Notas dos Filmes
Meu AdoroCinema
    Eu, Você e a Garota que Vai Morrer
    Média
    4,4
    201 notas e 33 críticas
    distribuição de 33 críticas por nota
    9 críticas
    14 críticas
    8 críticas
    1 crítica
    1 crítica
    0 crítica
    Você assistiu Eu, Você e a Garota que Vai Morrer ?

    33 críticas do leitor

     Rodrigo
    Rodrigo

    Segui-los 22 seguidores Ler as 3 críticas deles

    4,5
    Enviada em 29 de outubro de 2015
    Para quem pensa ou acha que esse filme é só mais uma versão de pessoas com câncer e draminhas românticos como "A Culpa é das Estrelas", você esta bem enganado (AINDA BEM!!)... Apesar de ser a história de uma garota com câncer terminal, não chega a ser um filme deprimente e sim engraçado na maior parte do tempo. Logo no inicio o tom egoísta e sarcástico que Greg apresenta chega a incomodar as vezes, o jeito que ele desenvolveu para sobreviver ao ensino médio por outro lado é bem inteligente... "Eu, Você e a Garota que Vai Morrer" apresenta uma forma nova e diferente de uma garota com câncer, e sim, Greg e Rachel spoiler: não se apaixonam. Com um final muito e emocionante e realista a gente fica com o gosto de querer saber mais e até ler o livro.
    Carlos P.
    Carlos P.

    Segui-los 85 seguidores Ler as 168 críticas deles

    3,5
    Enviada em 23 de fevereiro de 2018
    Esse á um filme sobre amizade e, diferente de outros filmes parecidos, não força um romance apenas por serem um garoto e uma garota. Mas é um filme belo, engraçado e emocionante, vale a pena se envolver na história. spoiler: Mesmo com o final previsível - não se engane com o que o narrador diz, ela vai morrer no final - a história consegue te empolgar e te fazer ver o que os personagens sentem.
    Gabriela C.
    Gabriela C.

    Segui-los 20 seguidores Ler as 11 críticas deles

    4,0
    Enviada em 25 de setembro de 2015
    Sem dúvida uma das melhores característica do filme é o tom de humor que o diretor Alfonso Gomez-Rejon (American Horror Story) optou em destacar, é engraçado sem precisar ser forçado, por conta disso a identificação é natural, questionando sempre ‘O que faríamos em situações como a de Greg ou de Rachel?’ No decorrer do filme nos deparamos com os pensamentos de Greg sendo traduzidos em metáforas feitas de animação, algumas em stop-motion, que provoca estranheza a primeira vista, mas insere uma delicadeza única para a história. Filme encantador.
    Bruno Maschi
    Bruno Maschi

    Segui-los 264 seguidores Ler as 215 críticas deles

    5,0
    Enviada em 2 de outubro de 2015
    Um filme brilhante! Uma comédia/dramática fantástica, que me deixa até sem palavras. Me, Eael and The Dying Girl, usa fantasticamente a fotografia e o uso de ângulos de câmeras, para produzir um experiência brilhante, estou emocionado até agora com o jeito simples que o filme me tocou! É um filme com um roteiro muito bem escrito e uma direção belíssima! E conta a história de dois amigos, uma garota com leucemia e um garoto pacato que não possui amor próprio. Os diálogos do filme são cativantes e desdo início você prepara seu coração para um final triste. Acontece que o final, acaba sendo o melhor do filme, valendo a pena toda a emoção que você acaba produzindo durante o longa. Com 5 minutos eletrizantes que são impossíveis descrever. É um filme perfeito, diferente e sem clichês. Obra-Prima.
    Lúcio T.
    Lúcio T.

