um drama muito emocionante.A dupla juvenil é bem escolhida,nos passa uma firmeza nas suas demonstrações.O elenco experiente tem pouco espaço,mas são fundamentais na reta final.>Assistido em 04 de Julho de 2018-Dou nota 7/10
    Mostrar comentários
    Back to Top