Notas dos Filmes
Meu AdoroCinema
    Livrai-nos do Mal
    Média
    3,9
    885 notas e 163 críticas
    distribuição de 163 críticas por nota
    47 críticas
    32 críticas
    48 críticas
    16 críticas
    13 críticas
    7 críticas
    Você assistiu Livrai-nos do Mal ?

    163 críticas do leitor

    Gabriela N.
    Gabriela N.

    Segui-los 2 seguidores Ler a crítica deles

    3,0
    Enviada em 21 de setembro de 2014
    Com trailer e poster de divulgação totalmente assustadores, é de se esperar que o filme siga essa mesma linha, porém, não é bem isso acontece. Nos primeiros minutos do filme, acompanhamos o surgimento do mal e como o sargento Ralph Sarchie, interpretado por Eric Bana, acaba de conectando com esse fato. Como a grande maioria dos filmes de terror, os sustos são previsíveis, mas não deixam de assustar o telespectador desprevenido. ''Livrai-nos do Mal'' possui clichês, mas quebra tabus em relação a religiosidade, como por exemplo, o padre Mendoza (Edgar Ramírez), que não é o típico padre que estamos acostumados a ver em filmes de exorcismos, ele é apenas uma pessoa comum, com todos os seus erros e acertos. Para não se decepcionar assistindo ao filme, é preciso enxerga-lo com outros olhos, mais no sentido de que é um longa-metragem de suspense/mistério, já que ocorrem fatos que não são explicados, spoiler: como a música do ''The Doors'', imagem de um pássaro na parede que nos leva a crer ser a coruja de pelúcia de Christina, filha de Sarchie, por que tantas mensagens escritas nas paredes, entre outras coisas, que talvez deixariam o fime mais assutador do que tenso.
    Carla G.
    Carla G.

    Segui-los 1 seguidor Ler a crítica deles

    5,0
    Enviada em 23 de setembro de 2014
    Crítica extremamente positiva em relação à abordagem espiritual envolvida, pois a história atinge apenas o telespectador que tenha alguma iniciação espiritual bíblica ,embora o filme como construção deixe um pouco a desejar no roteiro e interpretações. Meandros do mundo espiritual primários ( principados, postestades e hostes espirituais do maI ) , a partir de um fato verídico com um policial de Nova York são verdadeiramente expostos aqui, como manifestos no mundo secundário ( mundo da carne , o nosso mundo ) . Filme com verdadeiro embasamento bíblico , quem conhece de batalha espiritual , dos 1/3 dos anjos de Isaias , da intenção deles para com quem foi criado à imagem e semelhança de Deus, quem assistir ao filme dessa maneira vai se surpreender. Quem assistir ao filme esperando ser um filme de terror , vai ver apenas uma história mediana, sem nada de excepcional.
    Cintia T.
    Cintia T.

    Segui-los 15 seguidores Ler as 10 críticas deles

    1,0
    Enviada em 28 de setembro de 2014
    Parece filme de sessão da ia muito fraca . Decepção total . Não recomendo . Não assusta em nda pelo contrário da sono...
    Sidney  M.
    Sidney M.

    Segui-los 13476 seguidores Ler as 1 080 críticas deles

    3,0
    Enviada em 19 de setembro de 2014
    Gostei bastante da história, e achei a trama bem amarrada.Entretanto não é um filme que render grandes sustos ou até mesmo dar medo. Mas o roteiro investe muito no suspense, e também no vilão, que vai se revelando aos poucos. É um filme bem feito, com bons efeitos e uma boa fotografia, mas como terror decepciona.
    Leonardo V.
    Leonardo V.

    Segui-los 17 seguidores Ler as 4 críticas deles

    1,0
    Enviada em 23 de abril de 2016
    Fiquei esperando o algum susto ou alguma parte interessante o filme inteiro, e quando chegou na melhor parte onde eu esperava vários bons sustos, não acontece nada demais e ainda acaba.
    Pierre C.
    Pierre C.

