Meu AdoroCinema
A Noite do Jogo
Média
3,8
184 notas e 19 críticas
11% (2 críticas)
32% (6 críticas)
42% (8 críticas)
16% (3 críticas)
0% (0 crítica)
0% (0 crítica)
Você assistiu A Noite do Jogo ?

19 críticas do leitor

Maria A.
Maria A.

Segui-los Ler a crítica deles

4,0Muito bom
Enviada em 21/05/18

Eu achei super engraçado, humor negro na medida certa, ótimos atores e algumas referências à grandes filmes. Recomendo.

Nei G.
Nei G.

Segui-los 3 seguidores Ler as 5 críticas deles

4,0Muito bom
Enviada em 13/05/18

Muito Boa comédia, com boa atuação de atores desconhecidos , bem superior as fracas comédias romanticas estreladas por famosos com Adam Sandler. Apenas o final quiseram ser muito originais e forçaram o roteiro. Vale o ingresso !

Eduardo D
Eduardo D

Segui-los 8 seguidores Ler as 61 críticas deles

2,5Regular
Enviada em 13/05/18

A Noite do Jogo tem como protagonistas Max (Jason Bateman) e Annie (Rachel McAdams). Um casal que se conhece em meio a um entretenimento de perguntas e respostas. Quando ambos dizem simultaneamente o nome de um personagem, eles se entreolham e pronto! É amor à primeira vista. Após se conhecerem, casarem e morarem juntos, a dupla continua com o costume de jogar com os amigos. Até o dia em que aparece o irmão de Max, Brooks (Kyle Chandler). Entre os dois há uma certa competição de irmãos com ciúmes e invejas. A história realmente começa quando Brooks convida todos para um novo jogo em sua mansão. Diferente do que estão acostumados, o início ocorrerá após uma simulação de sequestro. Quem descobrir o paradeiro de Brooks ganha como prêmio seu carro novinho. Lembrando Vidas em Jogo de David Fincher (1999), a obra dos Diretores John Francis Daley e Jonathan Goldstein (roteirista do bom Homem-Aranha: De Volta ao Lar de 2017) é ancorado no casal Max e Annie e traz um tom bem cômico. O suspense é mero gatilho para deduzir se o que os personagens vivenciam em cena é de fato real ou uma encenação do jogo. Confuso e com sérios problemas de ritmo, é uma comédia de risadas pontuais. Jason Bateman e Rachel McAdams estão em ótima sintonia com piadas funcionais e no tempo certo. Isso cativa o espectador que em determinados momentos poderia mostrar-se desinteressado devido à narrativa problemática e aos personagens secundários pouco interessantes. Kyle Chandler tem aparecido em diversos longas ultimamente. Geralmente com um personagem coadjuvante. Depois de Lobo de Wall Street (2013) e Manchester à Beira-Mar (2016) - os mais marcantes até então -, ele consegue deixar boas passagens nesta comédia mediana. O policial Gary (Jesse Plemons) alcança alguma graça com sua postura desconfortante e amor inabalável pela ex-mulher. A cena com o cachorro (já vista em parte no trailer) é bem engraçada. Com alguns bons momentos e outros extravagantes e desnecessários, os Diretores conseguem ao menos entregar seu objetivo graças a três boas atuações. De conteúdo supérfluo, mas com harmonia cômica.

Nelson M
Nelson M

Segui-los 79 seguidores Ler as 793 críticas deles

2,0Fraco
Enviada em 10/05/18

o trailer é muito legal. Trata-se de viciados em jogo que fazem um desafio estilo role play, mas o roteiro é banal e clichê, com cenas dispensáveis e diálogos horríveis e desconexos. Jogo dentro do jogo e sem sentido.

Guilherme d
Guilherme d

Segui-los Ler as 6 críticas deles

3,5Bom
Enviada em 04/11/18

Um filme com humor bem conduzido e ótimas cenas. Recomendo para se assistir com a família ou os amigos.

Felipe F.
Felipe F.

Segui-los 3 seguidores Ler as 104 críticas deles

3,5Bom
Enviada em 09/09/18

É uma boa comédia, há ótimos momentos, alguns absurdos e um final bastante exagerado, mas é um bom filme.

Ricardo M.
Ricardo M.

Segui-los 19 seguidores Ler as 471 críticas deles

3,5Bom
Enviada em 30/08/18

Max (Jason Bateman) e Annie (Rachel McAdams) se conheceram e chegaram ao matrimônio graças a um grande interesse por jogos casuais em que a disputa torna-se elemento saudável e rotineiro. O casal responde pela organização de jogatinas semanais entre amigos, até que o irmão de Max, o bem sucedido financeiramente Brooks (Kyle Chandler), resolve inovar criando uma disputa na qual alguém do grupo é sequestrado e os demais devem descobrir a verdade, chegando ao paradeiro da suposta vítima. Apesar de ter um conceito com cara mais simples do que parece, a produção consegue divertir graças ao inesperado, uma vez que o sequestro vai além do programado e os amigos se envolvem de tal forma que conseguem criar bons momentos de diversão, seja com diálogos, gags físicas ou mesclando ambas. E aliado a isso ainda temos algumas doses módicas de ação bem coordenada, um elenco muito bem entrosado, Michael C. Hall e um plano sequência para roubar um ovo que é simplesmente soberbo na ousadia técnica.

Regiane p
Regiane p

Segui-los Ler as 2 críticas deles

5,0Obra-prima
Enviada em 24/08/18

Vou dar 5 estrelas, pois, é exatamente de filmes assim que eu gosto, muitos podem dizer que é pastelão, porém, adoro filmes divertidos como este, super gostoso de assistir, recomendo!

Lilian B.
Lilian B.

Segui-los Ler as 5 críticas deles

4,0Muito bom
Enviada em 16/08/18

Eu adoro a Rachel e também gostei dela nesse filme. Tem alguns besteiróis mas não deixa de ser divertido. Recomendo sim!

Gabriel S.
Gabriel S.

Segui-los Ler as 3 críticas deles

2,5Regular
Enviada em 22/07/18

Filme bem engraçado, com varios plots twists ao decorrer do filme que é nao sao tão previsiveis, durante oa cenas de ação foi usado efeitos muito bons de camerar que fazem com quem esta vendo ter uma imersão melhor no que esta acontecendo na cena, e tambem são bem executados

Quer ver mais críticas?
  • As últimas críticas do AdoroCinema
Back to Top