    Segui-los 335 seguidores Ler as 242 críticas deles

    4,5
    Enviada em 11 de agosto de 2016
    Na vida conhecemos muitas pessoas, conhecidos que dão números às nossas redes sociais, enchem um bar em seu aniversário ou sua lista de contatos do telefone celular, mas poucos são nossos amigos, que se preocupam, que sabem como você realmente é, do que gostas e que estarão lá quando você mais precisar: na "alegria e na tristeza, na saúde e na doença"..... E não necessariamente são aquelas que conhece a mais tempo, certas ocasiões podem te conceder uma bela amizade. E em uma dessas ocasiões é o que se trata o enredo desta adaptação do livro de mesmo título da escritora Jesse Andrews. Fantástico! O diretor Alfonso Gomez-Rejon faz seu segundo trabalho cinematográfico (assinou a direção de ASSASSINO INVISÍVEL de 2014) muito bem feito, com assuntos delicados e muito sérios, mas de uma maneira para lá de divertida, inteligente e muito cativante (bom, em certos momentos tem uma exagerada na "piada", mas está valendo). Legal como Rejon divide a trama em capítulos sem cortes de cenas. Nos envolvemos com o trio de protagonistas rapidamente e a forma que é narrada toda a trajetória do último ano de colegial de Greg (Thomas Mann, ótimo no papel e já atuou em filmes como JOÃO E MARIA: CAÇADORES DE BRUXAS de 2013, PROJETO X - UMA FESTA FORA DE CONTROLE de 2012, SE ENLOQUECER, NÃO SE APAIXONE de 2010 e em outros 10 trabalhos) é muito engraçado. Bom, até chegar no arco final de sua história..... Se trata de uma retrospectiva, então temos a visão deste personagem, que possui seu problemas e convive com pessoas com outros problemas, assim como ele retrata: é a vida! É apresentado o alcoolismo, a carência pelo abandono, mãe protetora demais, exclusão social, drogas, racismo, diferença social, entre outros de uma maneira leve, mas que não deixa de ter um olhar crítico sobre os mesmos. E lógico, temos também que lidar com o principal, a leucemia de Rachel (bem interpretada pela atriz Olivia Cooke que já atuou em OUIJA: O JOGO DOS ESPIRITOS de 2014, A MARCA DO MEDO de 2014, RUBY'S SKIN de 2013 e outros 2 trabalhos). E quando digo temos, nesse momento já estamos ligados aos personagens de tal maneira que é como se você estivesse lá (foi comigo assim). Greg não consegue trabalhar bem isso e leva mais como uma tarefa do bem e então precisa da ajuda do amigo (não declarado por ele) Earl (RJ Cyler em seu primeiro trabalho e já atua bem). Eis que o fim se aproxima e, conforme discussões e verdades são postas na mesa, o tom fica sério.....e ai, meu espectador, prepare os lencinhos..... Uma história linda de amor, mas não entre homem e mulher (o que é lembrado durante a película), e sim entre amigos e de como a gente vive aprendendo com eles...
    Guilherme D
    Guilherme D

    Segui-los 26 seguidores Ler as 106 críticas deles

    4,0
    Enviada em 7 de janeiro de 2016
    O filme trata de assuntos sérios (o câncer, a depressão e a amizade) de uma ótima maneira. Todos as personagens são importantes para a história, seja no desenrolar da trama ou em acontecimentos engraçados, exceto o irmão mais velho de Earl, que não faz sentido nenhum. O filme acerta nas cenas High School (baile de formatura, brigas no pátio), o que é muito difícil. Se muitos se emocionaram com o final de A culpa é das estrelas, prepare o lenço. O mais legal é que certas personagens são estereotipados intencionalmente, e com o desenvolvimento do filme o estereótipo é trocado por uma algo mais real. O filme tem algumas coisas mal resolvidas, mas é um excelente filme, que entrará no meu top 10 de 2015.
    Alexandre S.
    Alexandre S.

    Segui-los Ler a crítica deles

    5,0
    Enviada em 7 de janeiro de 2016
    Filme fantástico!!! Muito tempo que eu não chorava assim assistindo um filme. Pra quem gosta de um drama, aconselho. Aliás, aconselho pra quem gosta de bons filmes.
    Luz do Amanhã
    Luz do Amanhã

    Segui-los 8 seguidores Ler as 62 críticas deles

    3,0
    Enviada em 6 de maio de 2016
    é um filme com ritmo lento,mas consegue cativar com uma história q vc já sabe o final,mas fica esperando q acabe de outro jeito,o elenco é ótimo, é um bom filme.
    Denny S.
    Denny S.

    Segui-los Ler as 8 críticas deles

    5,0
    Enviada em 10 de março de 2016
    Filme "lindo"! Eu sou meio durão quanto as essas historinhas, mas esse filme é surpreendente! É cheio de arte, cultura um tanto de psicologia. Muito bom. Vale a pena ver
    Solangelima Slf
    Solangelima Slf

    Segui-los 1 seguidor Ler as 3 críticas deles

    5,0
    Enviada em 5 de setembro de 2019
    Esse com toda certeza e um dos meus filmes favoritos,fala de amizade sincera, esperança, dar um sentido para vida, e ate mesmo auto-estima, que e um problema visível, em um dos personagens principais, o filme e lindo e te passa uma boa mensagem. ele tira um pouco as suas expectativas, te da um choque de realidade, mas de uma maneira leve, sem muito exageros. eu recomendo o filme e perfeito.
    Quer ver mais críticas?
    • As últimas críticas do AdoroCinema
    Back to Top