    Segui-los 35 seguidores Ler as 4 críticas deles

    3,0
    Enviada em 30 de setembro de 2014
    Scott Derrickson é um diretor já conhecido entre os fãs de cinema de terror e suspense. Responsável por filmes como "O Exorcismo de Emily Rose", "O Dia em que a Terra Parou" e "A Entidade", este americano demonstra ter grande habilidade em criar atmosferas sombrias e malignas. Em "Livrai-nos do Mal" ele consegue este mesmo clima com bastante êxito. A história mostra a rotina de um policial que se depara com estranhos acontecimentos: um bebê jogado ao lixo, uma mulher que atira o filho aos leões, um homem que ataca violentamente a esposa. A partir daí a narrativa vai se desenvolvendo e, pouco a pouco, o espectador vai descobrindo as verdadeiras razões dessas manifestações. Derrickson encaminha sua história para a questão da libertação e manifestação do mal e utiliza o exorcismo como forma de defesa. O resultado disso tudo é uma obra tensa e repleta de clichês do gênero que, de uma forma ou outra, fazem o filme caminhar. Muito mais do que o próprio terror em si, o que mais prende a atenção do público é a descoberta dessa manifestação do mal e todos que a ela estão ligados. Esse é o grande mistério da narrativa. A Direção de Fotografia aposta em ambientes de pouca luz. Isso, obviamente, traz um clima obscuro e serve para intensificar a agonia do espectador diante daquilo que não pode ver com total clareza. Fora isso, nos deparamos com o velho dilema: a luta do bem contra o mal, da luz contra as trevas. Nada original, mas funcional. O que fica também bastante evidente aqui é a questão da fé humana e o vínculo com a religião. Vemos isso claramente na figura do policial, um católico quando criança e que hoje já não dá importância a isso. Já o padre possui um ar contemporâneo e revela um passado com alguns "deslizes" que foram superados através de sua crença. Isso sem falar nos objetos de cena: o Cristo na parede, os crucifixos, a água benta. E à medida que a história avança vai ficando claro para a plateia que a fé pode mudar o ser humano, tornando-o melhor de alguma maneira. Não há dúvidas de que "A Entidade", obra que dirigiu anterior a essa, foi bastante superior em termos de Roteiro. "Livrai-nos do Mal" está muito distante de ser um filme grandioso. Certamente nem foi feito pensando nisso. É uma obra interessante, que rende um ou outro susto e segue a escola do gênero de forma fiel. Nada além disso.
    Gabriel R.
    Gabriel R.

    Segui-los 20 seguidores Ler as 4 críticas deles

    3,0
    Enviada em 21 de setembro de 2014
    não me surpreendeu em nda,aliás achei mega Parado !! So gostei mesmo do final a parte do exorcismo! pq o resto zzzz
    Victor H.
    Victor H.

    Segui-los 11 seguidores Ler as 8 críticas deles

    2,0
    Enviada em 3 de outubro de 2014
    Assisti esse filme, e ele me decepcionou... FRACO DE MAIS !
    Flaah S.
    Flaah S.

    Segui-los 12 seguidores Ler as 2 críticas deles

    5,0
    Enviada em 27 de setembro de 2014
    um dos melhores filmes de terror!vi com uma amiga,varios gritos kkk adorei ,produção perfeita! nada a reclamar
    anônimo
    Um visitante
    3,5
    Enviada em 29 de setembro de 2014
    Sabemos que não é de hoje que as histórias que trazem exorcismo no enredo invadem o cinema.São inúmeras as produções que contém esse tema ,(inúmeras mesmo).Mais que analisar de forma correta,Livrai-nos do Mal,saberá que o filme não irá tratar apenas exorcismo.Ali no começo temos a apresentação de soldados em campo de batalha no Iraque,que entram em um tipo de túnel,e dali não se tem mais notícias.O filme se agarra nesse pequeno trecho,onde vai unir a história de três soldados.É claro que tem todos aqueles elementos que sempre torna o filme clichê,como vultos passando em frente a câmera,porta batendo,quarto escuro,criança sozinha,mãe desnaturada...Mais além disso,o filme te leva em uma boa dinâmica,que faz realmente participar de uma forma positiva do filme.As cenas são bem produzidas,e o mistério que envolve os personagens é interessante.Destaque para Eric Bana,que fez com que o seu personagem passasse uma realeza clara de que todos queriam ver de fato.Objetivo e solitário,Bana consegue agradar em todo o filme.
    Quer ver mais críticas?
    • As últimas críticas do AdoroCinema
    Back to Top